Guitarristas: os 10 maiores de todos os tempos segundo a Time

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Diego Camara, Fonte: Time, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

A revista Time listou em agosto de 2009 os 10 maiores guitarristas de todos os tempos. Confira a lista abaixo.

944 acessosSão Paulo trip: Veja vídeo de divulgação oficial do festival5000 acessosO tempo é implacável: a turma do rock/metal não sabe envelhecer?

1. JIMI HENDRIX
O maior de todos os tempos? Talvez. Ninguém fundiu blues, rock e psicodelia com tanta facilidade ou usou uma guitarra com tanto carisma.

2. SLASH
Um guitarrista notavelmente preciso que teve que aturar mais merdas dos vocalistas com quem tocou do que qualquer outro nesta lista. Ele chegou onde chegou parcialmente por causa de sua cartola? Sim, ele chegou.

3. B.B. KING
Ele não chama sua guitarra de Lucille para ser bonitinho. Com a ênfase de King no vibrato, ela soava como uma verdadeira mulher cantando blues.

4. KEITH RICHARDS
O mais notável dos discípulos de Chuck Berry é também o criador de riffs memoráveis - "(I Can't Get No) Satisfaction", "Jumpin' Jack Flash", "Gimme Shelter", "Start Me Up", etc. - como nenhum outro no rock 'n' roll.

5. ERIC CLAPTON
Fluente em todos os estilos do blues, Clapton é provavelmente mais conhecido como o rei do Tulsa Sound. Ele está entre os guitarristas mais melódicos, usando seus solos para mover uma música ao invés de pará-la.

6. JIMMY PAGE
O som da guitarra de Page soava como seis guitarras, e o peso de sua mão direita é a chave para o som instantaneamente reconhecível do LED ZEPPELIN.

7. CHUCK BERRY
O pai da guitarra do rock 'n' roll, sua influência destacada ainda é vista em muitas músicas atualmente.

8. LES PAUL
Um guitarrista maravilhosamente talentoso, Paul tinha uma série de hits futuristas na década de 50. Mas sua música foi superada por sua invenção: Paul foi o pioneiro no design e construção das guitarras modernas, que fizeram todos os outros desta lista bastante ricos.

9. YNGWIE MALMSTEEN
O super rápido estilo "neo-clássico" do sueco - ele coloca como suas principais influências Bach e Paganini - é um borrão de escalas e precisão técnica. Isso quase te faz esquecer que a grande maioria das músicas dele são tão rápidas que não dá para escutar direito.

10. PRINCE
Ele cantava um pouco, mas Prince também tocava a guitarra principal. O solo de "Let's Go Crazy" é frequentemente citado como exemplo de seu estilo frenético, mas covers de "Just My Imagination" e "While My Guitar Gently Weeps" provam que ele também pode tocar sob controle.

Os responsáveis são citados no texto. Não culpe os editores. :-)

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

São Paulo TripSão Paulo Trip
As prováveis datas das apresentações...

944 acessosSão Paulo trip: Veja vídeo de divulgação oficial do festival0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Guns N' Roses"

Músicas RuinsMúsicas Ruins
Blog elege piores de grandes bandas do Rock/Metal

Guns N RosesGuns N' Roses
Izzy Stradlin era o coração frio da alma quente da banda

Guns N RosesGuns N' Roses
Banda cover toca "Sweet Child" e chão desaba

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 20 de dezembro de 2012
Post de 29 de maio de 2014
Post de 30 de maio de 2014
Post de 30 de maio de 2014
Post de 17 de janeiro de 2015
Post de 18 de janeiro de 2015
Post de 13 de fevereiro de 2016
Post de 26 de novembro de 2016

0 acessosTodas as matérias da seção Maiores e Melhores0 acessosTodas as matérias sobre "Jimi Hendrix"0 acessosTodas as matérias sobre "Guns N' Roses"0 acessosTodas as matérias sobre "B. B. King"0 acessosTodas as matérias sobre "Rolling Stones"0 acessosTodas as matérias sobre "Eric Clapton"0 acessosTodas as matérias sobre "Led Zeppelin"0 acessosTodas as matérias sobre "Chuck Berry"0 acessosTodas as matérias sobre "Les Paul"0 acessosTodas as matérias sobre "Yngwie Malmsteen"0 acessosTodas as matérias sobre "Prince"

O tempo é implacávelO tempo é implacável
A turma do rock/metal não sabe envelhecer?

NirvanaNirvana
Site elege as dez melhores músicas do grupo

Ninguém é perfeitoNinguém é perfeito
Os 25 piores álbuns feitos por bandas lendárias

5000 acessosSlash: o segredo do timbre do guitarrista5000 acessosMarcos De Ros: os álbuns que marcaram o guitarrista5000 acessosPaul McCartney: um baita susto pregado por George Harrison5000 acessosSlash: rejeitado por banda depois do GNR por usar calça de couro5000 acessosLed Zeppelin: O que a Rolling Stone achou do primeiro disco5000 acessosMustaine: "atirador não merecia ouvir Megadeth"

Sobre Diego Camara

Nascido em São Paulo em 1987, Diego Camara é jornalista, radialista e blogueiro. Seu amor pelo metal e rock começou há 6 anos. Um amante da nova geração, é um grande fã de Arjen Lucassen, Andre Matos e bandas como Nightwish, Hammerfall, Sonata Arctica, Edguy e Kamelot. Também não deixa de ter amor pelos clássicos, como Helloween, Gamma Ray e Iron Maiden e do Rock de bandas como Oasis, Queen e Kings of Leon. Atualmente seus textos podem ser lidos no blog OCrepusculo.com sobre assuntos diversos, além de planos para criação de um projeto totalmente voltado aos blogs de Rock e Metal.

Mais informações sobre Diego Camara

Mais matérias de Diego Camara no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online