Matérias Mais Lidas

imagemBeatles: A música que Paul McCartney compôs para calar a boca de Pete Townshend

imagemAs 10 músicas mais estranhas do Guns N' Roses, em lista do Ultimate Classic Rock

imagemAs obscuras músicas favoritas do Red Hot Chili Peppers de John Frusciante

imagemA opinião de Dave Mustaine sobre a clássica "The Unforgiven", do Metallica

imagemVocalista do Anvil afirma que Rob Halford e Ian Gillan são personagens

imagemDez clássicos do thrash metal que não foram gravados pelo "Big Four" - Parte I

imagemGene Simmons sobre o Ramones: "Punk nos EUA não significava nada"

imagemMaranhão Open Air anuncia line-up com 24 bandas em dois dias

imagemCinco músicas lançadas após o ano 2000 que se tornaram clássicos do rock - Parte II

imagemO hit do Engenheiros do Hawaii frequentemente confundido com confissão de aborto

imagemPrika Amaral esclarece por que contratou apenas mulheres europeias para a Nervosa

imagemJames Hetfield está se divorciando após 25 anos de casamento

imagemBlaze Bayley diz que um dos menores shows da carreira do Maiden foi o seu melhor

imagemAudioslave: Tom Morello recorda seu sinistro primeiro encontro com Chris Cornell

imagemJanis Joplin: última gravação dela em vida foi feita para um Beatle


Stamp

Matt Shadows: "Dimebag é a influência número 1 do Synyster Gates"

Por Rafael Testa
Fonte: Loudwire
Em 09/12/14

No aniversário de dez anos da morte de Dimebag Darrel, a Loudwire conversou com o frontman do Avenged Sevenfold, Matt Shadows, sobre o impacto da lenda do Pantera em sua banda.

Shadows contou: "Nós nunca chegamos a conhecer o Dimebag. Mas se ele era um pouco que seja parecido com seu irmão, nós amaríamos ele." O vocalista disse que até hoje não é incomum aparecer o Pantera enquanto está ouvindo seu iPod e que definitivamente gosta de ouvi-los enquanto está na academia.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Ele continuou: "Quando o Dime vem, você sabe que é ele tocando guitarra. É a entonação mais matadora e ninguém pode fazer igual. Essa é a maior coisa que posso falar sobre ele. Ele é um inovador, ele foi o melhor. Ele é uma das minhas maiores influências, e eu sei que é a influência número 1 do Synyster Gates".

Para Shadows, Dimebag Darrell é um daqueles que nasceu para tocar. Ele conclui: "Não importa o quanto se esforce, ninguém nunca será bom como esse cara. É triste que nunca mais iremos receber qualquer música dele."

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Avenged Sevenfold e o álbum do Guns N' Roses que deveria ser mais valorizado

Do heavy ao black metal, 20 bandas que já gravaram covers do Iron Maiden

Avenged Sevenfold: desmistificando o ódio pela banda

A7X, Metallica, Dragonforce: e se eles tocassem fora do tempo?

Do heavy ao black metal, 20 bandas que já gravaram covers do Iron Maiden

Ultimate Classic Rock: os 100 maiores clássicos do rock

Supergrupos: Os melhores e piores na opinião da Metal Hammer


Sobre Rafael Testa

Nascido em Juiz de Fora, Minas Gerais, tem 23 anos, é estudante de sistemas de informação e torcedor fanático do Vasco da Gama e do Tupi Football Club. Se interessou por rock/metal depois do grande tio Roney mostrar-lhe o Iron Maiden. Tem o gosto musical muito variado, curte do thrash metal do Slayer ao metalcore do All That Remains. Acredita que existem bandas boas atualmente e faz questão de apresentá-las.

Mais matérias de Rafael Testa.