Anthrax: o que a imprensa está falando sobre For All Kings

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Ricardo Seelig, Fonte: Collectors Room
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 03/03/16. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Lançado em 26 de fevereiro, "For All Kings", décimo-primeiro álbum do Anthrax, marca a estreia do guitarrista Jon Donais (Shadows Fall) substituindo Rob Caggiano (que foi para o Volbeat). O disco tem produção de Jay Ruston e um belo trabalho do ilustrador Alex Ross em sua capa.

2927 acessosThrash Metal: os melhores álbuns de 1983 a 20165000 acessosLágrimas nos olhos: 25 músicas para chorar

Compilamos abaixo dez opiniões sobre o álbum, retiradas de veículos nacionais e estrangeiros. Pessoalmente, gostei do disco, mas ainda preciso ouvir mais vezes para formar uma opinião mais concreta. E você, o que achou de "For All Kings"?

"For All" Kings soa decepcionante. É a definição perfeita de um disco feito apenas para os fãs. Há a habitual competência musical e de produção, mas faltam ideias originais. "For All Kings" soa como um disco para cumprir obrigações contratuais e atender a demanda dos consumidores, distante de toda a glória alcançada pela banda no passado.
Consequence of Sound

Cheio de coros e riffs contagiantes, "For Al Kings" deixará os fãs satisfeitos. Em alguns aspectos é um trabalho mais focado que "Worship Music", com desvios ocasionais para longe da agressividade e aproximando-se do hard moldado para as chamadas rádios rock. É uma mistura que combina com a banda e com o vocalista Joey Belladonna em particular. No entanto, é nos momentos mais rápidos que o Anthrax alcança o mais difícil, mostrando-se um dos poucos nomes veteranos a ainda demonstrar um amor renovado pelo lado escuro do metal.
The Guardian

Os riffs são incisivos, a bateria é implacável, nenhuma nota é desperdiçada. O Anthrax atinge o equilíbrio entre a arte e o lado comercial de sua música, demonstrando porque é uma força de elite do heavy metal.
All Music

O Anthrax lançou um álbum bom o suficiente para seguir a tradição de discos como "Among the Living" e "State of Euphoria". Na parte final de sua carreira, a banda demonstra energia e juventude renovadas, como uma turma de faculdade que se reencontra anos depois.
Angry Metal Guy

"For All Kings" destaca-se com o poderoso thrash metal que é o som distinto do Anthrax. É difícil imaginar a banda de bermudas coloridas que gravou canções com um lado cômico tão evidente como “I'm the Man” fazendo esse disco.
PopMatters

O disco traz a sonoridade pela qual a banda é conhecida, mas também mostra o Anthrax explorando outras vias sonoras sem perder contato com o núcleo do seu som.
Loudwire

De modo geral, "For All Kings" possui momentos interessantes e músicas que se sobressaem, porém fica bem abaixo tanto de "Worship Music" quanto de "We’ve Come For You All", seus dois antecessores diretos.
Van do Halen

O grande mérito de "For All Kings" é conseguir unir o thrash ao metal moderno com grandiosos refrãos e não soar forçado em nenhum deles. A banda já teve diversos vocalistas e se Joey Belladonna não é o seu favorito é bem possível que isso estrague um pouco de sua experiência com o álbum. Se você não tem problemas com isso, então 2016 está começando pesado, denso, divertido e com um ótimo exemplo de metal que vale a pena ser ouvido.
Escuta Essa

"For All Kings" é um álbum muito agradável. Ele vai fazer você se sentir nostálgico, mas também traz alguns truques novos na manga. Você só precisa manter a mente aberta e dar uma chance para que o disco o conquiste mais e mais a cada nova audição.
Metal Wani

Scott Ian afirmou que "For All Kings" é o disco mais metal gravado pelo Anthrax nos últimos anos. Apesar do enorme clichê que essa afirmação carrega, ele não está mentindo. A banda fez mais uma vez um álbum excelente, pra encher de vergonha seus acomodados colegas de geração.
Sputnik Music

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Thrash MetalThrash Metal
Os melhores álbuns de 1983 a 2016

1249 acessosCooking Hostile: Cozinhando com suas bandas preferidas944 acessosAnthrax: banda toca "Carry On Wayward Son" ao vivo, veja vídeo0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Anthrax"

Top 10Top 10
Os mais influentes álbuns de Thrash Metal

Guitar WorldGuitar World
11 Álbuns Essenciais do Thrash Metal

Big 4Big 4
King diz que rivalidade acabou, exceto para Mustaine

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 04 de março de 2016

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Anthrax"

LágrimasLágrimas
25 músicas para chorar

Guns N RosesGuns N' Roses
Slash e DJ Ashba, as semelhanças

Bruce DickinsonBruce Dickinson
"Prefiro errar a usar monitores com as letras das músicas!"

5000 acessosOzzy Osbourne: Sharon Osbourne traiu o Madman com Randy Rhoads?5000 acessosRegis Tadeu: uma declaração apimentada sobre público de Metal Extremo5000 acessosJack White: Sem laços de amizade com a "eremita" Meg White5000 acessosAce Frehley: como seria o Spaceman no Kiss em 2013?5000 acessosOzzy Osbourne: A "homenagem" a Dio com anão em disco5000 acessosAxl: chatice e as estranhas festas para impressionar o Metallica

Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.

Mais matérias de Ricardo Seelig no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online