RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas


Summer Breeze 2024

Accept: "essa reunião é para durar", diz Wolf Hoffman

Por Flávio Mayrinck
Fonte: Metal-Rules.com
Postado em 10 de junho de 2010

Marko Syrjälä e Arto Lehtinen, do site Metal-Rules.com, recentemente conduziram uma entrevista com o guitarrista Wolf Hoffman e o vocalista Mark Tornillo, da reformada lenda do heavy metal ACCEPT. Alguns trechos da conversa seguem abaixo.

Metal-Rules.com: Mark, quando você foi convidado a se juntar ao ACCEPT, como você se sentiu? Você ficou excitado com a ideia de tocar com essa lendária banda do heavy metal alemão?

Mark: "Bem, em primeiro lugar... eu não fazia idéia de que isso iria acontecer; nós literalmente só nos encontramos para fazer um som. Então, quero dizer, eu não tinha esperança de absolutamente nada, na melhor das hipóteses eu conseguiria uns autógrafos (risos). Mas à medida que o tempo foi passando e ficou claro que nós realmente iríamos fazer isso, foi tipo, eu acordava de manhã e pensava, 'Estou acordado?' e 'Sim, acho que estou acordado?' e eu sempre esperava o outro pé tocar o chão e então, sabe, talvez nada disso ia rolar mas tudo parecia se encaixar bem, e eu fiquei empolgado naquele momento e estou empolgado agora".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 1

Metal-Rules.com: Quando você agora canta todos aqueles clássicos do ACCEPT ao vivo, você não fica nervoso sobre como os antigos fãs do ACCEPT vão aceitar você em primeiro lugar?

Mark: "Ah, claro. Eu não sabia o que esperar. Eu meio que sabia... no que eu estava me metendo em Nova Iorque, quero dizer, é a minha área, sabe, então não estava muito apreensivo com isso, mas eu não fazia ideia sobre no que eu estava me metendo na Rússia, se eu deveria levar um escudo comigo ou sei lá. Mas as vendas de ingressos foram ótimas, os fãs foram ótimos, eu tive uma recepção muito calorosa então eu não podia estar mais feliz, sabe".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 2

Wolf: "Eu pude perceber que no público havia algumas pessoas meio que relutantes no início, um pouco céticas, sabe. Nas primeiras duas, três músicas eles estavam analisando esse novo cara: 'Quem ele pensa que é?' Mas no final, eles estavam todos, 'Aaaaarrgghhh!' sabe. Foi muito maneiro!"

Metal-Rules.com: Na verdade essa não é a primeira vez que vocês tentam promover um novo álbum do ACCEPT com uma nova formação. Qual é a diferença se você comparar a situação atual com a de 1989 quando vocês lançaram o álbum "Eat The Heat" com David Reece nos vocais?

Wolf: "É verdade, mas a situação com David Reece era muito diferente naquela época porque nós queríamos levar o ACCEPT - naquela época - em uma direção muito diferente. Dessa vez quando nos reunimos nós decidimos que não iríamos fazer nenhum tipo de experimento de forma a tentar mudar o ACCEPT, nós só queríamos... na realidade nós queríamos sair em turnê, mas se fizéssemos um novo disco, ele deveria ser em linha com o que as pessoas mais gostam no ACCEPT; isso é, o material dos anos 80: 'Restless And Wild', 'Breaker' e 'Balls To The Wall'. Nós somos mais conhecidos por aquele período, mas aí você se pergunta, 'Bom, o que foi aquilo? O que é tão único naqueles álbums que você não fez nos álbums subsequentes?' e é aí que Andy Sneap (o produtor), ou alguém de fora, entra e te dá mais direção, porque é muito difícil porque são todas suas ideias e naquele momento são todas novas, também. Então se você escreve algo novo agora, você pensa, 'Será que isso vai ser tão bom quanto aquilo?'. É muito difícil fazer isso sozinho".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 3

Mark: "É difícil ser objetivo sobre seu próprio material, sabe. Você precisa de alguém para avaliar pra você algumas vezes, e isso é basicamente o que um produtor faz".

Wolf: "E aí fica muito difícil dizer, 'Bem, isso soa bem alemão', sabe. Porque quando escrevemos 'Restless And Wild' e todo aquele material, para algumas pessoas era o típico metal alemão, ou algo do tipo. E para mim - naquela época - nós não queríamos soar como alemães, nós queríamos soar internacionais. Nós apenas escrevemos o que estava dentro de nós. Mas... sabe, voltar agora e dizer que temos que soar como alemães não é tão fácil porque... o que é soar alemão?! (risos)"

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 4

Mark: "Eu penso que é como colocar o prego na cabeça. Vocês estavam tentando ser internacionais e vocês se sentiam confortáveis fazendo o que vocês estavam fazendo e eu acho que estamos nos sentindo confortáveis fazendo o que estamos fazendo, de novo, e é o que é. Não tentar ser alguma coisa. Apenas ser".

Metal-Rules.com: E se você comparar essa nova era com a primeira vez que vocês se reuniram com Udo, em 1993, e lançaram o álbum "Objection Overruled" com a formação original. Não foi o mesmo tipo de situação em que vocês estão agora, com exceção de alguns membros na banda?

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 5

Wolf: "Sim, e de uma certa forma é similar porque foi excitante tocar de novo e começar de novo, sabe, sempre é. Com certeza é. Nós estamos todos cheios de energia e esperança e estamos tentando fazer com que isso dure e, se tudo der certo, poderemos continuar por aí e fazer outro álbum e voltar ano após ano de agora em diante. Com certeza é um período muito excitante, mas naquela época era muito diferente... a vibração da banda era outra, com certeza. A situação é de alguma forma similar, mas, por outro lado, ter Mark na banda é totalmente diferente do que trabalhar com Udo".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 6

A matéria completa (em inglês) está no link abaixo.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Milho Wonka: quem são os Posers do Rock hoje em dia?


publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS