RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemQuando Roberto Carlos foi alfinetado por Raul Seixas, mas o Rei gostou do que ouviu

imagemQuando o Lynyrd Skynyrd irritou Mick Jagger ao abrir o show dos Rolling Stones

imagemApós dez anos, Jason Newsted procura guitarristas para montar um projeto de metal

imagemMax Cavalera escolhe seus álbuns "não metal" preferidos

imagemA única música tocada no Festival de Woodstock que atingiu o primeiro lugar nas paradas

imagemAs queixas que colegas do Paralamas mais fazem sobre Herbert Vianna, segundo o próprio

imagemSlash acha que os rockstars dos 60s e 70s eram mais inteligentes e educados que os dos 80s

imagemO hit da Legião Urbana antiviolência cantado sob perspectiva de jovem da periferia

imagemO grande amor de Renato Russo que durou pouco mas marcou sua vida para sempre

imagem"A vida é curta", afirma Floor Jansen, vocalista do Nightwish

imagemJohn Lennon queria regravar todas as músicas dos Beatles, segundo produtor George Martin

imagemA bizarra lembrança que Kerry King tem do último show do Slayer

imagemA icônica reportagem de Glória Maria em que Raul Seixas disse que foi atropelado por onda

imagemA reação de Jairo Guedz quando houve o racha do Sepultura no auge do sucesso

imagemA vingança de Joana Prado (ex-Feiticeira) contra filhos briguentos que envolve RPM


Def Leppard Motley Crue 2

Anguere: Insano e agressivo

Resenha - H.C.R.C. - Anguere

Por Vitor Franceschini
Postado em 22 de janeiro de 2016

Nota: 8

Este é o segundo EP da banda Anguere (se pronuncia Anguerê), trio formado em Rio Claro/SP em 2008 – aliás, "H.C.R.C." significa Hard Core Rio Claro". Este trabalho serve como uma prévia do primeiro full-length que sairá em novembro sob o nome de "Choque" junto com um novo clipe da banda.

Apesar da vidente e anunciada conotação Hardcore, a banda apresenta em sua sonoridade algo que vai além. Afinal, o som do grupo é brutal, possui certa dose de ‘groove’ e a única coisa exclusiva do gênero são as letras de protesto e caos típicas do estilo.

A faixa título abre o disco de forma meteórica com uma pegada Grind/Thrash de apenas onze segundos. Isso já mostra toda insanidade e agressividade do grupo. Insanidade retratada nos vocais de Thiago Soares que vomita as letras em português com toda fúria que as linhas pesadas do instrumental impõem.

Corrupção F.D.P. e Campo Minado, ou seja, as outras duas faixas que compõem o EP trazem variações rítmicas, quebradas, ‘groove’ e até ‘blast beats’ com destaque para os riffs caóticos de Campo Minado que transmite uma energia e agressividade absurda. A produção do trabalho é boa com os timbres interessantes e bem escolhidos. Com certeza se o álbum seguir esse caminho é som pesado de qualidade garantido.

https://www.facebook.com/anguere?fref=ts
https://soundcloud.com/anguere

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.
Mais matérias de Vitor Franceschini.