Matérias Mais Lidas

imagemMarcello Pompeu, em busca de emprego, pede ajuda a seguidores

imagemRegis Tadeu explica porque o vinil e o Spotify vão despencar e o CD vai bombar

imagemOzzy Osbourne revela o único integrante de sua banda que saiu "do jeito certo"

imagemEdgard Scandurra, do Ira!, explica atual sumiço do rock nas rádios brasileiras

imagemDavid Gilmour surpreende ao responder se o Pink Floyd pode voltar a fazer shows

imagemGene Simmons faz passagem de som antes de show do Kiss com roupa inusitada

imagemPaul McCartney lista os cinco músicos que formariam sua banda dos sonhos

imagemMax Cavalera e o conselho dado por Ozzy Osbourne: "ambos nos sentimos traídos"

imagemQuem Glenn Hughes considera digno de substituí-lo como "a voz do rock"

imagemBill Hudson comenta sobre falta de público de Angra e outras bandas nos EUA

imagemJames Hetfield se emociona profundamente no show de BH e é amparado pelos amigos e fãs

imagemBrian May revela o inesperado álbum do Queen que é o seu favorito

imagemPink Floyd: Em entrevista de 1984, David Gilmour falou sobre "The Final Cut"

imagemDez grandes músicas do Iron Maiden escritas pelo vocalista Bruce Dickinson

imagemConheça a "melhor banda com as melhores músicas" para Robert Smith, do The Cure


Stamp

Edu Falaschi: pocket show de lançamento do álbum "Moonlight"

Resenha - Edu Falaschi (Shopping Morumbi, SP, 18/06/2016)

Por Alexandre Caetano
Em 21/06/16

Edu Falaschi fez um pocket show de lançamento do álbum Moonlight, no shopping Morumbi, em São Paulo.

Apesar do espaço na livraria Saraiva ser pequeno e o palco baixo – quase ninguém conseguia ver o músico – a qualidade técnica de Edu Falaschi e dos músicos Tiago Mineiro e Mello Jr. proporcionou uma apresentação impecável.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

A grande vantagem de um show restrito, com público bem menor que o habitual, é a possibilidade de um bate-papo entre as músicas, que aproxima os fãs e esclarece alguns detalhes sobre um álbum bem particular.

Edu contou com o lado eclético dos fãs para fazer a releitura das músicas e trazer um formato diferente para a apresentação de sucessos consagrados. A carreira solo dá mais liberdade na hora de por em prática algumas ideias que não precisam ser aprovadas por uma banda, assim Moonlight pôde ser pensado não somente como um novo álbum, mas com a projeção das futuras apresentações ao vivo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Nem sempre as apresentações serão no formato de pocket show como este, e quando possível os shows contarão com quarteto de cordas para que as músicas sigam fielmente o material gravado. Esse foi um dos motivos de não ter trazido convidados para dividir os vocais durante as gravações, pois seria difícil conciliar agendas para manter as parcerias ao vivo.

Para o pocket show algumas alterações foram necessárias, gerando alguns resultados bem curiosos. A música Spread Your Fire, que já havia perdido todo o peso de sua versão no Angra, virou uma verdadeira bossa nova com voz e violão. Nada que destoe da intenção de um álbum intimista e marcante.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Entre uma música e outra, Edu contou alguns detalhes técnicos quanto à escolha das canções selecionadas. A prioridade foi para suas próprias composições e apesar de ser necessária uma boa adaptação para o acústico, ele preferiu evitar músicas que já fossem próximas a esse formato, pois queria um material realmente inovador.

A falta de músicas do Almah – somente a Breathe foi selecionada – também tem uma explicação. Não é por falta de reconhecimento, mas pelo fato de ainda liderar a banda, o que poderia criar certa concorrência que não seria boa para nenhum dos lados.

O Angra foi a banda que deu mais notoriedade à sua carreira, marcando grande presença no álbum. Uma das curiosidades foi a liberdade de trabalhar não somente a adaptação sonora, mas em Angels And Demons, composta por Rafael Bittencourt, havia uma divergência ideológica na letra. Edu nunca gostou da ideia de cantar "God is not love" (Deus não é amor), portanto no Moonlight teve a oportunidade de adaptar a letra de acordo com o que acredita, passando para "God is love" (Deus é amor).

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

A apresentação foi encerrada com uma longa sessão de fotos e autógrafos. Os fãs foram recebidos com muita simpatia e atenção por Edu Falaschi e Tiago Mineiro. Uma atração à parte foi a pequena Mikaela, filha do Edu, que distribuía papeizinhos com seus autógrafos para alguns fãs.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

PRB
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp




Sobre Alexandre Caetano

Alexandre Caetano, tem 31 anos, mais da metade dedicados ao Rock. Mora em São Paulo, é formado em ciências sociais, mas nas horas vagas arruma um tempinho para escrever e traduzir textos, para divulgar material de suas bandas favoritas!

Mais matérias de Alexandre Caetano.