Matérias Mais Lidas

João Gordo: ele comenta treta com Digão do Raimundos, que o chamou de pela sacoJoão Gordo
Ele comenta treta com Digão do Raimundos, que o chamou de "pela saco"

Rodox: quando baterista estragou show da banda após João Gordo vê-lo rezandoRodox
Quando baterista estragou show da banda após João Gordo vê-lo rezando

Cavalera Conspiracy: Max confessa que mentiu a Iggor sobre primeiro álbum da parceriaCavalera Conspiracy
Max confessa que mentiu a Iggor sobre primeiro álbum da parceria

Resenha - Vera Cruz - Edu Falaschi
Resenha - Vera Cruz - Edu Falaschi

Guns N' Roses: as diferenças entre Steven Adler e Matt Sorum, segundo Gilby ClarkeGuns N' Roses
As diferenças entre Steven Adler e Matt Sorum, segundo Gilby Clarke

Raimundos: Digão revela que recebeu proposta astronômica para reunião com RodolfoRaimundos
Digão revela que recebeu proposta "astronômica" para reunião com Rodolfo

Max Cavalera: como ele desistiu de detonar o Sepultura em Eye for an Eye, do SoulflyMax Cavalera
Como ele desistiu de detonar o Sepultura em "Eye for an Eye", do Soulfly

Iron Maiden: a reação de Steve Harris ao ouvir clássico de Bruce DickinsonIron Maiden
A reação de Steve Harris ao ouvir clássico de Bruce Dickinson

Sebastian Bach: quando o pai do Bon Jovi ameaçou matá-loSebastian Bach
Quando o pai do Bon Jovi ameaçou matá-lo

Sepultura: Max Cavalera admite que copiou Black Sabbath em Roots Bloody RootsSepultura
Max Cavalera admite que copiou Black Sabbath em "Roots Bloody Roots"

Edu Falaschi: em exclusiva, ele conta tudo sobre Vera Cruz, seu 1º álbum soloEdu Falaschi
Em exclusiva, ele conta tudo sobre "Vera Cruz", seu 1º álbum solo

Nirvana: por que, até hoje, Dave Grohl não canta músicas da bandaNirvana
Por que, até hoje, Dave Grohl não canta músicas da banda

Kiss: Vinnie Vincent está vendendo suas letras manuscritas por 50 mil dólaresKiss
Vinnie Vincent está vendendo suas letras manuscritas por 50 mil dólares

Mamonas Assassinas: a história das fotos dos músicos mortos, feitas para tabloideMamonas Assassinas
A história das fotos dos músicos mortos, feitas para tabloide

Iron Maiden: banda não será incluída no Rock And Roll Hall Of Fame em 2021Iron Maiden
Banda não será incluída no Rock And Roll Hall Of Fame em 2021


Stamp
Edu Falaschi - Vera Cruz

Black Bell Tone: mais um ótimo nome surge no Rio Grande do Sul

Resenha - Engenho Que Fabrica Opinião - Black Bell Tone

Por Victor de Andrade Lopes
Em 05/01/20

Nota: 9

O Rio Grande do Sul não cansa de nos brindar com ótimos nomes novos do rock nacional. Hoje, falaremos do Black Bell Tone, quarteto porto-alegrense que, com apenas dois anos de vida, já se meteu na empreitada de lançar um álbum de estreia com qualidade profissional.

Engenho Que Fabrica Opinião, título da obra, é um sinal claro o suficiente de que o disco abordará de forma crítica temas diversos. Depois de abrir já com uma de suas melhores, "Gravitacional", ele segue para o single "Amor, Ordem e Progresso", que questiona o lema da nossa bandeira de maneira bem fundamentada.

É que as palavras presentes na nossa flâmula vêm do lema positivista "Amor por princípio, Ordem por base e Progresso por fim", do autor francês Auguste Comte. Mas a primeira parte foi suprimida. O resultado, sugere a letra e o clipe, é que, em tempos de polarização política, esquecemos de respeitar o outro e focamos em destruir seus argumentos (quando existem).

O álbum todo não deixa de ser um questionamento e uma provocação a reflexões em geral. Músicas para se ouvir no mar ("Navegando e Cantando"), personificações do brasileiro médio ("Opinião Pública") e questões de relacionamento ("Violeta Violenta", "Terra e Pá de Aço") permeiam sua lista de faixas.

A banda até se arrisca em (bom) inglês na indie/alternativa "Monogame", na autêntica "All You Said Was Never True", na hard rock "Wolfpacks Bay" e no leve encerramento "It's All Right to Sense Again".

E é muito gratificante ver que os rapazes souberam criar uma instrumentação digna de carregar tais letras. Destaco principalmente o trabalho dos guitarristas Taba Kuntz (que também canta) e Nando Pontin. Na maioria das faixas, as guitarras efetivamente conversam, em vez de simplesmente se acompanharem num uníssono cru. Completam a formação Lucas Pontin (baixista) e Fernando Paulista (baterista).

Seja na já mencionada abertura, que invade nossos ouvidos com riffs tensos, ou na belíssima Navegando e Cantando, ou mesmo na estilosa "Opinião Pública", o quarteto tem muitos ases em suas mangas e merece constar nas listas de melhores lançamentos nacionais do ano.

Abaixo, o clipe de "Amor, Ordem e Progresso":

Track-list:
1. "Gravitacional"
2. "Amor, Ordem e Progresso"
3. "Navegando e Cantando"
4. "Opinião Pública"
5. "Não Conserve a Dor"
6. "Monogame"
7. "Violeta Violenta"
8. "All You Said Was Never True"
9. "Será Que Restou Alguém"
10. "Wolfpacks Bay"
11. 'Terra e Pá de Aço"
12. "It's All Right to Sense Again"

Fonte: Sinfonia de Ideias
http://bit.ly/blackbelltone

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Pentral
Arte Musical
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Slayer: quando o católico pai de Tom Araya descobriu que a banda era satanistaSlayer
Quando o católico pai de Tom Araya descobriu que a banda era satanista

Guitarristas e vocalistas: os 10 melhores casamentosGuitarristas e vocalistas
Os 10 melhores "casamentos"


Sobre Victor de Andrade Lopes

Victor de Andrade Lopes é jornalista (Mtb 77507/SP) formado pela PUC-SP com extensões em Introdução à História da Música e Arte Como Interpretação do Brasil, ambas pela FESPSP, e estudante de Sistemas para Internet na FATEC de Carapicuíba, onde mora. É também membro do Grupo de Usuários Wikimedia no Brasil e responsável pelo blog Sinfonia de Ideias. Apaixonado por livros, ciências, cultura pop, games, viagens, ufologia, e, é claro, música: rock, metal, pop, dance, folk, erudito e todos os derivados e misturas. Toca piano e teclado nas horas livres.

Mais matérias de Victor de Andrade Lopes no Whiplash.Net.