Resenha - Venom (Earthshaker Festival, Alemanha, 22/07/2006)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Marcelo Kuri
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


A expectativa que cercava esse show era grande para um brasileiro que nunca havia tido a oportunidade de assistir o Venom ao vivo. Em sua última tour pelas terras tupiniquins eu tinha apenas 5 anos de idade. Após uma forte tempestade que arrasou a arena do EarthShaker e provocou, entre outras coisas, o atraso em mais de uma hora no andamento dos shows, o Venom iria se apresentar após o Edguy. Aqui cabe um comentário. Como os fãs do Venom que, ansiosos, esperavam um já atrasado show, iriam recepcionar uma banda como o Edguy? Surpresa; apesar de distantes do palco o respeito pelo gosto alheio predominou e a apresentação do Edguy percorreu sem problemas.

20 acessosEm 15/01/1963: Nasce Cronos (Venom)5000 acessosIron Maiden: Caipiras finlandeses fazem versão de "The Trooper"

Já passava de 1:00am quando as luzes se apagaram e, após uma breve introdução, e com o palco iluminado com luzes vermelhas, Cronos aparece vociferando “Black Metal”. Apesar da total reformulação da banda, que hoje conta com Antton na bateria e Mykvs na guitarra, eu tinha a impressão de estar no Hammersmith Odeon na Inglaterra, assistindo aquela memorável apresentação do Venom na década de 80.

Tocando apenas algumas músicas dos novos albums ("Resurrection" de 2000 e "Metal Black" de 2006) o set list foi baseado nos primeiros álbums da banda. Clássicos como “At War with Satan”, “Countess Bathory” e “Witching Hour” sobraram na apresentação. O show só nao foi impecável por algums problemas técnicos durante os primeiros 15 minutos. Nada que compremetesse seriamente, mas a variação de som em alguns instantes ficava clara até aos mais distraídos.

Com bom humor, Cronos, ao ouvir da pláteia a infame frase “Kill the Roadie!” (Mate o Roadie!) conseguiu tirar boas gargalhadas do público e fez com que esses imprevistos fossem superados com facilidade. É impressionante o vigor que Cronos consegue impor durante a apresentação do Venom. A sua interação com a platéia ainda é muito intensa. O público saiu totalmente satisfeito.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

VenomVenom
Galeria de fotos da apresentação em São Paulo

20 acessosEm 15/01/1963: Nasce Cronos (Venom)1894 acessosHeavy Metal: em vídeo, dez grandes hinos sobre o gênero10 acessosEm 27/03/2006: Venom lança o álbum Metal Black11 acessosEm 16/04/1984: Venom lança o álbum At War With Satan0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Venom"

Sexta-feira 13Sexta-feira 13
Treze músicas para escutar nesta data

Thor versus CronosThor versus Cronos
Foto-novela hilária de 1984

O Diabo É O Pai Do RockO Diabo É O Pai Do Rock
A associação do gênero com o tinhoso

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de Shows0 acessosTodas as matérias sobre "Venom"


Iron MaidenIron Maiden
Caipiras finlandeses fazem versão de "The Trooper"

Paula FernandesPaula Fernandes
Aos 19 anos ela ia em shows de Black Metal

Kiko LoureiroKiko Loureiro
Como sua filha o ajudou a aprender "Holy Wars"

5000 acessosHeavy Metal: "cristãos podem aprender muito com o gênero"5000 acessosRock In Rio: "O cara que quer ver o Metallica ou o Iron Maiden ama repetição"5000 acessosLuís Mariutti para Nando Moura: "Estádio não se lota com views ou likes"5000 acessosMegadeth: com quantas baquetas se faz um álbum de estúdio?5000 acessosMike Portnoy: "sou um dos músicos incompreendidos do mundo"3094 acessosMetallica: cover de "Battery" no banjo por Rob Scallon

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


Sobre Marcelo Kuri

Mestre em Ciência e Engenharia de Materiais pela UFSCar, costuma dizer que é engenheiro por opção e headbanger de coração. Sempre gostou de ler revistas, zines, artigos e livros especializados em Heavy Metal e sempre desejou poder escrever um pouco a respeito disso. Foram-se alguns anos até que tivesse plena confiança para redigir um artigo, e sabe que ainda tem muito que aprender. Colecionador assíduo de todo material relacionado ao gênero, é um dos poucos “sobreviventes” de um grupo de amigos fanáticos que cresceram ouvindo Heavy Metal. Já tem consciência que não tem aptidão para tocar nenhum instrumento, mas com o apoio, sempre incondicional, da noiva Marilia, continua a desfrutar cada vez mais intensamente tudo de bom que esse estilo musical pode proporcionar.

Mais matérias de Marcelo Kuri no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online