Matérias Mais Lidas


Summer Breeze 2024

Legião Urbana x Catedral: polêmicas entre integrantes em 2002

Por Tiago Abreu
Fonte: Estadão
Postado em 01 de maio de 2015

As bandas de rock LEGIÃO URBANA e CATEDRAL, conhecidas pela semelhança vocal de seus intérpretes, Renato Russo e Kim, respectivamente, foram alvos de uma polêmica em 2002 divulgada pelo jornal O Estado de S. Paulo. O pivô da discussão era o tecladista e produtor musical Carlos Trilha, o qual trabalhou com o Legião durante a década de 90, e, que em 2002, foi o produtor do álbum "15º Andar", do CATEDRAL.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Nesta época, o CATEDRAL passava por várias polêmicas. No ano anterior, a banda, que decidiu não se limitar à música religiosa estava sofrendo retaliação do público devido a uma entrevista ao portal Usina do Som, publicada pelo jornalista Ricardo Alexandre (também conhecido por um texto polêmico sobre o Cidade Negra). Na entrevista, o jornalista destacou, sem contexto, a suposta frase "A igreja é uma merda!" e citou frases que, na versão do vocalista Kim, eram mentiras. Em 2013, Ricardo publicaria um texto em seu blog sobre música (principalmente rock), dissertando acerca do incidente. A semelhança, cada vez mais evidente da música do grupo com o Legião era alvo de matérias da imprensa, que indiretamente afirmavam que a Warner trouxe o CATEDRAL para a gravadora para substituir a lacuna que a LEGIÃO URBANA tinha deixado após a morte de Russo. A maior beneficiada disso foi a gravadora MK Music, que recebeu um alto valor através de um acordo com a WEA, que fazia a transferência da banda para a multinacional.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Com todas as comparações, ainda em 2001, Dado Villa-Lobos afirmaria, em uma entrevista que "Catedral é uma banda Denorex: parece, mas não é". Denorex era referência à um shampoo anticaspa, o qual, em comercial, diziam que parecia remédio.

O estopim ocorreu em meados de 2002, quando Marcelo Bonfá gravava um disco solo, sob a produção musical de Carlos Trilha. Na mesma época, a Warner Music Brasil indicou Trilha para produzir o terceiro álbum do CATEDRAL pela gravadora, "15º Andar", já que nenhum outro produtor se arriscava a trabalhar com a banda, principalmente devido a sua origem no mercado religioso. Quando Bonfá soube, não quis mais trabalhar com Carlos". Em contrapartida, Trilha achava absurdo e considerava que Marcelo e Dado estavam tendo uma atitude completamente absurda. Kim, conhecido por sua personalidade polêmica, trocaria ofensas públicas com Marcelo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - DEN
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Não queria trabalhar com ele de manhã sabendo que, de tarde, ele estaria produzindo o Catedral. Não conheço muitas músicas dessa banda mas o que ouvi achei pobre, cópia paraguaia mal feita. Não conheço os caras, não posso falar nada da pessoa deles. Mas, como música, só sei que o que fazem é uma porcaria", diria Marcelo Bonfá ao Estadão em 2002.

Em resposta, Kim disse: "Quem é Marcelo Bonfá? Pra mim não é nada. Eu respeitava o Renato Russo, mas para o Bonfá não dou a mínima. Só faço uma pergunta: se eles falam tanto de Legião Urbana, por que não continuaram com o grupo depois da morte do Renato Russo? O Catedral está vivo, o Legião acabou".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Por fim, Carlos Trilha comentaria o fato: "A galera do Legião não gostou nada quando ficou sabendo que eu iria produzir o Catedral. Achei um absurdo, parecia que queriam proteger não sei o quê, que o Catedral iria roubar alguma coisa deles. Esta postura é uma bobagem, uma grande besteira".

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp


publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | Andre Facchini Medeiros | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Jesus Leitão Souza | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Roberto Andrey C. dos Santos | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS