Matérias Mais Lidas

Metallica: Jason Newsted conta o segredo para manter uma boa grana até hojeMetallica: Jason Newsted conta o segredo para manter uma boa grana até hoje

O recado de Bruno Sutter para roqueiros que não entendem sucesso de outros estilosO recado de Bruno Sutter para roqueiros que não entendem sucesso de outros estilos

O motivo pelo qual Regis Tadeu considera Phil Collins deprimenteO motivo pelo qual Regis Tadeu considera Phil Collins deprimente

Iron Maiden: Bruce Dickinson não vai pilotar avião da banda nas próximas turnêsIron Maiden: Bruce Dickinson não vai pilotar avião da banda nas próximas turnês

Acredite se quiser: Iced Earth lançou novo álbum; ouça A Narrative SoundscapeAcredite se quiser: Iced Earth lançou novo álbum; ouça "A Narrative Soundscape"

A banda brasileira mais transgressora dos anos 1980, segundo Maurício BrancoA banda brasileira mais transgressora dos anos 1980, segundo Maurício Branco

A categórica opinião de Kiko Loureiro sobre SlashA categórica opinião de Kiko Loureiro sobre Slash

Anitta lança clipe de Boys Don't Cry, com estética rock e punk; assistaAnitta lança clipe de "Boys Don't Cry", com estética rock e punk; assista

Motörhead: o que Lemmy dizia a quem não queria cheirar cocaína com eleMotörhead: o que Lemmy dizia a quem não queria cheirar cocaína com ele

Luis Mariutti comenta saída da banda Andre Matos; quase 5 anos trabalhando de graçaLuis Mariutti comenta saída da banda Andre Matos; "quase 5 anos trabalhando de graça"

Steve Vai teve que malhar quando começou a tocar com Lee Roth; Parecia um macarrãoSteve Vai teve que malhar quando começou a tocar com Lee Roth; "Parecia um macarrão"

Metallica: segundo Jason, acidente que quase fez James perder a vida salvou a bandaMetallica: segundo Jason, acidente que quase fez James perder a vida salvou a banda

O principal motivo pelo qual o rock nacional falhou, segundo Diogo DefanteO principal motivo pelo qual o rock nacional falhou, segundo Diogo Defante

Kid Abelha: a opinião de Alvin L sobre a banda e a cena da praia no Rio de JaneiroKid Abelha: a opinião de Alvin L sobre a banda e a "cena da praia" no Rio de Janeiro

Cannibal Corpse: a música que fez George Corpsegrinder querer cantar death metalCannibal Corpse: a música que fez George Corpsegrinder querer cantar death metal


Stamp

Blitzkrieg: Um capítulo que a banda abre de forma melancólica

Resenha - Judge Not! - Blitzkrieg

Por Ricardo Cunha
Em 13/05/19

publicidade

Nota: 6

A origem do Blitzkrieg nos remete a Leicester, Outubro de 1980, quando os membros da banda Split Image - os guitarristas Jin Sirotto e Ian Jones, o baixista Steve English e o baterista Steve Abbey - buscam um substituto para sua ex-vocalista, Sarah Aldwinkle, e se deparam com Brian Ross, que havia trabalhado anteriormente em grupos como o Anvil (não confundir com o homônimo canadense) e Kashmir. Após a entrada de Brian, decidem mudar seu nome para o que seria, num futuro não muito distante, um ícone do Heavy Metal mundial, o BLITZKRIEG."

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Prestes a completar 40 anos de atividades quase que ininterruptas; havendo lançado 10 álbuns oficiais (incluindo os ao vivo) e tendo viajado por todo o globo, a banda se tornou um nome considerado entre tantos do estilo. Depois de muitos altos e baixos – mais baixos do que altos – a banda retorna em 2018 com um novo disco, do qual falaremos agora:

Judge Not! o nono álbum de estúdio, é um capítulo que a banda (infelizmente) abre de forma melancólica. Que me perdoem os fãs – entre os quais humildemente me incluo – mas, após diversas audições, não consegui desfazer a sensação de que a banda forçou a barra nesse disco. Parece que os caras estavam preocupados com prazos a cumprir e isso os atrapalhou na fluidez do processo. O vocal está deslocado e o instrumental, engessado. Para falar a verdade, houve momentos em que tive vontade de parar a audição, mas como esse trabalho não é para mim um negócio, continuei a ouvi-lo e ainda repeti o exercício. Bem, o disco não é um lixo, só foge dos padrões ao qual o fã mais "true" está acostumado. A qualidade da gravação é muito boa e isto nos leva a perceber que o produtor Jacob Hansen fez o seu melhor. No entanto, nem o seu esforço foi suficiente para salvar o álbum. As composições são boas e o primeiro single, "Reign of Fire", é sem dúvida o ponto mais alto do disco. Têm boas guitarras, excelente cozinha e o grupo demonstra prazer em tocar. O verdadeiro problema, pelo menos para este que vos escreve, é que os caras parecem perder o entusiasmo à medida que as seções de gravação vão avançando e, por fim, acabam fazendo um álbum nada mais do que mediano.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Apensar dos resultados no estúdio, a banda tem seguido em frente com uma agenda de shows movimentada, demonstrando que ao vivo a história é outra. Dessa forma, cabe-nos lembrar que a história continua sendo escrita e há mais desdobramentos do que podemos considerar nas nossas análises, por vezes, apressadas. O eterno ícone da NWOBHM segue sua saga marcada por renovadas provas de amor à música. E, pelo que sabemos, é claro que houve acertos e erros, encantos e desencantos… Todavia, nada que tenha abalado a confiança de Brian Ross, um líder que sempre demonstrou capacidade de superar obstáculos, de olhar pra frente e de continuar.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Iron Maiden: Lendas do metal britânico que falam sobre a Donzela de Ferro (vídeos).Iron Maiden: Lendas do metal britânico que falam sobre a Donzela de Ferro (vídeos).


Death Metal: as 10 melhores bandas de acordo com a AOLDeath Metal
As 10 melhores bandas de acordo com a AOL

Lista: clássicos do rock e do metal que ninguém aguenta mais ouvir - Parte 1Lista
Clássicos do rock e do metal que ninguém aguenta mais ouvir - Parte 1


Sobre Ricardo Cunha

Editor no site Esteriltipo - Marketing de Conteúdo.

Mais matérias de Ricardo Cunha.