Lacerated And Carbonized: equilibrada de forma quase perfeita

Resenha - Third World Slavery - Lacerated And Carbonized

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Banda que tem profissionalismo até quando lança single merece mais do que atenção, afinal existe cada material oficial que você recebe que simplesmente não dá pra acreditar, já que os recursos que temos em mãos hoje em dia nos possibilitam fazer do bom e do melhor sem sair do quarto.
5000 acessosPorn Metal: Filmes para inspirar os headbangers solitários5000 acessosRock in Rio: algumas das maiores vaias em edições nacionais

O Lacerated And Carbonized nos traz neste material o melhor do Death Metal atual, sem seguir tendências e sempre flertando com o Brutal Death Metal tão em voga há pouco tempo. O importante é ressaltar que a banda equilibra tudo de forma quase perfeita, já que propositalmente investe em uma produção levemente suja.

A técnica dos caras pode ser vista a olhos nus, já que o trabalho das guitarras é focado em riffs bem executados e solos diretos, sendo que a dupla baixo e bateria dão a levada certeira e veloz às composições. O grande destaque são os vocais de Jonathan Cruz, que é aquele típico gutural inteligível e possui um poder absurdo.

São três ótimas composições onde a qualidade se iguala em todas, o que faz jus ao conjunto da obra. Gravado e mixado pelo guitarrista Caio Mendonça, no HR Studios, "Third World Slavery" foi nada mais nada menos que mixado e masterizado por Andy Classen na Alemanha. Lembra quando falei do profissionalismo no início?

http://www.laceratedandcarbonized.com/

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Third World Slavery - Lacerated And Carbonized

327 acessosLacerated And Carbonized: EP dá uma prévia do próximo disco

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Lacerated And Carbonized"

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Lacerated And Carbonized"

Porn MetalPorn Metal
Filmes para inspirar os headbangers solitários

Rock in RioRock in Rio
Algumas das maiores vaias em edições nacionais

CoverCover
15 bandas que são quase tão boas quanto o original

5000 acessosHall Of Shame: as melhores músicas ruins da história do Metal5000 acessosPsicografia: uma suposta carta do espírito de Cássia Eller5000 acessosFãs de Rock: você conhece o estilo de se vestir de cada um5000 acessosCapas Assustadoras: Loudwire elege as Top 10 do Metal5000 acessosJá tem 20 anos!: os dez melhores álbuns de metal de 19955000 acessosBlack Sabbath: Doom Let Loose

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online