Matérias Mais Lidas

Iron Maiden: debilitado, Paul Di'Anno depende de vaquinha virtual para fazer cirurgiaIron Maiden
Debilitado, Paul Di'Anno depende de vaquinha virtual para fazer cirurgia

Snowy Shaw: ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no NightwishSnowy Shaw
Ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no Nightwish

Rodolfo Abrantes: O sonho da minha mãe era eu voltar aos RaimundosRodolfo Abrantes
"O sonho da minha mãe era eu voltar aos Raimundos"

Nirvana: Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.Nirvana
Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.

Metallica: TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully GuitarsMetallica
TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully Guitars

Carlinhos Brown: ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razãoCarlinhos Brown
Ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razão

Nirvana: por que, até hoje, Dave Grohl não canta músicas da bandaNirvana
Por que, até hoje, Dave Grohl não canta músicas da banda

Timo Tolkki: Ex-Stratovarius abraça teorias conspiratórias negacionistas sobre Covid19Timo Tolkki
Ex-Stratovarius abraça teorias conspiratórias negacionistas sobre Covid19

Guns N' Roses: Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivoGuns N' Roses
Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivo

Max Cavalera: O único presidente bom do Brasil foi mortoMax Cavalera
"O único presidente bom do Brasil foi morto"

Soul Station: projeto de Paul Stanley com guitarrista brasileiro lança músicaSoul Station
Projeto de Paul Stanley com guitarrista brasileiro lança música

AC/DC: Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)AC/DC
Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)

Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás - Parte 1
Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás - Parte 1

Osama Bin Laden: O que havia na sua coleção de cassetes?Osama Bin Laden
O que havia na sua coleção de cassetes?

A Chave do Sol: morre Rubens Gioia, ex-guitarrista da bandaA Chave do Sol
Morre Rubens Gioia, ex-guitarrista da banda


Matérias Recomendadas

Sabaton: Exército brasileiro retribuiu homenagem da banda suecaSabaton
Exército brasileiro retribuiu homenagem da banda sueca

Slipknot: Joey Jordison revela o verdadeiro motivo de sua saídaSlipknot
Joey Jordison revela o verdadeiro motivo de sua saída

Metal: as bandas e sub-gêneros mais odiados pelos metalheadsMetal
As bandas e sub-gêneros mais odiados pelos metalheads

Death On Two Legs: a declaração de ódio de Freddie MercuryDeath On Two Legs
A declaração de ódio de Freddie Mercury

Freedom of Expression: o tema do Globo RepórterFreedom of Expression
O tema do Globo Repórter

Stamp
Tunecore

4º Dinossauros do Vale: como foi o evento em São José dos Campos

Resenha - 4º Dinossauros do Vale (Hocus Pocus, São José dos Campos, 29/03/2013)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por José Antonio Alves
Enviar Correções  

A cidade de São José dos Campos, no interior de São Paulo, recebeu no último dia 29 de março o Encontro dos Dinossauros do Vale, que reuniu as bandas TORMENTOR BESTIAL, HEAD KRUSHER, DESGRACEIRA e a lenda do Thrash Metal brasileiro MX. O evento ocorreu no Hocus Pocus Studio & Café, e para quem não sabe, este encontro está em sua quarta edição e é fruto do movimento de headbangers das antigas ajudando a promover o Metal e claro, a também trazer coisas clássicas para o público.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Texto: José Antonio Alves
Fotos: Rogerio Seiji

A casa Hocus Pocus é um lugar não muito grande, mas que com dois espaços, um aberto e outro fechado, recebeu muitos headbangers que aproveitaram o feriadão da Sexta-Feira Santa ouvindo um alto e bom som. A primeira banda a subir ao palco foi o TORMENTOR BESTIAL, quando já passava da meia noite. O grupo oriundo da cidade de Taubaté pratica um Heavy Metal com influências do Thrash Metal, apresentando um som bem calcado em bandas como BLACK LABEL SOCIETY e MOTÖRHEAD.

Vale destacar as faixas "Almost Human", "Reborn Of The Ashes" (uma faixa mais rápida com uma boa melodia empregada), "God Save, Satan Deprave" e as boas "Conquest Wine And Women" (essa com mais elementos do Thrash Metal) e "Gods Of War", músicas que empolgaram o público mais jovem presente, que agitou com toda energia que lhes é peculiar.

Logo em seguida foi a vez de outra banda de Taubaté dar as caras, o HEAD KRUSHER. Ai o buraco era mais embaixo. Formado no final de 2005, a banda manda um Death Metal mesclado ao Black e Thrash Metal, que resultou em uma intensa e brutal performance, com um feeling que impressionou.

Faixas como "Devil Mind", "Greed" (estas duas presentes no EP "Deskontroll",de 2009), "Chaos Reigns" e "Red Manifestation" (do Full-Lenght "Hellvenge", de 2012) são verdadeiras aulas de brutalidade que demonstram competência de sobra. Eis uma banda com potencial que pode fazer bonito no futuro.

Para desgraçar ainda mais a Sexta Feira Santa, era hora do Crossover/Thrash da banda DESGRACEIRA agitar ainda mais a noite. Liderada por Luiz Arthur, também vocalista da banda THIS GRACE FOUND, o grupo faz um som intenso com algumas letras que chegam a ser cômicas, como "Noteuku", "Meu Saco Coça" e "Colorido de Merda".

Com toda essa parte das letras mais um instrumental bem arrebatador, a banda fez uma ótima apresentação, a se ressaltar apenas que a essa altura o público já não agitava tanto quanto antes. Vale a pena conferir um pouco dessa brutalidade no MySpace, em http://www.myspace.com.br/desgraceirahc

Parece que o público guardava as energias para o que viria a seguir, a lenda MX finalmente subiria ao palco para mostrar faixas clássicas de álbuns como "Simoniacal" e "Mental Slavery". A banda, que fez com louvor a abertura do show do ARCH ENEMY ano passado e também um show este ano ao lado do DESTRUCTION em Catanduva, se prepara para lançar um álbum especial com regravações de clássicos escolhidas pelos fãs.

Contando com Alexandre Cunha (vocal e bateria), Morto (guitarra/baixo e vocal), Alexandre Gonsalves "Dumbo" (baixo/guitarra) e Décio Jr. (guitarra), o MX fez uma apresentação que abalou as estruturas do Hocus Pocus. Mesmo com problemas de microfonia durante alguns momentos da apresentação, o som era absurdamente destruidor, e a sequencia "Mental Slavery", "Fighting For The Bastards" e "Behind His Glasses" deixou os presentes em êxtase, com muita agitação e energia.

A banda ainda mandou a "baladinha "The Guf", do clássico "Mental Slavery", "Criminous Command" do álbum "Again" de 1997 e um ótimo cover para a música "Metal Church", do Metal Church, banda que logo mais tocará na primeira parte do Live ´N´ Louder em São Paulo no mês de abril.

"Dark Dream", do álbum "Simoniacal" também esteve presente, juntamente com a agressiva "I’ll Bring You With Me". Logo em seguida foi hora de "Jason" dar uma passadinha no show do MX e provar que está mais vivo do que nunca através de cada uma das notas da música da banda. Uma das melhores da noite e que preparava o público para a sequencia final de músicas que seria a mais matadora.

"Dirty Bitch" é uma das faixas que já valem o ingresso, e de tão enérgica ganhou até repetição no show. O público continuou insano e até de mais, em alguns momentos alguns presentes subiam ao palco e faziam o famoso "Crowd Surfing" no meio da galera, fato esse que em alguns momentos até prejudicou o "laboratório" de pedais, cabos e afins que o MX tinha no palco.

Para fechar, um medley de covers com dois mestres do Thrash Metal mundial: uma dobradinha com "A Lesson In Violence", do EXODUS, e "Angel Of Death", do SLAYER, que nem preciso dizer como o público respondeu. Alguns até se arriscavam a subir no palco e cantar alguns dos versos das músicas, tamanha a empolgação. "Satanic Noise" encerrou a apresentação e literalmente deixou os barulhos satânicos nos ouvidos dos presentes em São José dos Campos.

Quem presenciou esta apresentação deve ter saído de lá com uma certeza: o MX tem muita lenha para queimar. E isso só aumenta a expectativa para o que virá no futuro, começando com o álbum de regravações de clássicos. Um dia para se guardar e que poderá ser relatado daqui dez, vinte anos, como o dia que vimos uma lenda do Thrash Metal brasileiro ao vivo. Sim, MX is Alive.

Setlist – MX

Mental Slavery
Fighting For The Bastards
Behind His Glasses
Torment
The Guf
No Violence
Criminous Command
Metal Chruch (Metal Church cover)
I´ll Be Alive
Dark Dream
I´ll Bring You With Me
Jason
Dirty Bitch (2x)
Medley - A Lesson In Violence (Exodus) + Angel Of Death (Slayer)
Satanic Noise

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Fonte: A Ilha do Metal
http://www.ailhadometal.com/reviews/4o-dinossauros-do-vale-h...


Baladas de Sangue
Receba novidades de Rock e Heavy Metal por Whats App


Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Ghost: De quais bandas brasileiras eles gostam?Ghost
De quais bandas brasileiras eles gostam?


Musas: Algumas das beldades do Rock e Metal nacionalMusas
Algumas das beldades do Rock e Metal nacional

Oops!: 10 erros eternizados em gravações de clássicosOops!
10 erros eternizados em gravações de clássicos


Sobre José Antonio Alves

Aventureiro, mochileiro, amante da cultura latina e claro, fã de um dos estilos mais fascinantes deste universo musical: o Heavy Metal!

Mais matérias de José Antonio Alves no Whiplash.Net.