Metallica: "Lulu" pode apontar caminho da banda no futuro

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Stella Ferreira, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 21/10/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O baterista do Metallica Lars Ulrich e o primeiro frontman do Velvet Underground Lou Reed falaram com o Guardian.co.uk sobre o álbum colaborativo do Metallica e Lou Reed "Lulu", que será lançado em 1° de novembro na América do Norte pela Warner Bros Records e um dia antes (31 de outubro) no resto do mundo. O CD foi co-produzido por Reed, Metallica, Hal Willner - que já produziu álbuns para Reed, Marianne Faithfull, e Laurie Anderson, entre outros - e Greg Fidelman. Fidelman também mixou o registro.

408 acessosMetallica: Cartazes edição limitada serão vendidos nessa quinta5000 acessosOzzy Osbourne: os conselhos do Madman sobre masturbação

Sobre como o álbum foi produzido:

Reed: "Ele tem muita raiva e é emocionante. Eu esperei por um longo tempo para ter uma chance de fazer algo assim com as pessoas certas. Eu estou energizado. Às vezes eu o acho tão emocional que eu tenho que levantar e desligá-lo."

Hal Willner (co-produtor do Lulu): "A música é exigente com o ouvinte, sem dúvidas. Eu não sei como chamá-lo mas não é uma música de fundo. Lou veio com esse material, Metallica pegou o ingresso e aceitou o passeio. Eles se mostraram incrivelmente abertos e corajosos. Eles sempre disseram alguma coisa quando eles não queriam algo de certa maneira e eles foram completamente livres para se expressar"

Ulrich: "Eu não esperava estar envolvido em um processo dessa magnitude. Eu estou revigorado, o álbum se tornou absolutamente incrível. Lou entrou no estúdio e cerca de sete segundos depois minha cabeça estava girando como Linda Blair em "O Exorcista". Foi tão impulsivo que me levará anos para entender o que aconteceu."

Reed: "Quando eu finalmente o ouvi de volta, eu fiquei completamente atordoado. Agora eu nem mesmo me associo com ele. Ele é tão bom quanto eu posso escrever. Eu não posso fazer melhor. Eu o ouço e o meu pobre coração se quebra sobre um pouco do que está nele."

Sobre os bastidores de "Lulu":

Reed: "No momento em que nós tocamos juntos, foi como " Wow! Isso é realmente sério! Minha guitarra acima de James e Kirk (Hammett). As probabilidades disso funcionar - três guitarras - era quase zero. É muito difícil fazer até mesmo duas guitarras combinarem. Eu comecei a tocar contra James - foi como, whuump! (pressiona seu punho contra a palma da sua mão) Se isso não tivesse acontecido, nós ainda estaríamos lá..."

Reed: "Eu tocaria com eles então eu não teria que ir além daquilo. Eu não precisava pedir a biografia deles. O que quer que seja, existe tocando. Feeling é tudo pra mim no rock - fazer realmente acontecer e não se degenerar na música pop. Isos não é colocar o pop para baixo."

Ulrich: "Eu não sabia se nós estaríamos tão envolvidos em um nível criativo. Eu estava perfeitamente feliz de uma forma perversa em ser uma banda de apoio porque é algo que nunca fizemos."

"Isso nos ofereceu uma oportunidade incrível de fazer algo sem fronteiras ao redor. Nós poderíamos nos concentrar em tocar."

"Nós corremos em caminhos paralelos na forma como nos relacionamos com tudo ao nosso redor. É por isso que pareceu tão fácil. Nós nunca fomos parte de um movimento em particular ou aderimos um estilo particular que as pessoas quisessem. Lou e James têm estilos diferentes de escrever, mas eles ainda têm um senso de alienação, de estar do lado de fora olhando para dentro. Eles usam palavras diferentes: James nunca tinha usado a palavra "armpit" (axila) (em uma letra), mas é uma das minhas palavras preferidas do álbum."

"Foi uma oportunidade para nos livrarmos de pensar. Não foi complicado. Foi excitante para nós porque pode apontar o caminho para o que o Metallica fará no futuro."

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

MetallicaMetallica
James explica como ele cria os títulos das músicas

408 acessosMetallica: Cartazes edição limitada serão vendidos nessa quinta1257 acessosMetallica: Lars queria ver Phil Rudd tocando Enter Sandman0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

MetallicaMetallica
Lars Ulrich luta contra zumbidos no ouvido

MetallicaMetallica
Animação 3D recria tempos do "Ride The Lightning"

MetallicaMetallica
"Nós te perdoamos, Chris Cornell"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"0 acessosTodas as matérias sobre "Lou Reed"

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Madman dá conselhos sobre masturbação

MaquiagensMaquiagens
O fim da polêmica Kiss x Secos & Molhados

MetallicaMetallica
Jason explica o baixo apagado de And Justice For All

5000 acessosUltraje a Rigor: Roger diz que foi tratado como lixo pela equipe dos Stones5000 acessosFãs de Rock: você conhece o estilo de se vestir de cada um5000 acessosMichael Kiske: "O Iron Maiden vende a morte às pessoas!"5000 acessosTwisted Sister: Dee Snider chama Vince Neil de assassino5000 acessosGhost: Papa Francisco impede apresentação da banda nos EUA5000 acessosMetallica: a dífícil transição para o Black Album

Sobre Stella Ferreira

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online