DevilDriver: Uma porrada sonora com picos de agressividade

Resenha - Winter Kills - DevilDriver

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Gisela Cardoso
Enviar correções  |  Ver Acessos

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


2013 ficará marcado como o ano em que algumas bandas quebraram o jejum e nos presentearam com grandes álbuns. E com o DevilDriver, isso não poderia ser diferente. Após dois anos sem lançamentos, o DevilDriver retorna em grande estilo com "Winter Kills", lançado em agosto, através da Napalm Records.

Devildriver: banda cancela turnê pela EuropaThrash Metal: 10 novas promessas - incluindo uma brasileira

Para quem esperava um sucessor à altura do "Beast" (2011), então eis o que o DevilDriver tem a oferecer: "Winter Kills" nada mais é do que uma porrada sonora com picos de agressividade, mas sem perder o foco na melodia. Uma enxurrada de riffs contagiantes, solos bem construídos, blast-beats marcantes e vocais furiosos completam o pacote. E sobre as rotulações, a banda segue a sua velha linha que vai do Groove Metal ao Death Metal Melódico, além de uma pintada de Metal Industrial.

A começar pela primeira faixa, "Oath Of The Abyss": não apresenta muitas novidades em relação à sonoridade, mas o destaque vai para o baterista John Boecklin, que apresenta um notável desempenho ao longo do álbum com suas batidas nervosas. O uso dos teclados no início e fim da canção também chama atenção. Após uma breve introdução, "Ruthless" se inicia com um grito marcante de Dez Fafara, anunciando a vinda de uma canção recheada de riffs esmagadores. Já a faixa-título, "Winter Kills'', é mais cadenciada em relação às anteriores, apresenta uma boa evolução rítmica, e a dinâmica dos riffs, mais uma vez, consegue cobrir a ausência dos solos de guitarra.

Apesar de ser breve, o primeiro solo de guitarra aparece em "The Appetite", à qual também é dotada de uma energia contagiante desde os seus primeiros segundos de duração. Em seguida, a "Curses And Epitaphs" também apresenta uma bela melodia encorpada pelo uso de teclados e, novamente, seus riffs prendem a atenção (em um primeiro momento, lembram levemente os do Amon Amarth). Vale ressaltar que o DevilDriver demonstra um maior controle sobre a melodia, o que não havia sido muito investido em seus lançamentos anteriores.

Até então, o DevilDriver não apresentou tantas novidades em relação à sua sonoridade, mas a surpresa foi guardada para o final: o grupo lança uma versão para "Sail", da banda electro indie Awolnation. Apesar de se tratar de um cover, "Sail" pode ser considerada uma das melhores faixas do álbum (em minha humilde opinião, é claro) - o DevilDriver realizou um trabalho tão bem feito que a fez parecer original. Fafara optou por permanecer com seus vocais urrados (o que foi uma escolha feliz), mas também há algumas passagens em limpo, gerando uma boa combinação. As guitarras também são destaques, e seria imprudência não mencionar a vibração "cósmica e surreal" que é transmitida.

Após seis álbuns de estúdio, o DevilDriver ainda não expande muito os horizontes em "Winter Kills". Fica claro que a banda prefere não arriscar em se prender ou experimentar outros gêneros musicais. Porém, desta vez, apesar dos modestos solos de guitarra, houve um bom investimento na melodia em suas composições, mas na medida certa para que a agressividade também ganhasse espaço. A competência e dedicação também são evidentes no trabalho, e a capacidade da banda de captar uma variada gama de estilos e transformá-la em um só gênero é merecedora de admiração.

Tracklist:

1. Oath of the Abyss
2. Ruthless
3. Desperate Times
4. Winter Kills
5. The Appetite
6. Gutted
7. Curses and Epitaphs
8. Carings Overkill
9. Haunting Refrain
10. Tripping Over Tombstones
11. Sail

Line-up:

Dez Fafara - vocal
Jeff Kendrick - guitarra
John Boecklin - bateria
Mike Spreitzer - guitarra
Chris Towning - baixo


Outras resenhas de Winter Kills - DevilDriver

null




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Devildriver"


Devildriver: banda cancela turnê pela Europa

Thrash Metal: 10 novas promessas - incluindo uma brasileiraThrash Metal
10 novas promessas - incluindo uma brasileira

Metallica: foto rara de formação original do grupoMetallica
Foto rara de formação original do grupo

The Doors: A mais famosa foto do fantasma de Jim MorrisonThe Doors
A mais famosa foto do fantasma de Jim Morrison

Dream Theater: o suposto plágio de música de Leandro & Leonardo?Blaze Bayley: "é melhor ser ex do Iron que do A-HA"Iron Maiden: quase na virada do ano, foto junta 4/5 da formação originalDave Mustaine: Não há solos no Nü Metal porque os guitarristas não sabem tocar

Sobre Gisela Cardoso

Headbanger, Jornalista, Crítica de Metal, vocalista, instrumentista, anarco-comunista, vegetariana, apaixonada por Mitologia Nórdica e adoradora do Deus Metal. A música me move e as palavras constroem! @GisaGrind.

Mais matérias de Gisela Cardoso no Whiplash.Net.