Conjuro Nuclear: Nem tudo de ruim

Resenha - Conjuro Nuclear - Conjuro Nuclear

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 5

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Muitos pensam que quem faz resenhas adora criticar bandas, principalmente pelo lado ruim da coisa. Esses se enganam, e muito. Afinal, não é legal desvalorizar o trabalho de alguém, pois sabemos que o mínimo de dedicação houve na hora de gravar o disco, produzir todo trabalho...
5000 acessosTop 500: as melhores músicas de todos os tempos segundo a Rolling Stone5000 acessosJames Hetfield: meus filhos respeitam, mas não gostam da minha música

Mas, mesmo na busca incessante pelo lado bom da ‘coisa’, às vezes as críticas negativas são inevitáveis, ainda mais quando se nota que a capacidade dos envolvidos pode fazer com que sua música vá além. E isso é evidente no Conjuro Nuclear, ‘one-man-band’ oriunda de Barcelona, Espanha.

Encabeçado por Emesis, que faz tudo aqui, o Conjuro Nuclear busca uma sonoridade que mescla Black Metal com Avantgard e Darkwave. Isto é, já é algo de difícil digestão, e o torna ainda menos digerível quando se desliza em algumas coisas, mais ainda quando estão nos elementos principais.

As guitarras sujas destilam riffs simples, mas peca nos solinhos ‘tolos’ e em levadas estranhas (meio ‘alegres’) para o estilo. Isso se dá principalmente no início. Os vocais baixos demais, também colaboram para o lado ruim, soando apenas como mais um elemento escondido.

Mas, não é tudo de ruim por aqui e parece que a coisa engrena um pouco antes do disco terminar. Com bons arranjos, faixas como Bosque de cráneos, Desechos tóxicos e Sólo para locos mostram uma sonoridade mais obscura, com linhas bem encaixadas e levadas menos irritantes. Não chega a ser a pior coisa do mundo, longe disso, mas precisa de uns ajustes.

https://www.facebook.com/pages/Conjuro-Nuclear/1454997289482...
http://conjuronuclear.bandcamp.com/

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube
5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Conjuro Nuclear"

Top 500Top 500
As melhores músicas da história segundo a Rolling Stone

James HetfieldJames Hetfield
Meus filhos respeitam, mas não gostam da minha música

Butcher BabiesButcher Babies
Conheça o Porn Metal de ex-coelhinhas da Playboy

5000 acessosDavid Bowie: muito mais assustador que Michael Jackson5000 acessosGuns N' Roses: o melhor solo de guitarra da história5000 acessosAll Star: Converse lança tênis com pedal wah-wah embutido4229 acessosHair Metal: Os 10 maiores hits do gênero em 19854689 acessosO Exorcista: a relação de músicas do Purple e Ozzy com o filme5000 acessosEurope: a história por trás da música "The Final Countdown"

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online