Matérias Mais Lidas

imagemMetallica: se você achou caro o pacote do Titãs, fuja dos preços da turnê de Hetfield & Cia

imagemCinco discos de heavy metal para ouvir sem pular nenhuma faixa

imagemO dia que Cazuza pagou justo esporro para Sandra de Sá ao ver atitude da cantora em festa

imagemRed Hot Chili Peppers virá ao Brasil no próximo ano, diz José Norberto Flesch

imagemFãs não perdoam e reclamam da bateria de Lars Ulrich em novo single do Metallica

imagemJohn Lennon sentia que seu filho Julian "queria que Paul McCartney fosse seu pai"

imagemTitãs e o integrante que era visto como um líder mas saiu por estar em outra

imagemBandas de rock que lançaram poucos discos, mas continuam fazendo muito sucesso

imagemTim Ripper Owens diz que nunca voltaria ao Iced Earth

imagemCharlie Benante não sabia de tour do Metallica com o Pantera

imagemMotörhead lança a música inédita "Bullet In Your Brain"; ouça aqui

imagemA importância da ex-esposa de James Hetfield em sua luta contra o alcoolismo

imagemO motivo pelo qual Steven Tyler disse que "daria na cara" de Elvis Presley

imagemCinco músicos que nunca voltarão para as bandas que os consagraram

imagemLed Zeppelin e a fala que Robert Plant tem vergonha mas não tem como apagar da história


Summer Breeze
Samael Hypocrisy

W.A.S.P.: empresário "ciumento" desligou equipamento do Andreas Kisser no meio do show

Por Emanuel Seagal
Postado em 03 de setembro de 2021

Edu Lane, baterista do Nervochaos, e responsável pela Tumba Productions, participou do Colisão Podcast, onde falou sobre várias experiências positivas que teve ao longo dos anos trazendo bandas para o Brasil, e citou também uma que foi bastante negativa, durante a passagem do W.A.S.P., quando o vocalista Blackie Lawless teria se recusado a cumprimentá-lo e só falava com terceiros através do seu empresário, que por sua vez teria ficado com ciúmes da banda do Andreas Kisser, que abriu o show do W.A.S.P., e desligou os amplificadores no meio do show. Confira abaixo alguns trechos transcritos pelo Whiplash.Net.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"O W.A.S.P. foi muito decepcionante pra mim, o cara (Blackie Lawless) foi muito babaca, babaca demais, preconceituoso, cheio de historinha. Inclusive teve uma passagem que o empresário deles ficou meio com ciúmes da banda que estava abrindo. Uma das bandas que estava abrindo pro W.A.S.P., no extinto Via Funchal, botei o Vader inclusive na turnê junto com o W.A.S.P., aí chamei a banda que o Andreas Kisser tinha na época, junto com um time de peso, aí botei a banda pra tocar.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"O empresário do W.A.S.P. ficou meio com ciúmes. Estava tudo no horário, tudo fluindo bem, e lá pelas tantas o cara teve um chilique e entrou no palco e começou a desligar os amplificadores no meio do show. Foi a primeira vez que eu vi o Andreas, que é um cavalheiro, um gentleman, ficar nervoso mesmo, e com razão, lógico.

"No dia seguinte tinha um show em Curitiba com o W.A.S.P. e o Blackie (Lawless, vocalista) meio que teve um chilique porque o cara da luz não estava fazendo a luz do jeito que ele queria. Eles nem trouxeram um cara de luz, eles pediram um cara local, e aí o Blackie interrompeu o show na metade, começou a quebrar as coisas do local, quebrou um monte de coisa. Aí foi engraçado que o pessoal da equipe técnica foi pro camarim com a quadrada e é o seguinte 'ou tu me paga o equipamento ou tu nem vai sair daqui'. Os gringos ficaram mais brancos que essa parede aqui. Mas é bom pra aprender, porque o cara foi muito babaca, o cara não foi legal, o cara chegou e não trocava ideia com as pessoas, só trocava ideia através do empresário, então eu que era o produtor e fui receber o cara no aeroporto, fui estender a mão e fiquei vendo vácuo, sabe, tipo 'sou eu que tô pagando seu salário, sou eu que tô te trazendo pra cá', entendeu. Essas posturas de prepotente, arrogante.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Por sorte foi só essa que foi bem zoada assim. Eu nem escuto W.A.S.P. hoje em dia por causa disso, e ele virou crente também, eu não curto muito essas pegadas, do cara."

W.A.S.P.: cancelada apresentação do grupo em Curitiba

Resenha - Vader e WASP (Jockey Lounge Bar, Curitiba, 05/06/2005)

Resenha - WASP (Via Funchal, São Paulo, 04/06/2005)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Confira o bate-papo na íntegra no player abaixo.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Siga Whiplash.Net: Facebook | Instagram | Twitter | YouTube

Receba as novidades do Whiplash.Net por WhatsApp


Stamp


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O motivo que levou bombeiros dos EUA a impedir show do W.A.S.P.

Dez músicas do W.A.S.P. que você precisa conhecer, em lista da Classic Rock

A polêmica banda que inspirou o Guns N' Roses a escrever "Welcome To The Jungle"

Chris Holmes relembra quando emprestou sua guitarra para Eddie Van Halen gravar

W.A.S.P.: o casamenteiro de Lita Ford e Chris Holmes!

W.A.S.P.: grupo de Rock sexista e maldito banido na Irlanda

A polêmica banda que inspirou o Guns N' Roses a escrever "Welcome To The Jungle"

Heavy Metal: os maiores álbuns da história para os gregos

Bruce Dickinson: ele revela os três vocalistas que nunca vai conseguir superar


Sobre Emanuel Seagal

Descobriu o metal com Iron Maiden e Black Sabbath até chegar ao metal extremo e se apaixonar pelo doom metal. Considera Empyrium e X Japan as melhores bandas do mundo, Foi um dos coordenadores do finado SkyHell Webzine, escreveu para outros veículos no Brasil e exterior, e sempre esteve envolvido com metal, seja com eventos, bandas, gravadoras ou imprensa. Escreve para o Whiplash! desde 2005 mas ainda não entendeu a birra dos leitores com as notícias do Metallica. @emanuel_seagal no Instagram.

Mais matérias de Emanuel Seagal.