O Symphony X vem aí

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago Sarkis
Enviar correções  |  Ver Acessos


É inacreditável, mas o Symphony X está com as malas prontas e embarca no Brasil em novembro, para um show único, no dia 18, em São Paulo.

Rock In Rio: Freddie Mercury desdenhou dos artistas brasileiros em 1985De AC/DC a ZZ Top: Origens dos nomes de bandas e artistas de rock

Enquanto todos esperavam por uma turnê do Dream Theater, representando o metal progressivo, o que surge, do nada, de maneira totalmente inesperada, é a confirmação do show da banda de maior sucesso (ao lado do Dream Theater) dentro do estilo atualmente, o Symphony X.

Estes americanos, vindos de New Jersey, começaram sua bem sucedida carreira em 1994, ano em que se formaram, mais exatamente no mês de abril, e também o ano do lançamento do álbum de estréia, intitulado simplesmente de "Symphony X".

Desde então, Michael Romeo, Russell Allen & cia, passaram a ser um dos principais focos de atenção dentro do metal progressivo. Lançaram mais QUATRO álbuns: "The Damnation Game"(1995), "The Divine Wings Of Tragedy" (o álbum que realmente colocou a banda no topo, lançado em 1997) "Twilight In Olympus" (1998) e "V" (2000). Além de uma coletânea com 11 das principais músicas do grupo, chamada "Prelude To The Millenium".

O último álbum, "V", vem recebendo excelentes críticas em todo o mundo e a turnê vem deixando platéias extasiadas, com performances inacreditáveis.

A grande dúvida em relação ao show gira em torno do set list. Quais músicas eles vão tocar? Todos querem ouvir os clássicos da banda, como "The Divine Wings of Tragedy", "Of Sins And Shadows", "Through The Looking Glass (Part I, II, III)", "The Accolade", "Smoke And Mirrors", "Dressed To Kill", "Masquerade", "Sea Of Lies" e "The Edge Of Forever". Mas só para que se tenha uma idéia... se 'apenas' essas músicas entrassem no set list, já teríamos mais de uma hora de espetáculo. E aí? Como fazer? E as músicas do novo álbum?

Bem, a decisão não será nossa, será deles. Mas que os membros do Symphony X se preparem, até FISICAMENTE para tocar tanto, pois os fãs vão querer isso e um pouco mais. Aliás, é importante ressaltar a importância da participação dos fãs brasileiros neste evento. A Hellion foi sensacional ao comemorar seus dez anos dando um presentão destes para nós brasileiros. Agora é hora de ter consciência da situação, comparecer ao show e dar motivos à banda e aos produtores do evento para que shows como esse continuem a aparecer por aqui.

Formação do Symphony X:
Michael Romeo - Guitarras
Russell Allen - Vocais
Michael Pinella - Teclados
Mike Lepond - Baixo
Jason Rullo - Bateria




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Notícias

Rock In Rio: Freddie Mercury desdenhou dos artistas brasileiros em 1985Rock In Rio
Freddie Mercury desdenhou dos artistas brasileiros em 1985

De AC/DC a ZZ Top: Origens dos nomes de bandas e artistas de rockDe AC/DC a ZZ Top
Origens dos nomes de bandas e artistas de rock


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin