Metallica: Hetfield fala sobre o documentário "Absent"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nathália Plá, Fonte: Blabbermouth.net, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 31/03/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O frontman do METALLICA, James Hetfield, e o diretor Justin Hunt foram entrevistados da edição da manhã de 30 de março do prgorama "Fox & Friends" no canal Fox News sobre o novo documentário "Absent". Veja as imagens abaixo.

1150 acessosMetallica: a música preferida dos fãs nos shows ao vivo5000 acessosIron Maiden: Felipe Dylon toca clássicos da donzela

Hetfield discutiu seu envolvimento no "Absent" em uma entrevista para a revista Rockville Music Magazine em 3 de março, pouco antes do filme ir à tela no San Rafael California Film Institute em San Rafael, Califórnia. No filme, que lida com a questão da ausência ou abandono paterno, Hetfield conta sua própria experiência de ter sua família abandonada por seu pai quando a futura lenda do rock estava com 13 anos de idade.

Agora ele próprio é pai de três filhos e diz que ele mesmo mudou muito desde 2001, ocasião em que perdeu o aniversário de seu filho porque havia ganhado uma viagem para a Russia onde foi caçar e beber. Ele disse à revista que isso não acontece mais, explicando, "Nós arrancamos eles da escola e os levamos à Lisboa ou Filadélfia ou aonde quer que seja, então as crianças podem comemorar com o papai."

Hetfield acrescentou, falando sobre se tornar um pai, "Eu achava que era melhor que eu começasse a ler livros sobre como ser um pai. Eu comecei a enlouquecer. Mai pai não me ensinou a fazer isso ou aquilo... Tinha muito ressentimento que veio do medo. E eu descobri que eles não precisam disso tudo. Eles não precisam das instruções. Eles precisam é de orientação. Eles precisam de amor. Eles precisam de que você esteja lá, simples assim."

Hetfield disse que houve um momento crucial em que ele percebeu que tipo de pai ele queria ser para seus filhos: "Simplesmente estando com eles e simplesmente percebendo, 'Quer saber? Não preciso fazer mais nada. Eu não preciso aparecer nesse show. Eu não preciso, sabe, eu posso me atrasar. Essa porcaria toda pode ficar pra trás. Tudo o que preciso fazer é só ficar aqui com meus filhos e está bem'."

Hetfield e Hunt fizeram uma sessão de perguntas e respostas com a platéia após a transmissão de "Absent", sendo que Hetfield ficou uma hora e meia a mais para dar autógrafos e conversar com os fãs.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

MetallicaMetallica
A música preferida dos fãs nos shows ao vivo

227 acessosMeshuggah: e se "Bleed" tivesse a bateria de "St. Anger"?293 acessosMetallica: vídeo profissional de "Creeping Death" em Miami0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

MetallicaMetallica
"And Justice foi o disco em que nos exibimos", diz James

MetallicaMetallica
Geddy Lee não gosta de metal mas poderia ter produzido o "Masters of Puppets"

MetallicaMetallica
Cliff Burton não era um grande fã do Iron Maiden

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"

Iron MaidenIron Maiden
Felipe Dylon toca clássicos da donzela

NirvanaNirvana
Entrevista com garoto da capa do "Nevermind"

NightwishNightwish
Tarja Turunen fala sobre sua demissão da banda

5000 acessosAskmen.com: site elege as dez melhores músicas do Nirvana5000 acessosAnitta: "Eu era roqueira. Comecei no funk por destino."5000 acessosOzzy Osbourne: Sharon conta como o Madman tentou assassiná-la5000 acessosLed Zeppelin: Bonham, o melhor baterista de todos os tempos5000 acessosJess Greenberg: mais vídeos de covers em voz e violão5000 acessosExodus: "Ninguém é maior que o Maiden na América do Sul!"

Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online