Ramones: em 1979, um ótimo ao vivo para coroar o primeiro ciclo da ban

Resenha - It's Alive - Ramones

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Mateus Ribeiro
Enviar correções  |  Ver Acessos

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Os três primeiros discos do Ramones ("Ramones", de 1976, "Leave Home" e Rocket To Russia", ambos de 1977) foram essenciais não só para o punk, mas para o rock and roll em geral. As canções simples, descompromissadas e cativantes fizeram muita gente cantar e dançar mundo afora. Para coroar a trinca perfeita, nada melhor do que um registro ao vivo. e foi exatamente isso que a banda fez, ao gravar o maravilhoso "It's Alive".

Drowned: liberada versão de "Poison Heart", do RamonesUruca: Os 9 mais azarados da história do Rock

O álbum ao vivo, lançado em 1979, é resultado de um show realizado no último de 1977 no Rainbow Theatre, em Londres. São 28 músicas, e se você conhece o mínimo da carreira da banda, desconfia que pelo número de faixas, praticamente todas as canções gravadas pelo Ramones estão presentes no álbum. Bem, basicamente é quase isso mesmo.

Diferente do que aconteceu em "Loco Live", não existe aquela velocidade quase desumana, que no final das contas, acabava até mesmo descaracterizando algumas músicas. Tudo soa quase como se fosse feito em estúdio, de maneira mais "calma", o que possibilitou, por exemplo, a inclusão de músicas mais tranquilas, como as maravilhosas "I Wanna Be Well", "Oh Oh I Love Her So" e "You're Gonna Kill That Girl".

Mas também há tempo e espaço para a habitual energia presente nos shows da banda, através das maravilhosas "Glad To See You Go", "Rockaway Beach" (que abre o show, com Dee Dee gritando na hora errada), "Gimme Gimme Shock Treatment", "I Don't Wanna Walk Around With You", 'Pinhead", "Blitzkrieg Bop", "Sheena Is A Punk Rocker", e muitos outros clássicos que até hoje são inesquecíveis.

Avaliação final: "It's Alive" é como se fosse uma coletânea dos primeiros discos, só que gravada em cima de um palco. As músicas são muito bem executadas, dentro da proposta do Ramones. Uma ótima maneira de encerrar o ciclo da formação clássica!
A produção também é das melhores, deixando tudo audível.
Não tem segredo, é apertar o play e se divertir!

Ano de lançamento: 1979

"Rockaway Beach"
"Teenage Lobotomy"
"Blitzkrieg Bop"
"I Wanna Be Well"
"Glad To See You Go"
"Gimme Gimme Shock Treatment"
"You're Gonna Kill That Girl"
"I Don't Care"
"Sheena Is A Punk Rocker"
"Havana Affair"
"Commando"
"Here Today, Gone Tomorrow"
"Surfin' Bird"
"Cretin Hop"
"Listen To My Heart"
"California Sun"
"I Don't Wanna Walk Around With You"
"Pinhead"
"Do You Wanna Dance?"
"Chainsaw"
"Today Your Love, Tomorrow The World"
"Now I Wanna Be A Good Boy"
"Judy Is A Punk"
"Suzy Is A Headbanger"
"Let's Dance"
"Oh Oh I Love Her So"
"Now I Wanna Sniff Some Glue"
"We're A Happy Family"

Formação:

Joey - vocal
Dee Dee - baixo
Johnny - guitarra
Tommy - bateria




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Ramones"


Drowned: liberada versão de "Poison Heart", do RamonesRamones: resenha do último disco da banda, Adios Amigos

Ídolos imortais: Dee Dee Ramone, um gênio insanoÍdolos imortais
Dee Dee Ramone, um gênio insano

Ramones: covers que a banda gravou (e se tornaram grandes sucessos)Ramones
Covers que a banda gravou (e se tornaram grandes sucessos)

Ramones: a resenha do disco Acid Eaters

Ramones: O legado não vai desaparecer, isso é o mais importanteRamones
"O legado não vai desaparecer, isso é o mais importante"

Richie Ramone: CJ e eu somos do Ramones e Marky sabe dissoRichie Ramone
"CJ e eu somos do Ramones e Marky sabe disso"

Ramones: 10 músicas que não são cantadas por Joey RamoneRamones
10 músicas que não são cantadas por Joey Ramone

Ramones: o pacto entre Joey e a viúva de Johnny que segurou a bandaRamones
O pacto entre Joey e a viúva de Johnny que segurou a banda

Ramones: 23 coisas que aconteceram depois que a banda acabouRamones
23 coisas que aconteceram depois que a banda acabou

Em 06/10/1996: Ramones fazia seu último showRamones: quebra-cabeças serão lançados em setembro

Ramones: Regis Tadeu conta histórias pouco conhecidas sobre a bandaRamones
Regis Tadeu conta histórias pouco conhecidas sobre a banda

Resenha - Acid Eaters - RamonesRamones
Os influenciadores também são influenciados

Ramones: rápido, insano e letal em Loco Live

Dia das Crianças: que tal comemorar com Ramones e Xuxa?Dia das Crianças
Que tal comemorar com Ramones e Xuxa?

Gigantes do Rock e Metal: alguns músicos muito, muito altosGigantes do Rock e Metal
Alguns músicos muito, muito altos

Rapidinhas: As músicas mais curtas de grandes bandas do Rock e MetalRapidinhas
As músicas mais curtas de grandes bandas do Rock e Metal


Uruca: Os 9 mais azarados da história do RockUruca
Os 9 mais azarados da história do Rock

Cradle Of Filth: Dani Filth explica seu conceito de religiãoCradle Of Filth
Dani Filth explica seu conceito de religião

Religião: Top 10 citações sobre Deus e o DiaboReligião
Top 10 citações sobre Deus e o Diabo

Uncut Magazine: fãs elegem as 10 melhores músicas do Pink FloydSlayer: Tom Araya revela seus ídolos do baixoRolling Stone: as 100 melhores músicas de guitarraTalento: pra quem tem, a idade é apenas um detalhe

Sobre Mateus Ribeiro

Fanático por Ramones, In Flames e Soilwork. Limeirense com muito orgulho (e sotaque).

Mais matérias de Mateus Ribeiro no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336