RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemRoger Waters se defende, mas David Gilmour fica do lado da esposa e confirma tudo

imagemO ponto fraco de Yngwie Malmsteen segundo Ronnie James Dio, em 1985

imagemEm 1974, Raul Seixas explicava detalhes dos significados por trás da letra de "Gita"

imagemOzzy Osbourne revela qual foi o melhor guitarrista de sua carreira solo

imagemRoger Waters atende a Rússia e faz discurso para o Conselho de Segurança da ONU

imagemA reação de King Diamond ao ouvir Metallica tocando músicas do Mercyful Fate

imagemO triste motivo pelo qual o Pink Floyd não podia fazer contato com Syd Barrett

imagemQuem ganhou e quem devia ter ganhado o Grammy de metal desde 1989, segundo Loudwire

imagemRodinha de mosh gigantesca em show do System of a Down viraliza e impressiona

imagemVeja o que esperar da turnê do Mayhem no Brasil

imagemPor que Herbert Vianna gosta muito do riff de "Eu Quero Ver o Oco" do Raimundos?

imagemMegadeth é processado por artista que criou capa do último disco da banda

imagemVeja Dave Grohl cantando e agitando em show do Mercyful Fate

imagemAs 20 melhores músicas do Nightwish, em lista da Metal Hammer

imagemO show do Engenheiros do Hawaii sem Humberto, que eles achavam que havia sido sequestrado


Stamp

Biquini Cavadão: Um trabalho digno de uma banda trintona

Resenha - As Voltas Que O Mundo Dá - Biquini Cavadão

Por Abel Teixeira
Postado em 28 de março de 2017

Recentemente, o Biquini Cavadão lançou o seu mais novo trabalho. Seguindo o ritmo melódico do anterior, o sensacional "Roda-Gigante", o novo álbum se fixa nos arranjos mais bem produzidos por uma banda dos Anos 80. Soa moderno, certo, denso. Tudo isso, pelo crivo do experiente produtor Liminha.

Não é surpresa alguma esperar de uma banda trintona um trabalho digno. Mais uma vez, os cariocas conseguiram colocar as ideias em prática. Foram mais de 5 anos de composições, e o resultado você pode ver - e ler - a seguir, com algumas impressões que tive deste "As Voltas Que O Mundo Dá".

A incrível "Soltos Pelo Ar", que aos gritos iniciais bem postados de Bruno Gouveia, dá o pontapé no disco. É impossível não se apaixonar por essa música, que posteriormente, deve ser trabalhada como single nas rádios de todo o país.

A segunda faixa, intitulada "Arco-Íris", nos dá a sensação de despedida, o famoso "chutar o balde" após um término, um ponto. Nem por isso, deixa a canção feia. Pelo contrário... Que letra excelente! Tiro certo do Biquini.

Assim que ouvi pela primeira vez o single "Um Rio Sempre Beija O Mar", minha cabeça se voltou para um ambiente praiano. Talvez, o instrumental mais bonitinho do álbum.

A canção "Como Eu Te Conheci" é bem íntima, pois o Bruno a compôs para a sua esposa, a doce Izabella (Menina Do Céu). Me amarro em situações amorosas, no que refere-se ao conhecimento. É uma época muito gostosa da gente se lembrar da relação e do que ela separa pra um futuro.

Chegamos à música mais densa do álbum: "Você Marcou", uma composição de 2011. Lindíssima, dramática e arrastada - no melhor dos sentidos!

"Descobrimentos" é uma das faixas preferidas da banda, em especial de seu vocalista. Confesso que ainda não me identifiquei com ela, mas isso é muito pessoal. O disco nos abre vários caminhos, várias descobertas, assim como diz a música. Os arranjos são lindos, com gaita de fole e teclados.

A próxima canção - e versão - se chama "A Nossa Diferença De Idade", levando a frase do nome do disco. Levada mais rápida, alegre, fazendo lembrar e muito algumas músicas do álbum "Só Quem Sonha Acordado Vê O Sol Nascer".

Outro ponto alto deste trabalho: "Para Sempre, Seu Maior Amor". Um pop gostoso de se ouvir, candidata a single. É um estilo que o Biquini segue há alguns anos, de forma competente. Recomendada a todos apaixonados de plantão :-)

"Coragem" é a porrada do disco. Precisa ser registrada nos shows, e tem a mesma pegada de petardos como "Amanhã É Outro Dia", de 2013; e de certa intenção as antigas "Zé Ninguém", "Cai Água, Cai Barraco" e "Bem-Vindo Ao Mundo Adulto".

Sem palavras para a música "A Saudade É O Museu Do Amor". Sugiro que vejam todas as entrevistas de bruno Gouveia sobre o álbum novo, especificamente essa música. Me entenderão!

"Beijar Sem Fim" é o sentimento mais sutil do despertar. O despertar do início, aquela vontade louca de (re)encontrar a pessoa amada. A composição fica por conta do Álvaro Birita, que é um expert em letras. A banda conseguiu traduzir toda a mensagem em notas, e o resultado ficou lindo! Parabéns a todos os envolvidos.

Por fim, "Um Minuto Com Você" fecha a porta e apaga a luz desta bolacha. Os dedilhados são bem postos, coma parceria de Eric Silver. Como mensagem, valorizem até o último minuto com a pessoa amada.

Bem, é isso. Espero ter traduzido algum sentimento e visão deste que é o mais novo trabalho do Biquini Cavadão. É um álbum recheado de honestidade, de esperança, de forma. Poucas vezes ouvi algo tão verdadeiro.

Ouçam com atenção e deixem as suas opiniões :-)

[an error occurred while processing this directive]

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Def Leppard Motley Crue 2


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Abel Teixeira

Bacharel em Direito por acidente e Produtor de Conteúdo por gosto.
Mais matérias de Abel Teixeira.