Black Sabbath: por que Iommi geralmente não toparia uma reunião como do Live Aid

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda
Enviar Correções  

O guitarrista do Black Sabbath, Tony Iommi, comentou sobre os 35 anos da reunião da banda no Live Aid, evento realizado no dia 13 de julho de 1985. O festival beneficente teve edições realizadas em Londres, Inglaterra, e Filadélfia, nos Estados Unidos - e o grupo se apresentou nesta segunda.

Zakk Sabbath: ouça versão para "The Wizard", clássico do Black Sabbath

Metallica: gosto musical impediu que se tornassem um Maiden

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Na época, foi a primeira ocasião em que o Black Sabbath se apresentava com sua formação original, incluindo o vocalista Ozzy Osbourne, o baterista Bill Ward e o baixista Geezer Butler, desde 1978. Na época, cada um estava em seu próprio caminho e Tony Iommi trabalhava, em estúdio, no que seria seu álbum solo - o que acabou se transformando em "Seventh Star" (1986), lançado sob o nome do Sabbath.

"A reunião foi ótima. Foi ótimo estar com os caras de novo. Foi um pouco surreal, para ser honesto, porque, basicamente, eu estava trabalhando em estúdio. Era algo pouco usual para mim sair do estúdio. E, cá estamos, em poucos dias, no palco diante de todas aquelas pessoas", afirmou o guitarrista, em entrevista à SiriusXM transcrita pelo NME.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em seguida, o músico comentou que o Sabbath ensaiou por apenas uma hora para fazer aquele show. "Nunca fizemos algo desse tipo antes. Sempre ensaiamos para um show propriamente dito", disse.

Apesar disso, deu tudo certo. "Foi um breve ensaio de uma hora e, no dia seguinte, estávamos no palco. Fiquei um pouco nervoso, pois não sabemos como as coisas vão acontecer, com o equipamento e tudo. Não subíamos no palco juntos há muito tempo. Você meio que precisa fazer e ver o que vai acontecer", afirmou.

O curioso baixo de Geezer Butler no Live Aid

A reunião do Black Sabbath no Live Aid chamou atenção, inicialmente, pelo visual glam de Ozzy Osbourne. Porém, outro detalhe se destacou para os fãs: o baixo diferentão usado por Geezer Butler. O músico tocou em um modelo da marca BC Rich - que o deixou bem irritado.

"Recentemente, me perguntaram sobre o baixo que eu usei no Live Aid. Sim, eu ainda o tenho. É um BC Rich personalizado, que usei apenas naquele show", afirmou Butler, inicialmente, em uma recente postagem on Twitter.

Em seguida, o músico revelou por que não gostou nem um pouco daquele baixo. "Bati meu dedo polegar naquela ponta afiada e mal pude tocar aquele maldito instrumento. Foi bem no nervo e minha mão toda ficou dormente", afirmou.

Black Sabbath no Live Aid

O show de reunião do Black Sabbath no Live Aid contou com três músicas: "Children of the Grave", "Iron Man" e "Paranoid".

Na época, Ozzy Osbourne estava em carreira solo, enquanto o Black Sabbath estava em uma espécie de hiato: o vocalista Ian Gillan deixou a banda após a turnê de "Born Again" (1983) para voltar ao Deep Purple. Tony Iommi, Geezer Butler e Bill Ward (que voltou após a saída de Gillan) tentaram seguir com outro cantor, David Donato, mas optaram por demiti-lo após uma curiosa entrevista.

O guitarrista passou a desenvolver um trabalho solo, sem o baixista e o baterista, que acabou se tornando outro disco do Sabbath: "Seventh Star" (1986).

Black Sabbath: a entrevista que fez David Donato ser demitidoBlack Sabbath
A entrevista que fez David Donato ser demitido




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Zakk Sabbath: ouça versão para The Wizard, clássico do Black SabbathZakk Sabbath
Ouça versão para "The Wizard", clássico do Black Sabbath

Tony Martin: vocalista revela título, capa e tracklist de seu próximo álbum solo

Zakk Sabbath: assista unboxing de Vertigo, tributo ao primeiro álbum do Black SabbathZakk Sabbath
Assista unboxing de "Vertigo", tributo ao primeiro álbum do Black Sabbath

Black Sabbath: O polêmico Born Again que alguns odeiam e muitos amam (vídeo)

Black Sabbath: Cantora de soul regrava "Planet Caravan"

Slash: os seus 10 álbuns favoritos de todos os temposSlash
Os seus 10 álbuns favoritos de todos os tempos

Rock Till You Drop: Black Sabbath - A Era Dio (vídeo)

Black Sabbath: Mindset, a Psicologia do Sucesso do Black Sabbath (vídeo)

Plant e Iommi: próximos mas devidamente mascarados e seguros para anunciar leilãoPlant e Iommi
Próximos mas devidamente mascarados e seguros para anunciar leilão

Há 30 anos: Black Sabbath lançava o subestimado Tyr


Donald Trump: a história do presidente dos EUA com o rockDonald Trump
A história do presidente dos EUA com o rock

Black Sabbath: Uma foto oficial da mão que definiu o Heavy MetalBlack Sabbath
Uma foto oficial da mão que definiu o Heavy Metal


Metallica: gosto musical impediu que se tornassem um MaidenMetallica
Gosto musical impediu que se tornassem um Maiden

Vanessa Frehley: amor sem limites ao KissVanessa Frehley
Amor sem limites ao Kiss


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280 CliInline WhipDin