Ultra-Violence: som mais agressivo, remetendo à escola alemã

Resenha - Privilege to Overcome - Ultra-Violence

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá
Enviar Correções  

9


A Itália pode não ser um dos países mais tradicionais do thash metal mundial, mas vez ou outra apresenta ao mundo ótimos grupos do estilo. E esse é o caso do ULTRA-VIOLENCE, formado por músicos bem jovens, e que acabam de colocar no mercado esse seu excelente debut, mostrando potencial para se tornar uma das maiores representantes do estilo na atualidade.

Embora traga certas influências das bandas precursoras do thrash na "Bay Area", em especial pela grande presença de ótimos "breakdowns", e de várias mudanças bruscas de andamento, o som do quarteto italiano é mais agressivo e brutal no geral, remetendo à escola alemã do estilo, e flertando não raramente com o hardcore e com o death metal, de forma brutalmente orgânica.

publicidade

O que mais se destaca no instrumental dos caras é a avalanche avassaladora de riffs marcantes criados, seja nos momentos mais velozes, seja nos mais arrastados. Além disso, os vocais de Loris Castiglia são totalmente brutais e condizentes com a fúria emanada em cada uma das faixas.

"Spell of The Moon", que abre o disco, e a épica "Ride Across the Storm", que o encerra, mostram bem o ótimo nível técnico atingido pela banda, e deixam evidentes as citadas características do thrash metal americano, enquanto outras como "Order of the Black" e "Stigmatized Reality" são bem mais diretas e agressivas, trazendo claramente elementos de death metal.

publicidade

E vale lembrar que tanto a capa do disco, seu nome o próprio nome da banda fazem referência ao clássico "Laranja Mecânica", romance de 1962 do escritor inglês Anthony Burgess, e adaptado ao cinema, e sendo considerado a obra prima do mestre Stanley Kubrick, em 1971.

Um debut surpreendente, "Privilege to Overcome" é daqueles discos para se ouvir várias e várias vezes na sequência, e que coloca o ULTRA-VIOLENCE como forte candidato a banda revelação do thrash metal em 2013.

publicidade

Privilege to Overcome – Ultra-Violence
(2013- Punishiment 18 - Importado)

1. Spell of the Moon
2. L.F.D.Y.
3. Order of the Black
4. Stigmatized Reality
5. Restless Parasite
6. Turn into Dust
7. The Voodoo Cross
8. You're Dead!
9. The Beast Behind Your Back
10. 10,000 Ways to Spread My Hate
11. Metal Milizia (Ira cover)
12. When Future & Past Collide
13. Ride Across the Storm

publicidade

Lineup:
Roberto ''Robba'' Dimasi - Bass
Simone Verre - Drums
Andrea Vacchiotti - Guitars (Lead)
Loris Castiglia - Vocals, Guitars (Rhythm)
Record Label: Punishment 18 Records



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Zakk Wylde: foto do arsenal de guitarras do músicoZakk Wylde
Foto do arsenal de guitarras do músico

Pink Floyd: The Wall é uma obra de arte conceitualPink Floyd
The Wall é uma obra de arte conceitual


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin