Anarkhon: Uma aula de Death Metal

Resenha - Welcome To The Gore Show - Anarkhon

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


“Welcome To The Gore Show”, terceiro álbum da banda paulista Anarkhon, é uma obra prima do Death Metal nacional. A começar pela emblemática capa (que infelizmente será atual por um bom e longo tempo), desde a ótima produção sonora, culminando no talento da banda, o trabalho é sensacional.
5000 acessosMusas: o calendário de beldades da Revolver Magazine5000 acessosBon Jovi: sexo, drogas e... Jon Bon Jovi?

Unindo de uma forma ímpar temáticas gore com o caos social e política, a banda mostra sua vertente mais Death Metal até então. Se distanciando um pouco dos elementos Grindcore, que outrora esteve presente em sua sonoridade, o Anarkhon prima aqui pela técnica e pelo peso.

Não há tanta velocidade nas composições, que possuem alternâncias de ritmos, mesmo sendo objetivas e a maioria não passar dos quatro minutos. Os riffs são os destaques, coesos e bem desenvolvidos, ganham adição de peso com a cozinha astuta e muito violenta.

Difícil destacar apenas algumas faixas, já que o trabalho demonstra uma verdadeira aula de Death Metal, mas Witness the Horror, Grotesque Disfigurement of Human Bodies, Watching Her Bleed, Rotten Flesh Reanimated, Aniquilação Macabra e Welcome to the Gore Show ficam uma unha à frente das demais.

Lembrando que a produção feita por Pedro Esteves no estúdio Masterpiece só enfatiza a qualidade do álbum, tendo dado uma ótima timbragem aos instrumentos e colocando todos em evidência da maneira certa. Se tivesse recebido “Welcome To The Gore Show” em seu ano de lançamento, com certeza estaria na lista de melhores de 2013!

http://anarkhon.com/
https://www.facebook.com/anarkhon?fref=ts

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube
5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de Welcome To The Gore Show - Anarkhon

1109 acessosAnarkhon: Splatter/death metal da mais alta categoria

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Anarkhon"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Anarkhon"

MusasMusas
Veja o calendário de beldades da Revolver Magazine

Bon JoviBon Jovi
Sexo, drogas e... Jon Bon Jovi?

Metal ElvisMetal Elvis
Conheça a versão pesada (mas não gorda) do Rei do Rock

5000 acessosTrujillo sobre Zakk Wylde: "ele é uma máquina de beber"5000 acessosSebastian Bach: "São Paulo foi o melhor show da minha vida"5000 acessosYngwie Malmsteen: A esmerada educação do guitarrista sueco5000 acessosHelloween: Vinte perguntas respondidas por Andi Deris4926 acessosDavid Gilmour: "Não há espaço para o Pink Floyd em meu futuro"5000 acessosPaul Di'Anno: vídeo de vocalista irritadíssimo com "fã"

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online