Ozzy Osbourne: como acidentalmente gravou um single com Lita Fort

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Ultimate Classic Rock, Tradução
Enviar Correções  

Ozzy Osbourne compartilhou a lembrança de uma de suas mais inesperadas colaborações durante uma recente entrevista na Esquire.

Legião Urbana: O dia em que Renato calou a plateia do Programa Livre

Whiplash.Net: O site publica matérias pagas ou protege quem anuncia?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Algumas vezes funciona tudo bem, mas eu só faço isso para me divertir", admitiu Ozzy após ser lembrado de que já fez cover de "Stayin’ Alive" e fez um dueto com a Miss Piggy, explicando que gosta de "fazer coisas diferente, para manter a cabeça funcionando. Quer dizer, não sou um grande fã da porra da Miss Piggy! Você sabe, você tem que ter cuidado com o que você faz."

Um exemplo de gravação que acabou funcionando extremamente bem foi "Close My Eyes Forever", dueto gravado com Lita Ford em 1988, no LP "Lita". "Ela estava sendo agenciada pela minha esposa. Eu fui ao estúdio e meio que escrevemos a metade. Então eu voltei para a Inglaterra na semana seguinte, e minha esposa me telefona e diz: ‘Você sabe aquela música que vocês estavam escrevendo?’ E eu falo: ‘Que música?’ E ela diz: ‘Aquela música, Lita quer trabalhar nela com você.’" Ele se lembra. "Então eu voei de volta para L.A. e fiz a música e disse: ‘Quer saber, Lita? Você pode ficar com a música. Eu não quero nada dela. Você pode ficar com a música.’"

"Eu subi no avião e voltei para a Inglaterra, e então recebi outra ligação. Era a minha esposa e ela disse: ‘Você pode voltar? Ela quer cantar com você.’ Eu falei: ‘Cantar o que?’ E Ela responde: ‘A merda daquela música!’ Eu falei: ‘Ok’ e então gravei a música, voltei para a Inglaterra e em algumas semanas eles queriam fazer o vídeo."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"O que quer que você grave, alguém em algum lugar vai divulgar isso um dia" – e é por isso que ele tem certeza que os fãs um dia vão ouvir versões não lançadas de todas as decisões estranhas que ele um dia tomou em um estúdio. "Vai aparecer um dia. Eu não lembro de tudo que eu gravei, mas se eu gravei, você vai acabar ouvindo." Previu. "Eu não sei quando ou onde. Quando eu estava fodido, eu fiz umas coisas bem loucas, entende?"




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Legião Urbana: O dia em que Renato calou a plateia do Programa LivreLegião Urbana
O dia em que Renato calou a plateia do Programa Livre

Whiplash.Net: O site publica matérias pagas ou protege quem anuncia?Whiplash.Net
O site publica matérias pagas ou protege quem anuncia?


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280