Karyttah: Em busca de uma Nova Era!

Resenha - New Age; The Age of Karyttah - Karyttah

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Sobreira
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9

Em uma época onde milhares de bandas lutam por algum reconhecimento e pela divulgação de seu material, infelizmente sabemos que poucas terão algum retorno e menos ainda conseguirão realizar os seus sonhos... Mas, quem acredita independente, da realidade ou não, vai atrás e como um dos inúmeros exemplos positivos temos o músico paulistano Fabio Loffs e sua banda (ou sendo mais sincero, "one-man-band") Karyttah, que traz à tona em sua música, uma Nova Era!

Guitarras e Baixos: Perguntas e RespostasJason Newsted: revelando porque ele deixou o Metallica

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Lançado em 2017, o debute 'New Age - The Age of Karyttah' apresenta uma sonoridade que não é nenhuma novidade, mas que agrada pela qualidade e pelo sentimento verdadeiro que foi composto. É bem perceptível, que elementos de Heavy/Power Metal, Progressivo, algo de Música Clássica e até mesmo uma pitada discreta de Pop Rock se uniram para formar o agradável resultado final, de um trabalho que vai direto ao ponto: com nove faixas (sendo duas introduções narradas) em cerca de 35 minutos de boa música.

Fabio Loffs, a mente criativa que move a entidade Karyttah, é o responsável pelas composições, vocais, baixo, guitarra e programação de bateria, também cuidou da produção e de partes do processo gráfico, ainda contou com convidados especiais, que em cada momento do disco, deram suas contribuições no instrumental.

É de se ressaltar, que a qualidade sonora soa bem satisfatória com nitidez e equilíbrio entre os instrumentos e vocal, e, mesmo o fato da bateria ter sido programada - o que muitas vezes gera arrepios em muitos - não tira os méritos do trabalho. O peso, que é tão importante no estilo, foi distribuído com sensatez, bem como a diversidade nos arranjos e nas melodias, assim como a alternância entre sessões rítmicas mais velozes e em 'mid-tempo'.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A capa expressa a galáxia - provavelmente tanto no plano físico quando simbólico/astral - ficou interessante, mas no fim das contas, uma arte mais elaborada profissionalmente (como tantas que temos o prazer de ver atualmente, inclusive de artistas nacionais), sem dúvidas conferiria um ar visual mais atraente em diversos sentidos. Em contrapartida, uma atitude louvável está nas letras no encarte, onde ao lado das originais em inglês, o ouvinte poderá usufruir também das traduções no nosso bom português.

Os destaques são servidos em abundância, desde a curta introdução "Intro - A Nova Era" até a chegada de "New Age" (divulgada em 'lyric video') que estoura nos auto-falantes com muita energia e diversidade. Começando a todo vapor "The Other Sides" se permite uma curiosa passagem à la Iron Maiden, com direito até a "cavalgada" de baixo, para então retornar com a velocidade até o final. Dando uma breve mudança de ares em seus momentos iniciais, "Once More Again" se vale de alguns arranjos mais suaves, com linhas de voz bem fortes e alterna para o peso, mas acaba retornando a levada inicial. Já apostando em uma direção um pouco mais direta temos "Never Say Never", enquanto que a interessante "Eternal Sugesttions" poderia estar perfeitamente em algum álbum da SoulSpell Metal Opera, com destaques ainda para a dobra de vozes no refrão e o solo final. Com um pé no Progressivo, mas sem perder as nuances rápidas do Heavy/Power "The End of Our Lives" nos conduz discretamente ao final, que ainda tem como surpresa (uma das que mais gostei e ouvi) a curta "Karyttah" com ótimas e inesquecíveis melodias.

Confira você também leitor e se surpreenda ainda mais com a qualidade do Metal nacional!

Músicos Convidados:
Henrique Canale (baixo - faixa 2 e teclado - 1,2 e 9)
Alex Andreoni (solo - faixa 2 e solo #1 - 7)
Priscila Mendes (teclado - faixa 4)
Allan Juliano (co-criação de bateria - faixa 4)
Fernando Debuxe (solo - faixa 4)
Du Firmino (backing vocal - faixa 6)
Daniel Coronado (teclado - faixa 7)
Zé Langer (solo #3 - faixa 7)

Faixas:
01. Intro - A Nova Era
02. New Age
03. The Other Sides
04. Once More Again
05. Never Say Never
06. External Suggestions
07. The End of Our Lives
08. Karyttah
09. Grand Finalle - A Caridade.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Karyttah"


Guitarras e Baixos: Perguntas e RespostasGuitarras e Baixos
Perguntas e Respostas

Jason Newsted: revelando porque ele deixou o MetallicaJason Newsted
Revelando porque ele deixou o Metallica


Sobre Vitor Sobreira

Moro no interior de Minas Gerais e curto de tudo um pouco dentro do maravilhoso mundo da música pesada, além de não dispensar também uma boa leitura, filmes e algumas séries. Mesmo não sendo um profissional da escrita, tenho como objetivos produzir textos simples e honestos, principalmente na forma de resenhas, apresentando e relembrando aos ouvintes, bandas e discos de várias ramificações do Metal/Heavy Rock, muitos dos quais, esquecidos e obscuros.

Mais matérias de Vitor Sobreira no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280