Alice In Chains: banda estava em grande forma no SWU

Resenha - Alice In Chains (SWU, Paulínia, 14/11/2011)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Pedro Sant'Anna
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Não nego a minha paixão pelo Alice In Chains. Mesmo tendo minhas principais influências musicais no thrash metal oitentista, a banda de Jerry Cantrell me encantou logo de cara, inclusive ajudando-me a abrir a mente para outros estilos do rock.

1584 acessosLayne Staley: ele mudou nome do meio graças a Tommy Lee5000 acessosSlipknot: Demissão de Joey Jordison foi a decisão mais difícil da carreira

Quando conheci a banda ela já estava vivendo o imenso hiato pós-morte de Layne, o que, de certa maneira, me frustrava. O material lançado até o auto-intitulado álbum de 1995 me deixava com "sede de mais". Era como se todo aquele potencial pudesse ser convertido em milhares de novas músicas!

A volta do Alice (digo em termos de lançamentos de estúdio) trouxe, pelo menos para mim, um misto de esperança e receio, já que era difícil prever o resultado de uma reunião após 14 anos. Sim! Sei que o Jerry lançou ótimos discos em sua carreira solo, mas com o Alice a expectativa se fazia ainda maior.

Pois bem... Após longa espera recebemos um presente de altíssima qualidade, com um novo integrante escolhido a dedo e, acima de tudo, disposto a não se ater a um cover do falecido Layne. "Black Gives Way to Blue" correspondeu em todos os sentidos, marcando uma bela estreia de Duvall em sua dupla vocal com Cantrell. Ótimo disco, confirmando uma vertente da banda voltada para o heavy metal. Um CD pesado e melódico, que não deixou de lado o lirismo depressivo característico do Alice.

Agora, analisemos a vinda dos caras para o Brasil, mais precisamente ao festival SWU. O evento em si não me chamou muita atenção, com exceção às apresentações de bandas como Down, Megadeth e o próprio Alice In Chains. Me preparei somente para vê-los. Fiquei até surpreso com a recepção do público com os times liderados por Anselmo e Mustaine. Não sabia se teríamos quórum voltado para Stone Temple Pilots e similares (com todo o respeito) ou para um som mais intenso e elaborado. A ansiedade se aproximou nos minutos que precederam a apresentação do Alice.

Quando a banda subiu ao palco, foi possível perceber a energia do show já na abertura: “Them Bones” e “Down That River” foram capazes de entusiasmar a todos. Com a recepção calorosa do público, que enfrentou o frio e a chuva, a banda retribuiu da melhor forma, com carisma e muito “feeling”. E algo me chamou a atenção: Os fãs do Alice são, de fato, pessoas que carregam o som da banda como trilha sonora de suas próprias vidas. Muitos gritavam, pulavam e choravam durante a exibição de clássicos como “Got Me Wrong”, “Nutshell” e “Downs In a Hole”. Destaque para a aula de guitarra dada pelo Jerry Cantrell: Um primor nos solos cadenciados, mas muito bem executados. Duvall foi muito bem, surpreendendo até a mim.

Para fechar sem decepções, o show terminou com a esperada “Would?”, antes passando por outros clássicos e excelentes músicas do “Black Gives Way To Blues”. Foi muito bacana vê-los tocando “Last Of My Kind” e “Check My Brain”, sons com peso e melodia na medida certa.

Enfim, espero revê-los em breve. Mas saio com a certeza que uma lacuna em minha vida foi preenchida numa noite inesquecível.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Alice In Chains (SWU, Paulínia, 14/11/2011)

2510 acessosAlice In Chains: resenha de show no SWU do Minuto HM

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Layne StaleyLayne Staley
Ele mudou nome do meio graças a Tommy Lee

1067 acessosHeavy Metal: Os Invisíveis3112 acessosOzzy Osbourne: escolhendo álbum do Alice in Chains no seu Top 101626 acessosHeart: "As bandas de Seattle festavam direto na minha casa"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Alice In Chains"

Alice In ChainsAlice In Chains
Os álbuns da banda, do pior para o melhor

VozVoz
10 músicos que cantam tão bem quanto os vocalistas (Parte II)

MetallicaMetallica
Lars Ulrich conta qual seu maior parça no meio musical

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de Shows0 acessosTodas as matérias sobre "SWU Festival"0 acessosTodas as matérias sobre "Alice In Chains"

SlipknotSlipknot
Demissão de Joey foi a decisão mais difícil da carreira

Collectors RoomCollectors Room
Coleção de Metallica com 16 versões apenas do "Ride"

Em 10/08/1993Em 10/08/1993
Euronymous é assassinado por Varg Vikernes

5000 acessosDavid Bowie: lendário cantor morre, aos 69 anos de idade5000 acessosAerosmith: Steven Tyler e três mulheres nuas no chuveiro5000 acessosThe Voice: candidato canta Slipknot e passa para a próxima fase5000 acessosIron Maiden: noiva toca versão emocionante de música durante casamento5000 acessosMetallica: Análise vocal de James Hetfield5000 acessosGaleria - Rock N' Roll Ribs: conheça restaurante de Nicko McBrain

Sobre Pedro Sant'Anna

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online