Matérias Mais Lidas

imagemRock in Rio: Pitty alfineta a produção do festival ao revelar qual seria sua exigência

imagemBruce Dickinson revela qual é sua música preferida do Iron Maiden

imagemQuando Derico, do Programa do Jô, descobriu que Ian Anderson tocava tudo errado

imagemRock in Rio libera ingressos extras e novamente dia do metal é único que não esgota

imagemO hit da Legião que Renato Russo compôs para Cássia Eller e traz coincidência trágica

imagemO clássico dos Paralamas do Sucesso que Lobão acusou de plágio

imagemJoão Gordo se reencontra com o amigo Iggor Cavalera; "Agora falta zerar com o vovô"

imagemIron Maiden e o Rock in Rio: em detalhes, o que exatamente a banda pediu para o evento

imagemNova Fã que descobriu Metallica por Stranger Things quer cancelar banda e reúne provas

imagemRob Halford compartilha a foto mais metal da semana; "O Rei e Eu"

imagemO hit de Nando Reis inspirado em clássico do Led Zeppelin e na relação com sua mãe

imagemJimmy Page conta como convenceu Robert Plant a formar o Led Zeppelin

imagemOzzy Osbourne revela de qual de seus álbuns Lemmy Kilmister mais gostava

imagemDavid Ellefson diz que baterista do Exodus fez Slayer tocar mais rápido

imagemKing Diamond fala sobre retorno do Mercyful Fate; "Isso não é uma reunião"


Stamp

Republica: Música pesada de gente grande

Resenha - Point Of No Return - Republica

Por Vitor Franceschini
Em 10/10/14

publicidade

Nota: 8

Confesso que quando vi a apresentação do Republica no Rock In Rio em 2013 ainda não conhecia a banda e a boa impressão foi imediata. Ao pesquisar e saber que o quinteto possuía dois álbuns em sua discografia, a surpresa aumentou. Portanto, "Point Of No Return" é o seu terceiro disco.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Transitando entre o Rock e o Heavy Metal, o grupo faz um som coeso e com muito peso. Apesar da aura alternativa, a música da banda é densa e de certa forma concisa, carregando influências até de Pantera em algumas passagens, sendo que o vocal de Leo Belling possui um timbre a lá Matt Barlow (ex- Iced Earth).

O trabalho das guitarras é um dos destaques, com riffs muito bem desenvolvidos e uma variação bem interessante entre o Heavy e o Rock. Os timbres ‘meio’ sujos caíram muito bem, dando o peso necessário que é enfatizado por uma cozinha técnica e de boa desenvoltura.

A banda mostra também uma grande capacidade de criar hits já que músicas como Time To Pay, Life Goes On, The Land of The King e Fuck Liars são de fácil assimilação. Músicas que mostram boa estrutura, além de ótimos refrãos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O profissionalismo também é um dos pontos fortes do Republica, já que o trabalho vem em digipack com um belíssimo trabalho gráfico e encarte recheado, além da produção sonora de altíssimo nível a cargo de Luis Paulo Serafim. Não tenha dúvidas de que a banda atinge o que propõe e almeja vôos ainda mais altos.

http://republicarock.com.br/
https://www.facebook.com/RepublicaRock


Outras resenhas de Point Of No Return - Republica

Resenha - Point of no Return - Republica

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Van Halen: o constrangedor encontro de Eddie com o Nirvana

A importância da revista Playboy na vida de alguns rockstars


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini.