Martyrdom: material para amantes do obscuro e cru metal negro

Resenha - Culto Primitivo à Morte - Martyrdom

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Cristiano Borges, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

O título de um material diz muito sobre ele, faz com que a pessoa que está prestes a ouvi-lo fomente ideias e com isso já tenha noção do que está por vir. Bem, as vezes surgem umas decepções... mas, e quando a banda consegue passar exatamente o que propõe o título?

Black Sabbath: mais uma do Tony Iommi pra cima do pobre Bill WardSlash: guitarrista escolhe seus riffs favoritos

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

É isso que faz os baianos do Martyrdom, banda de death/doom metal (também com notáveis influências do black metal) que já está na batalha há anos mas sempre muito oculta e reclusa as sombras. O material em questão chama-se "Culto Primitivo A Morte" recém lançado e vem como prévia do debut full já anunciado pela banda. O EP já abre com a faixa título e traz exatamente o sentimento transmitido pelo título: sonoridade crua e atmosférica que nos transporta aos mais profundos abismos, a com letras vociferadas em português (assim como todas as outras) o que traz ainda mais sombras ao clima, assim como os riffs arrastados e partes cadenciadas.

A seguir temos algumas faixas live à começar pela faixa citada anteriormente, onde aqui, além de tudo já citado, apresenta o mágico clima dos palcos; "Aeternum Tenebrarum" é mais uma obra mística que nos transporta aos tempos áureos do metal negro, aquele de época que poucas bandas conseguem transmitir nos dias de hoje, friso aqui também o belo trabalho na bateria, assim como o presente teclado; Mais um live com "Apenas A Escuridão" e o convite compulsório à bater cabeça, algumas variações, mas o que se segue é uma puta sonoridade melancólica; Pra encerrar temos uma versão ensaio para "Espíritos da noite", uma canção com uma pegada mais rápida e direta, mas sem deixar a marca da horda, visto que variam pra partes cadenciadas e pesadas. A capa traz uma arte simples e condizente com todo o resto e pra terminar o disco se completa com três vídeos: "Culto Primitivo Á Morte"(lyric vídeo), "Nokturna"(Vídeo clip oficial) e "Abismo Das Sombras"(live).

Mais uma horda nordestina fudida e maldita. Não conhecia, o que acabou se tornando uma surpresa maior ainda, o full tá vindo e a julgar por esse EP será uma obra destruidora e sombria. Termino com um alerta: material exclusivo para amantes do obscuro e cru metal negro. São três tipos de gravação, três climas diferente ao qual os amantes do metal oldschool irão se deleitar, e quem anseia por gravação cristalina mantenha distancia. Salvem o metal da morte!

Ouça o EP "Culto Primitivo à Morte":
https://martyrdom.bandcamp.com/album/culto-primitivo-morte-e...

Músicas:
01. Culto Primitivo à Morte (Single Version)
02. Culto Primitivo à Morte (Live)
03. Aeternun Tenebrarum (Live)
04. Apenas a Escuridão (Live)
05. Espíritos da Noite (Rehearsal)
06. Culto Primitivo à Morte (Lyric Video)
07. Nokturna (Official Video Clip)
08. Abismo das Sombras (Live Video)

Integrantes:
AmraKing (Vox & Synths)
Alberto Britto (6 Strings)
Márcio Vieira (6 Strings)
Tarcísio Medeiros (5 Strings)
Vurmun (Percussion)

Acompanhe Martyrdom através das redes:
http://www.martyrdom.bandcamp.com/




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Martyrdom"


Black Sabbath: mais uma do Tony Iommi pra cima do pobre Bill WardBlack Sabbath
Mais uma do Tony Iommi pra cima do pobre Bill Ward

Slash: guitarrista escolhe seus riffs favoritosSlash
Guitarrista escolhe seus riffs favoritos


Sobre Cristiano Borges

Idealizador da web rádio cearense Cangaço Rádio Rock, especializada na divulgação de bandas undergrounds com entrevistas, matérias especiais, resenhas, divulgação de álbuns, clipes e turnês. Apresentador dos programas Rock Out Of The Box, Cova de Sangue e Peste Negra e Assessor de Imprensa na empresa Cangaço Rock Comunicações.

Mais matérias de Cristiano Borges no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336