RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemRoger Waters se defende, mas David Gilmour fica do lado da esposa e confirma tudo

imagemEm 1974, Raul Seixas explicava detalhes dos significados por trás da letra de “Gita”

imagemA opinião de Humberto Gessinger sobre movimentos separatistas da região Sul do Brasil

imagemMegadeth é processado por artista que criou capa do último disco da banda

imagemQuando Roberto Carlos foi alfinetado por Raul Seixas, mas o Rei gostou do que ouviu

imagemComo Brian May acabou fazendo participação especial em disco dos Paralamas do Sucesso?

imagemRoger Waters ataca a Ucrânia e é ofendido por esposa de David Gilmour

imagemDavid Gilmour largou vício maléfico após ouvir erro em disco do Pink Floyd

imagemDave Mustaine diz que atual formação do Megadeth é mais bem-sucedida em anos

imagem"Patinho feio", Gene Simmons diz que não tem amigos

imagemPróximo álbum do Metallica será lançado em fitinha que custa mais de 80 reais

imagemQuando Axl Rose foi zoado na hora errada, após demonstrar sua fragilidade

imagemCinco ícones do heavy metal que morreram de forma trágica

imagemO recado de Felipe Andreoli para fãs que esperam novo "Rebirth" ou "Temple of Shadows"

imagemMick Taylor sobre Rolling Stones: "Não conseguia acreditar como eles soavam mal"


Stamp

AC/DC: Angus conta por que banda não acabou nem após tantas baixas na formação

Por Igor Miranda
Postado em 18 de outubro de 2020

O AC/DC resistiu bravamente a diversas baixas em sua formação nos últimos anos. Os problemas foram superados com os recentes retornos do vocalista Brian Johnson, do baterista Phil Rudd e do baixista Cliff Williams, mas os três chegaram a estar fora da banda, por diferentes razões, ao longo da década - fora a morte do guitarrista Malcolm Young, em 2017.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Brian Johnson foi afastado de parte da turnê do álbum "Rock or Bust" por problemas auditivos. Phil Rudd se enrolou com a Justiça da Nova Zelândia e ficou fora de toda a tour. Cliff Williams concluiu os shows, mas disse que iria se aposentar após a última data programada. Malcolm Young, afetado pela demência, já havia deixado o grupo em 2014 e foi substituído por Stevie Young, sobrinho dele e de Angus Young.

Em dado momento, depois da turnê de "Rock or Bust", só havia sobrado o próprio Angus Young da formação mais duradoura da banda, que existiu entre 1980 e 1983 e de 1994 a 2014. Stevie também permaneceu, mas o músico só entrou após o afastamento de Malcolm. Axl Rose e Chris Slade eram apenas substitutos de Johnson e Rudd, respectivamente.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Por que, então, o AC/DC não anunciou que iria encerrar suas atividades após o fim da "Rock or Bust Tour"? Em entrevista à rádio SiriusXM, com transcrição do Ultimate Guitar, Angus Young explicou brevemente todo o processo e qual era a ideia por trás de não decretar o fim da banda.

"Apenas continuo fazendo isso. É uma parte de mi. É da minha perspectiva. Gosto de fazer música para o AC/DC e tocar essas músicas", declarou, inicialmente.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Angus destacou que desempenha essa função há tantos anos que não dá para imaginar-se fora do AC/DC. "Acho que sei o que fazer mais do que qualquer outro (com relação ao AC/DC). Acho até que sei mais sobre isso do que aprendi em todos os meus anos de escola", disse.

Em seguida, o guitarrista negou que seu irmão Malcolm tenha deixado gravações para o novo álbum da banda, "Power Up", que será lançado em 13 de novembro. Porém, ele confirmou que o saudoso músico é co-autor de todas as faixas do disco.

"A contribuição de Malcolm é principalmente nas ideias de músicas, que ele criou comigo. É, basicamente, a contribuição de Malcolm ao álbum todo. Ele estava lá em espírito e você sempre o sentirá. Ele está lá, especialmente comigo. Ele faz parte de meus pensamentos. Sempre estou pensando nele, assim como todos estão", afirmou.

Por fim, Angus Young contou que o trabalho relacionado ao novo álbum do AC/DC começou em meados de 2018. "Nosso pessoal de gestão nos contatou em 2018 perguntando se eu toparia fazer um álbum. Eu tinha muito material feito junto com Malcolm, no qual trabalhamos ao longo dos anos. Então, pensei: sim, vou juntar essas ideias e ver quem quer fazer parte disso e entrar em estúdio", disse.

Foi a partir daí que as peças voltaram a se encaixar: Brian Johnson estava recuperando a audição, Phil Rudd já não estava mais enrolado com a Justiça e Cliff Williams toparia retornar se os outros dois voltassem. "Foi ótimo, pois todos quiseram estar envolvidos: Brian, Cliff, Phil, Stevie e eu. Foi ótimo podermos voltar a ficar juntos e fazer algumas músicas novas de rock and roll para o mundo ouvir", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Def Leppard Motley Crue 2


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.
Mais matérias de Igor Miranda.