AC/DC: pedindo 2 milhões de dólares para tocar na Bulgária?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Emanuel Seagal, Fonte: Brave Words & Bloody Knuckles, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 06/02/09. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

De acordo com o News.bg, Ivan Nestorov, co-presidente da Sofia Music Enterprises, comentou sobre os rumores de que o AC/DC estaria pedindo 3 milhões de levs (aproximadamente 2 milhões de dólares) para tocar na Bulgária.

2236 acessosAC/DC: novo livro sobre Bon Scott promete chocar o mundo do Rock5000 acessosThe Voice Kids: até Brian May ficou impressionado com brasileiro

Ivan comenta: "AC/DC não tem cachê - isso é nonsense! Estrelas desta magnitude não tem cachês? O dinheiro que os artistas recebem, é distribuído no princípio do percentual e baseado no valor do ingresso, capacidade, custos, etc. e normalmente nenhum cachê é determinado."

"Eu não posso dar detalhes sobre os preços dos ingressos para um possível show do AC/DC, porque nada está certo ainda. Se tivermos uma confirmação nós naturalmente teremos uma coletiva de imprensa e anunciaremos os detalhes necessários!"

Nós temos negociado com muitos artistas ao longo de dezessete anos de trabalho duro. Apenas músicos de Marte não estão em nossos planos de negócio", brincou Nestorov.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Phil RuddPhil Rudd
Por que ele se recusa a fazer solos de bateria

2236 acessosAC/DC: novo livro sobre Bon Scott promete chocar o mundo do Rock1697 acessosMetallica: Lars queria ver Phil Rudd tocando Enter Sandman1544 acessosRock: gênero é um trintão decadente, segundo Spotify0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "AC/DC"

AC/DCAC/DC
Velhinho do Metallica também ouve a banda no carro

ACDCACDC
Dave Evans comenta sobre os primórdios da banda

AC/DCAC/DC
O making of da clássica faixa "Highway To Hell"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "AC/DC"

The Voice KidsThe Voice Kids
Até Brian May ficou impressionado com brasileiro

MetallicaMetallica
Hetfield fala sobre Dave Mustaine, Load e homossexualidade

Iron MaidenIron Maiden
Uma releitura de "The Trooper" pelo Cine

5000 acessosQueen: novas fotos do recluso John Deacon5000 acessosZakk Wylde: foto do arsenal de guitarras do músico5000 acessosSlash: chapação, a louca e atraente Fergie e Axl Rose5000 acessosRush: Geddy Lee comenta a morte de Lemmy5000 acessosNirvana: ninguém notava Dave Grohl, ele era apenas o baterista5000 acessosIron Maiden: Pelotão de Fuzileiros presta homenagem à banda

Sobre Emanuel Seagal

Descobriu o metal com clássicos como Iron Maiden e Black Sabbath. Hoje em dia, entre outros gêneros musicais, e sem se limitar a rótulos, ouve principalmente doom, viking e folk metal. Sempre que possível está em busca de novas bandas que tenham algo a transmitir alem de clichês, e mesmo em meio a tantas novidades não dispensa pérolas como o bom e velho Candlemass. Acompanha o Whiplash! desde os primórdios, tendo iniciado sua vida de internauta no mesmo ano de criação do site (1996). Há algum tempo está envolvido com metal, seja trabalhando com eventos, bandas, gravadoras ou imprensa, na tentativa de contribuir de alguma forma para o crescimento desse que é um dos segmentos mais apaixonantes da música, o metal.

Mais informações sobre Emanuel Seagal

Mais matérias de Emanuel Seagal no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online