Underhate: confira o Thrash opressivo da banda brasiliense

Resenha - Acts Of Opression - Underhate

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fabio Pitombeira
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9

Vinda de Brasília, a UNDERHATE nos apresenta um Thrash Metal violentíssimo neste seu álbum de estreia "Acts Of Opression", que contou com a produção afiada de Caio Duarte (Dynahead), e teve seu lançamento no Brasil garantido pela MS Metal Records.

Rob Halford: 11 coisas que você não sabia sobre eleVícios: As 10 melhores músicas sobre drogas

Pense em um híbrido de referências que vão desde o ANTHRAX, passando pelo TESTAMENT, até culminar no SLAYER, e você terá a noção exata de como este trabalho é cativante, e indicado para os mais criteriosos fãs do segmento aqui abraçado. Caio merece ser novamente citado, pois o seu trabalho garantiu que o peso exigido fosse a força motriz por trás do disco. Tudo aqui soa muito bem aos ouvidos e, lembrem-se, que estou falando de músicas velozes, pesadas e com riffs em profusão, então, conseguir nitidez no meio disso tudo é algo bem complicado e para poucos no país. O vocalista Milton é excelente e meio que conduz os demais músicos no decorrer das faixas, principalmente em "War Control" e "Burn" , as que mais me identifiquei, e que não saem da minha playlist.

Mais um álbum de banda nacional que merece o respeito e reconhecimento de todos os bangers. Trabalhos como este não devem em nada aos que vem de fora, então, está mais do que na hora do público tupiniquim apoiar de vez as nossas bandas. Já virei fã da UNDERHATE e espero que você que esteja lendo esta avaliação, dê uma chance aos caras e compre o material. Excelente!

MS Metal Records - 2017

Track List

01. War Control
02. Fields Are Burning
03. Lies and Desorder
04. Carnival of Souls
05. Take My Hope
06. Burn
07. Iron Will
08. My Own Way
09. The Birth of Evil
10. Feel Our Pain




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Underhate"


Rob Halford: 11 coisas que você não sabia sobre eleRob Halford
11 coisas que você não sabia sobre ele

Vícios: As 10 melhores músicas sobre drogasVícios
As 10 melhores músicas sobre drogas

Classic Rock: as 10 melhores baladas dos anos 80Classic Rock
As 10 melhores baladas dos anos 80

Tom Grosset: O mais rápido baterista do mundo segundo o GuinnessTom Grosset
O mais rápido baterista do mundo segundo o Guinness

Ozzy Osbourne: os conselhos do Madman sobre masturbaçãoOzzy Osbourne
Os conselhos do Madman sobre masturbação

David Gilmour: guitarristas que usam Fender são mais reconhecíveisDavid Gilmour
"guitarristas que usam Fender são mais reconhecíveis"

Marty Friedman: Ele enjoou do metal e do MegadethMarty Friedman
Ele enjoou do metal e do Megadeth


Sobre Fabio Pitombeira

Trabalha desde 2002 com produção de shows em Teresina. Teve a oportunidade de trabalhar com grandes nomes do Heavy Metal e Rock and Roll como Paul Di Anno, Ira!, Hangar, Angra, Shaman, Andralls, Drowned, Clamus, Dark Season, Megahertz, Anno Zero Empty Grace, Mordydia, Káfila, entre outros.

Mais matérias de Fabio Pitombeira no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336