Bob Dylan: A verdadeira apresentação do Royal Albert Hall

Resenha - Real Royal Albert Hall 1966 Concert - Bob Dylan

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Gabriel Zorzetto
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 10

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Após protagonizar o maior momento da música no ano passado ao ganhar o Nobel da Literatura, Bob Dylan voltou à cena no fim de 2016 e disponibilizou um gigantesco box de 36 CDs com uma série de concertos do ano de 1966. Dentre eles destacam-se algumas apresentações que foram bootlegs por muitos anos, mas que agora foram mixadas e editadas com qualidade para a alegria dos fãs.

2801 acessosBandas de acompanhamento: algumas tão famosas quanto seus chefes5000 acessosNirvana - Perguntas e Respostas

A principal delas é o famoso show do Royal Albert Hall, que durante décadas foi confundido com um show de Manchester lançado em 1998 na coleção The Bootleg Series Vol. 4. Eis que agora, Dylan resolveu liberar (à parte do box para quem não quer desembolsar mais de 100 dólares) o disco duplo com o verdadeiro show da icônica casa inglesa.

O Setlist do álbum é o mesmo daquele de 1998, apresentando canções de três dos melhores discos da carreira de Dylan: “Bringing It All Back Home”, “Highway 61 Revisited” e “Blonde On Blonde”. Os três que guinaram a transformação do cantor do folk para o rock, causando a revolta de inúmeros fãs, que vaiaram boa partes de seus concertos nesta época.

O primeiro lado do CD é totalmente acústico e Dylan entrega versões maravilhosas de “Just Like a Woman” e “Mr. Tambourine Man”, além de uma profunda e emocionante performance da longa “Desolation Row”. Já no lado dois, Bob tem a companhia de sua banda de apoio, que era formada por futuros membros da lendária "The Band", dentre eles o guitarrista Robbie Robertson, o baixista Rick Danko e o tecladista Richard Manuel. Todos começam de forma arrebatadora na ótima “Tell Me Mama” e seguem no forte ritmo, passando por pérolas como “Just Like Tom Thumb's Blues” e “Ballad of Thin Man” para por fim chegar ao ápice na estrondosa “Like a Rolling Stone” (que merece ser ouvida no último volume).

“The Real Royal Albert Hall 1966 Concert” é tão espetacular quanto ao seu falso antecessor e representa um pedaço fundamental da história da música popular, com uma apresentação fantástica do maior compositor que já pisou neste planeta.

Track-List

CD: 1
1.She Belongs to Me
2.Fourth Time Around
3.Visions of Johanna
4.It’s All Over Now, Baby Blue
5.Desolation Row
6.Just Like a Woman
7.Mr. Tambourine Man

CD: 2
1.Tell Me, Momma
2.I Don’t Believe You (She Acts Like We Never Have Met)
3.Baby, Let Me Follow You Down
4.Just Like Tom Thumb’s Blues
5.Leopard-Skin Pill-Box Hat
6.One Too Many Mornings
7.Ballad of a Thin Man
8.Like a Rolling Stone

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

2801 acessosBandas de acompanhamento: algumas tão famosas quanto seus chefes3076 acessosRock In Rio: fã cria line-up só com artistas "inéditos" desde 2011300 acessosBob Dylan: valorizando seu "outro lado"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Bob Dylan"

Mais capasMais capas
A história do rock no Google Street View

Rolling StoneRolling Stone
As melhores faixas que fazem parte de álbuns ruins

InspiraçãoInspiração
Bandas que adotaram títulos de músicas como nome

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Bob Dylan"


NirvanaNirvana
Perguntas e respostas e curiosidades

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Nirvana e Green Day entre as bandas favoritas

Death MetalDeath Metal
As 10 melhores bandas de acordo com a AOL

5000 acessosFotos de Infância: Jon Bon Jovi5000 acessosGuns N' Roses: assista agressão de Axl Rose a fotógrafo5000 acessosAerosmith: curiosidades sobre a voz de Steven Tyler5000 acessosMetallica: corrigindo a injustiça contra Jason Newsted5000 acessosIron Maiden: as dez melhores faixas "desconhecidas" da banda5000 acessosKiss: Slash, do GN'R, tentou entrar na banda em 1982, diz Paul

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


Sobre Gabriel Zorzetto

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online