Matérias Mais Lidas

imagemA resposta de John Lennon quando perguntado se retornaria aos Beatles em 1975

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone

imagemO clássico da Legião inspirado em novela da TV Globo e acusado de plagiar The Doors

imagemEric Clapton comenta a lenda do pacto com o diabo feito por Robert Johnson

imagemCinco curiosidades sobre "The Sick, The Dying... And The Dead!", do Megadeth

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1991 é um ano tão celebrado

imagemBob Dylan explica a diferença entre suas composições e as de Paul McCartney

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1984 é um ano vital para o metal

imagemQuantos discos o Guns N' Roses vendeu no Brasil e no mundo? Veja os números

imagemKiss: Tommy Thayer responde se Gene Simmons e Paul Stanley se dão bem

imagemNey Matogrosso relembra como foi abrir o Rock in Rio de 1985

imagemVídeos dos shows no Hellfest do Sepultura, Epica, Nightwish, Blind Guardian e outros

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1988 é um ano inesquecível

imagemPara Ian Anderson, os punks pensaram serem "a vacina" contra o rock progressivo

imagemCadáveres, sangue e girombas: a história da capa de "Reign In Blood", do Slayer


Stamp

Lobão conta o dia em que baixou o "Pai Joaquim" em Gilberto Gil

Por Gustavo Maiato
Em 06/03/22

Famoso por suas histórias inusitadas, Lobão resolveu compartilhar mais um desses acontecimentos que presenciou, dessa vez envolvendo o cantor Gilberto Gil, que na época era Ministro da Cultura durante o mandato do presidente Lula da Silva.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O assunto foi comentado por Lobão durante sua participação no programa Pânico, da Jovem Pan. Segundo o artista, tudo começou quando foi convidado para palestrar na cidade de Rio Claro (SP) e na ocasião teve de tudo: político oferecendo cocaína, pessoas de turbante, Lobão em trajes bizarros e Gilberto Gil incorporando o "Pai Joaquim". Confira o relato abaixo.

"Essa história geralmente conto no botequim. Logo no início do mandato do PT, eu tinha lançado uma revista e estava dando palestras mostrando como driblar impostos. Eu e o meu amigo Birinha fomos para Rio Claro em uma manhã azul anil. Fomos em um carro da prefeitura e soube que íamos para uma reunião em uma célula do Partido Verde.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Eles me contrataram e naquela época eu andava de sandália havaiana, shortinho e camiseta. Aí, chegamos na cidade e tinha um congresso multiétnico. Pessoas de turbante da Angola, Zimbábue e tudo mais. Começou um desfile absurdo e eu ia palestrar de sandália havaiana. Cheguei no camarim e me apareceu o cara que disse que era o presidente do Partido Verde local. Ele estava doidão, cheiradasso! Me ofereceu uma carreira, eu disse que não usava mais o artefato. Ele deu uma cafungada e disse que tinha muita cocaína.

Ele me disse: ‘Sei que você não é muito chegado ao Gilberto Gil’. O Gil era do Partido Verde e tinha acabado de assumir o Ministério da Cultura. Eu disse que ele era um adversário, mas não tinha nada contra. Esse cara me disse que tinha um vídeo em que mostrava o Gil abrindo o congresso e queria me mostrar. Ele disse que havia acontecido algo absurdo. Ele ligou o vídeo e mostrava o congresso com aquelas pessoas com turbantes. Uma voz em off anuncia: ‘Com vocês, o novo Ministro da Cultura’.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ele adentra o púlpito com uns dreads, muito bem vestido. A voz em off diz para os participantes fazerem perguntas. Um ser multiétnico da plateia perguntou sobre o plano de governo dele. O Gil foi testar o microfone e bateu umas vezes nele. Aí ele começa a batucar no microfone, olhava para o horizonte, para o alto, e de repente fala: ‘Porque a reverberação cósmica do universo quântico’. Começou a falar coisas ininteligíveis, como ele sempre fala. De repente, algo o possuiu. Alguma entidade umbandística o possuiu e ele levantou, começou a rebolar na mesa falando ‘Pai Joaquim! Pai Joaquim!’. Ele circundou a mesa cantando e dançando. Ele deu a volta e sentou novamente. Aí suspirou, olhou para o céu e disse: ´É isso aí' ́", concluiu.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net



publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Leoni, ex-Kid Abelha: "Roger sempre foi liberal, mas o Lobão gosta é de polêmica"

Lobão: em vídeo, alguns anos antes de se tornar o arqui-inimigo do PT

Câncer na língua: entenda a doença de Bruce Dickinson


Sobre Gustavo Maiato

Jornalista, fotógrafo de shows, youtuber e escritor. Ama todos os subgêneros do rock e do heavy metal na mesma medida que ama escrever sobre isso.

Mais matérias de Gustavo Maiato.