Acefalia: Não se restringindo apenas ao Death Metal

Resenha - Estupro da Essência Humana - Acefalia

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Poucas bandas arriscam fazer Death Metal com letras em português, e menos ainda se utilizam de temáticas que abordam a sociedade e suas patologias. O Acefalia, de Joinville/SC, faz exatamente isso e se sai muito bem na sua proposta, que pode não ser inovadora, mas é rara.
5000 acessosLemmy: "as pessoas se tornam melhores quando morrem"5000 acessosAs I Lay Dying: "90% das bandas gospel fingem fé pra vender mais"

Apesar do foco no Metal extremo a banda não se restringe a isso e se procurar dá pra achar elementos de Thrash Metal e Hardcore em sua música. Mas, os riffs mórbidos de guitarras, bateria veloz com muito ‘blast beats’ e um baixo potente dão à banda uma vaga no poderoso Death Metal mesmo.

A roupagem e a produção do trabalho passam longe da modernidade, sendo que as composições soam na maior veia ‘old school’ e a produção suja caiu como uma luva na sonoridade imposta. Os vocais guturais de Diego Mammoth são muito bons e poucas vezes vi alguém encaixar linhas em português tão bem no estilo.

Destaque para os ‘breakdowns’ de Não Pertenço a Este Mundo, Duas Caras e à faixa que dá nome à banda, mas, sinceramente, o disco todo merece menção, pois são composições de ótimo nível. O caso do Acefalia é que a banda não pode melhorar, senão estraga.

http://www.acefaliadeath.com.br/
https://www.facebook.com/acefaliadeath

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Acefalia"

MotorheadMotorhead
Lemmy fala sobre Metallica, Ozzy, Randy Rhoads e mulheres

As I Lay DyingAs I Lay Dying
"90% das bandas gospel fingem fé pra vender mais"

Axl RoseAxl Rose
Chatice e as estranhas festas para impressionar o Metallica

5000 acessosHistória do Rock: dos primórdios aos anos 705000 acessosBon Jovi: o que aconteceu com a fã que ganhou um beijo de Jon?5000 acessosTop 10: as músicas mais acessadas do YouTube5000 acessosDia Mundial do Rock: jogadores do grêmio passam vergonha!4744 acessosScott Ian: os discos do Big 4 que ele mais gosta4376 acessosMegadeth: Mustaine explica por qual motivo é uma pessoa difícil de lidar

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online