"Paul is Dead": filme se enquadra perfeitamente como ficção

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Luiz Otávio D. Pinheiro, Fonte: Studio41
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 12/06/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Na minha opinião é um filme consistente como história. O "Codigo da Vinci" pode servir como modelo. É uma trama bem articulada. Pena que tente se apresentar como verdadeira, como um documentário, um filme denúncia, quando se enquadra perfeitamente como ficção.

183 acessosBeatles: singles natalinos serão relançados em dezembro5000 acessosA polêmica origem do termo Heavy Metal

O Paul McCartney que todos vemos ainda em atividade, na realidade, seria um Faul (false Paul), um certo William Campbell, como o filme sugere? Para início de conversa, o exame de DNA está aí para sanar qualquer dúvida.

As "provas" apresentadas, melhor dizendo, as pistas são bem criativas, bem concebidas, tipo por uma cabeça de Agatha Cristhie, se bem que, por vezes, não sei por qual motivo, elas "se embaralham nas próprias pernas", por exemplo ao utilizar o LP Rubber Soul - a capa e algumas músicas nele gravadas - afirmando que trazem mensagens em relação à morte de Paul.... só que o referido LP que foi gravado entre junho e novembro de 1965 e foi lançado em 3 de dezembro de 1965 e, segundo o filme, o acidente que matou Paul ocorreu em novembro de 1966!!! Ou seja, algo premonitório aconteceu....

A narrativa (voz em off) atribuida a uma gravação em fita cassete de George Harrison feita no hospital, um dia após ter sofrido um atentado, está muito bem concatenada, muito bem editada para ter sido feita nas circunstâncias que o filme sugere.

Olivia, viuva de George, que segundo o filme, levou as fitas cassete para George no hospital, e o próprio Ringo que, dos quatro, é "o único sobrevivente", podem ser ouvidos sobre o tema.

Outro fato interessante é que existem versões diferentes em relação a morte de Paul e diferentes "substitutos". Na net são encontradas diversas. Quando há várias versões sobre um fato, a mentira se faz presente, sem dúvida.

Dando a minha contribuição em relação às pistas colocadas sobre a morte de Paul, tem a música "All we need is love" em que há uma alternância entre compassos, ora 4/4 ora 3/4, querendo dizer que agora ele são 3... "Get back" também sugere na letra que William Campbell volte a ser William Campbell. Com criatividade e determinação conseguimos "pistas indiscutíveis". Basta conhecer a obra dos Beatles e se dedicar. Que tal lançar que o mesmo aconteceu com Ringo.

TODOS OS QUATRO, HOJE, ESTÃO MORTOS. DOIS DELES TÊM CLONES.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

George HarrisonGeorge Harrison
Ronnie Von cometeu gafe e deixou de gravar com ele

183 acessosBeatles: singles natalinos serão relançados em dezembro823 acessosPipocando Música: 8 teorias de artistas que foram trocados907 acessosPaul McCartney: a máquina do tempo e as canções que não voltam mais379 acessosRed Rose Speedway: teria Paul McCartney ainda que provar algo?0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Beatles"

Músicas com nome de mulheresMúsicas com nome de mulheres
Histórias por trás da inspiração

The BeatlesThe Beatles
Banda lidera lista de artistas mais pirateados do mundo

Parcerias BrilhantesParcerias Brilhantes
Duplas que marcaram história

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Paul McCartney"0 acessosTodas as matérias sobre "Beatles"


Heavy MetalHeavy Metal
O início do movimento e a origem do termo

GibsonGibson
As dez melhores composições épicas do rock

Total GuitarTotal Guitar
Os 20 melhores riffs de guitarra da história

5000 acessosNirvana: 20 coisas que você não sabia sobre "Nevermind"5000 acessosAvenged Sevenfold: banda tocou "Lepo-Lepo"' em show em São Paulo5000 acessosBruce Dickinson: foi difícil evitar as drogas durante tours5000 acessosAnthrax: melhor álbum de metal de 2011 segundo o Loudwire4089 acessosMetallica: "...And Laughter For All"5000 acessosHelloween: a banda que não soube ser grande

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


Sobre Luiz Otávio D. Pinheiro

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online