Resenha - Alice In Chains (SWU, Paulínia, 14/11/2011)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Pedro Sant'Anna
Enviar correções  |  Ver Acessos

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Não nego a minha paixão pelo Alice In Chains. Mesmo tendo minhas principais influências musicais no thrash metal oitentista, a banda de Jerry Cantrell me encantou logo de cara, inclusive ajudando-me a abrir a mente para outros estilos do rock.

Smashing Pumpkins: Corgan responde se sairia em turnê com o Alice in ChainsU2: as 10 melhores músicas de todos os tempos da banda

Quando conheci a banda ela já estava vivendo o imenso hiato pós-morte de Layne, o que, de certa maneira, me frustrava. O material lançado até o auto-intitulado álbum de 1995 me deixava com "sede de mais". Era como se todo aquele potencial pudesse ser convertido em milhares de novas músicas!

A volta do Alice (digo em termos de lançamentos de estúdio) trouxe, pelo menos para mim, um misto de esperança e receio, já que era difícil prever o resultado de uma reunião após 14 anos. Sim! Sei que o Jerry lançou ótimos discos em sua carreira solo, mas com o Alice a expectativa se fazia ainda maior.

Pois bem... Após longa espera recebemos um presente de altíssima qualidade, com um novo integrante escolhido a dedo e, acima de tudo, disposto a não se ater a um cover do falecido Layne. "Black Gives Way to Blue" correspondeu em todos os sentidos, marcando uma bela estreia de Duvall em sua dupla vocal com Cantrell. Ótimo disco, confirmando uma vertente da banda voltada para o heavy metal. Um CD pesado e melódico, que não deixou de lado o lirismo depressivo característico do Alice.

Agora, analisemos a vinda dos caras para o Brasil, mais precisamente ao festival SWU. O evento em si não me chamou muita atenção, com exceção às apresentações de bandas como Down, Megadeth e o próprio Alice In Chains. Me preparei somente para vê-los. Fiquei até surpreso com a recepção do público com os times liderados por Anselmo e Mustaine. Não sabia se teríamos quórum voltado para Stone Temple Pilots e similares (com todo o respeito) ou para um som mais intenso e elaborado. A ansiedade se aproximou nos minutos que precederam a apresentação do Alice.

Quando a banda subiu ao palco, foi possível perceber a energia do show já na abertura: "Them Bones" e "Down That River" foram capazes de entusiasmar a todos. Com a recepção calorosa do público, que enfrentou o frio e a chuva, a banda retribuiu da melhor forma, com carisma e muito "feeling". E algo me chamou a atenção: Os fãs do Alice são, de fato, pessoas que carregam o som da banda como trilha sonora de suas próprias vidas. Muitos gritavam, pulavam e choravam durante a exibição de clássicos como "Got Me Wrong", "Nutshell" e "Downs In a Hole". Destaque para a aula de guitarra dada pelo Jerry Cantrell: Um primor nos solos cadenciados, mas muito bem executados. Duvall foi muito bem, surpreendendo até a mim.

Para fechar sem decepções, o show terminou com a esperada "Would?", antes passando por outros clássicos e excelentes músicas do "Black Gives Way To Blues". Foi muito bacana vê-los tocando "Last Of My Kind" e "Check My Brain", sons com peso e melodia na medida certa.

Enfim, espero revê-los em breve. Mas saio com a certeza que uma lacuna em minha vida foi preenchida numa noite inesquecível.


Outras resenhas de Alice In Chains (SWU, Paulínia, 14/11/2011)

Alice In Chains: resenha de show no SWU do Minuto HM




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "SWU Festival"Todas as matérias sobre "Alice In Chains"


Smashing Pumpkins: Corgan responde se sairia em turnê com o Alice in ChainsSmashing Pumpkins
Corgan responde se sairia em turnê com o Alice in Chains

Alice in Chains: tocando a canção "Rain When I Die" na turnê 2019Alice in Chains: em reta final, tocando a canção "Dirt" pela primeira vez na turnê 2019Alice in Chains: "O ciclo do álbum Rainier Fog está chegando ao fim"

Alice In Chains: 10 fatos sobre Facelift que talvez você não saibaAlice In Chains
10 fatos sobre Facelift que talvez você não saiba

Jeff Gutt: vocalista do STP revela história sobre ter sido chamado pelo AIC

Alice In Chains: prefeitura de Seattle determina o Dia de Layne StaleyAlice In Chains
Prefeitura de Seattle determina o Dia de Layne Staley

Ídolos imortais: Layne Staley, um gênio que partiu cedo demaisÍdolos imortais
Layne Staley, um gênio que partiu cedo demais

Em 21/08/1990: Alice In Chains lançava o clássico FaceliftAlice in Chains: tocando a rara canção "Last of My Kind" na atual turnê 2019Alice in Chains: abrindo show com a canção "Junkhead"AIC: vocalista William Duvall anuncia álbum solo para outubroAlice in Chains: iniciando 4ª perna da turnê americana 2019

Alice in Chains: William Duvall lista seus TOP 3 Guitar HeroesAlice in Chains
William Duvall lista seus TOP 3 Guitar Heroes

Alice In Chains: Staley conseguiu vaga cantando Mötley CrüeAlice In Chains
Staley conseguiu vaga cantando Mötley Crüe

Grunge: os 19 músicos mais influentes do gêneroGrunge
Os 19 músicos mais influentes do gênero


U2: as 10 melhores músicas de todos os tempos da bandaU2
As 10 melhores músicas de todos os tempos da banda

Homossexualidade: 5 nomes da cena rock/metal que assumiramHomossexualidade
5 nomes da cena rock/metal que assumiram

Keith Richards: colocando Justin Bieber em seu devido lugarKeith Richards
Colocando Justin Bieber em seu devido lugar

Max Cavalera: triste ver uma banda tão importante virar uma merdaGuitarristas: você consegue identificar todos nesta imagem?Lita Ford: rebatendo críticas à revelação sobre Tony IommiIron Maidens: Veja releitura de Nikki Stringfield para "Heart Shaped Box" do Nirvana

Sobre Pedro Sant'Anna

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.