Mötley Crüe: relato da colaboração de Glenn Hughes com a banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 17/12/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?


3502 acessosMötley Crüe: Nikki Sixx anuncia aposentadoria5000 acessosDossiê Guns N' Roses: A versão de Slash para os fatos

O site Sleaze Roxx divulgou esse fim de semana uma entrevista com o ex-vocalista do MÖTLEY CRÜE, JOHN CORABI, na qual ele discorreu sobre a participação de GLENN HUGHES no disco de 1994 da banda, 'Mötley Crüe'. O que segue abaixo é a tradução desse trecho específico do papo:

Sleaze Roxx: Falando do álbum 'Mötley Crüe', [1994]; GLENN HUGHES fez vocais de fundo em 'Misunderstood', como é que ele acabou participando disso e ele aparece em outras músicas?

John Corabi: Ele basicamente fez apenas 'Misunderstood'. Foi uma baita duma sorte. E sou um grande fã de DEEP PURPLE, daí quando encontrei com Glenn pela primeira vez, eu estava na banda fazia três semanas. Glenn e sua namorada vieram e eu não o reconheci de cara. É fato notório que no passado Glenn teve problema com 'bagulho'. Ele tinha se desintoxicado, e tinha ganho um pouco de peso e cortado o cabelo. Eu disse, "Quem é aquele cara inglês ali?" Tommy Lee disse, "Mano, é o Glenn Hughes!". E eu digo, "O que?!"; eu fui e me apresentei. Em um dos ensaios, Glenn e eu começamos a tirar um blues e ficamos amigos.

Quando fizemos o disco, nós gravamos em Vancouver e estávamos fazendo os overdubs e a mixagem em Los Angeles. Glenn ficou sabendo que estávamos no A & M Studios e ele decidiu ir até lá. BOB ROCK também é um grande fã de Deep Purple e estamos lá sentados falando merda quando Bob disse, "Vocês se importariam se a gente pedisse pro Glenn faze runs vocais?" Eu disse, "Sim, isso seria demais! Eu adoraria isso!". Aconteceu que a fita de rolo que estava na máquina naquele momento era a daquela faixa em particular. Bob disse, "Bem, que tal essa?" Glenn disse, "Sim, ótimo." Eu juro por deus, cara, se você sabe alguma coisa sobre gravação – estávamos de pé na sala de controle. Glenn foi à sala ao lado, o engenheiro armou um fone de ouvido pra ele e um microfone, e ele começou a testar os vocais dele. Glenn disse, "Beleza, canta uma vez, e deixa eu ouvir." Daí eles tocam a música uma vez pra ele, do começo ao fim e ele está lá sentado com os olhos fechados ouvindo a música. Glenn disse, "OK, legal, cara, muito bom. Peguei, muito bom. Rola a fita." Ele ouviu a música UMA VEZ! O que você ouve no disco é o que ele bolou do nada na cabeça dele!

Sleaze Roxx: Você está dizendo que foi só um take?

Corabi: Mano, foi um… Isso está sendo gravado?

Sleaze Roxx: Sim.

Corabi: OK, beleza. UMA PORRA DE TAKE! E eu pensei, 'Puta merda, como? Você tá me zoando?' Eu não conseguia acreditar que ele tinha gravado aquele puta vocal. Estávamos sentados lá olhando um pro outro. Bob Rock estava se mijando de rir, "Eu não acredito no que acaba de sair da boca desse cara!". Eu tive a oportunidade de gravar com um de meus heróis do rock and roll, mas também um dos meus heróis da voz. Eu sou um baita fã de Glenn Hughes. Do ponto de vista vocal técnico, Glenn Hughes é um deus. Dez dias depois, BILLY PRESTON veio gravar os teclados pra gente em um monte de coisa. Eu fiquei em estado de glória durante os intervalos da gravação desse disco. Foi maravilhoso.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 17 de dezembro de 2012
Post de 19 de dezembro de 2012

Mötley CrüeMötley Crüe
Nikki Sixx anuncia aposentadoria

1967 acessosMötley Crüe: John Corabi explica fiasco comercial do disco de 19940 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Motley Crue"

Motley CrueMotley Crue
Atriz pornô comenta sua relação com Tommy Lee

VinilVinil
Os 10 LPs mais raros e valiosos dos anos 1980

ÁlbunsÁlbuns
Os vinte piores discos de todos os tempos

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Motley Crue"0 acessosTodas as matérias sobre "Glenn Hughes"

Dossiê GNRDossiê GN'R
A versão do guitarrista Slash para os fatos

CriançasCrianças
Como cresceram as de "Nevermind", "War" e outras

RodolfoRodolfo
100% arrependido das letras dos Raimundos

5000 acessosDrogas e Álcool: protagonistas nos piores shows de grandes astros5000 acessosCovers: quando bandas de Heavy e Power Metal prestam tributo5000 acessosRammstein: "Se alguém rir das gordinhas, eu quebro a cara dele!", diz Till Lindemann5000 acessosGuns N' Roses: Pantera tocava todas as músicas do "Appetite For Destruction"4483 acessosDJ Ashba: falando sobre como foi entrar no Guns N' Roses5000 acessosSharon culpa Courtney Love pelo vício do filho

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online