Matérias Mais Lidas

imagemO Raul Seixas não era nada daquilo que ele falava, diz ex-parceiro musical

imagemGuitarrista do Offspring continuou em seu emprego normal mesmo depois da fama

imagemLars Ulrich e a única banda contemporânea que está à altura do Metallica

imagemDavid Coverdale revela os álbuns do Whitesnake que o deixaram frustrado

imagemBeatles: Ringo Starr comenta as músicas que formam a trilha sonora de sua vida

imagemShow do Pantera na Áustria é cancelado dias depois de banda ser cortada de festivais alemães

imagemBeatles: Em 1968, Paul McCartney comentou faixas do "White Album"

imagemJimmy Page sobre o "Presence": "Não se faz músicas como aquelas caindo de bêbado"

imagemLoudwire lista faixas que encerram os álbuns do Maiden, da pior para a melhor

imagemOzzy Osbourne é estrela de comercial do Super Bowl; assista vídeo

imagemJairo Guedz traduz com analogia absurdamente triste a saída de Max Cavalera do Sepultura

imagemCorda arrebentada deu origem à canção da Legião Urbana que arrebentou nas paradas

imagemSlash posta nas redes canção do Queen que ajudou a criar o thrash e o speed metal

imagemA razão que levou Humberto Gessinger a decidir não usar mais nome "Engenheiros do Hawaii"

imagemCrypta começará a gravar segundo disco na próxima semana


Stamp

Ratt: banda finalmente chega ao Brasil - mas sem Robbin Crosby

Por Nacho Belgrande
Fonte: Playa Del Nacho
Postado em 19 de outubro de 2013

E eis que o RATT finalmente chegou ao Brasil, mais de 30 anos após o começo de suas atividades. Em meio ao júbilo pela vinda da banda, há de se sentir a ausência do guitarrista ROBBIN CROSBY, que gravou os grandes álbuns clássicos da banda de 1983 a 1991, antes de tombar diante do vício em heroína e sucumbir precocemente à AIDS no ano de 2002, aos 42 anos de idade.

A combinação do abuso de heroína com o HIV causaram uma disfunção pancreática no músico, que teve seu metabolismo completamente desregulado, e apesar de comer muito pouco [natural entre viciados em opióides], ele faleceu pesando 180 quilos, segundo o laudo do legista.

Na fotos acima e mais abaixo, podemos ver Crosby com sua esposa, Laurie Carr, Playmate da edição estadunidense da Playboy em dezembro de 1986. Laurie, dona de uma beleza intoxicante, teve sua ligação com a cena hard rock oitentista sublinhada ao ser capa do álbum ‘Stick It To Ya’, do SLAUGHTER. Ela e Crosby foram casados de 1987 a 1991, e não tiveram filhos.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:
Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Summer Breeze

RATT: fantasma de Robbin Crosby em show de Stephen Pearcy?

Ratt: Stephen Pearcy faz show em estado lamentável e vídeos viralizam

Hair Metal: em vídeo, as dez maiores bandas do gênero


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)
Mais matérias de Nacho Belgrande.