Corpsia: Order From Chaos - Peso é a ordem

Resenha - Order From Chaos - Corpsia

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

8


Formado em 2012, este power trio vem de Londrina/PR e somente agora solta seu primeiro trabalho autoral. Decisão bem pensada, já que nota-se que estão bem calibrados e coesos.

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1986VH1: 100 melhores músicas de hard rock de todos os tempos

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Peso deve ser a ordem na banda, já que assim que acaba a introdução (baseada na UVB 76, a misteriosa rádio fantasma localizada na Rússia) a mortal Warfield chega sem muita velocidade, mas com riffs despejados a esmo e um peso descomunal cheio de ‘groove’ e imponência.

Adotando um pouco mais de velocidade, Hail segue uma linha mais fiel ao Thrash Metal ‘old school’, sendo que a banda mantém sua pegada e a densidade. A faixa título consegue um êxito inesperado no trabalho, já que adiciona ainda mais peso (!) e é a mais agressiva do disco, além de contar com um refrão pegajoso.

Com uma produção boa para os padrões de uma demo, "Order From Chaos" é um trabalho que surpreende a cada audição e comprova facilmente que o Corpsia está no caminho certo. O grupo é formado por Gabriel Arns Stobbe (vocal/guitarra e que gravou o baixo no disco), Daniel Scaloni (bateria) e Lucas Landin (baixo).

https://www.facebook.com/corpsiaband?fref=ts
https://soundcloud.com/corpsia




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1986Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1986

VH1: 100 melhores músicas de hard rock de todos os temposVH1
100 melhores músicas de hard rock de todos os tempos


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor