Matérias Mais Lidas

imagemJanis Joplin: última gravação dela em vida foi feita para um Beatle

imagemRock in Rio: Pitty alfineta a produção do festival ao revelar qual seria sua exigência

imagemAnitta é a maior roqueira que existe hoje no Brasil, diz integrante do Titãs

imagemSérgio Moro elege banda clássica de Rock como sua favorita

imagemQuando Derico, do Programa do Jô, descobriu que Ian Anderson tocava tudo errado

imagemBruce Dickinson revela qual é sua música preferida do Iron Maiden

imagemRock in Rio libera ingressos extras e novamente dia do metal é único que não esgota

imagemPrika diz que fez "tudo errado" na primeira turnê da Nervosa, mas aprendeu lição

imagemRegis Tadeu expõe como Spotify e YouTube fazem falcatrua para fraudar views

imagemNergal diz que vocalista do Arch Enemy é mais corajosa do que muito metaleiro homem

imagemMegadeth divulga "Soldier On!", mais uma faixa do próximo disco; ouça aqui

imagemA reação de Jimi Hendrix ao assistir King Crimson ao vivo

imagemGeddy Lee e Alex Lifeson tocam clássica do Rush em evento nos EUA

imagemJoão Gordo compara anarcocapitalistas com quem acredita em terraplanismo

imagemTommy Lee posta nude novamente, porém, em versão meio "Romero Britto"


Stamp

Frost Despair: seguindo as sinfonias do Black Metal

Resenha - God Delusion - Frost Despair

Por Ben Ami Scopinho
Em 30/11/12

O Frost Despair foi formado na cidade de Porto Alegre (RS) em 2009 e, após explorar e lapidar sua proposta, concentrou seus esforços em liberar um primeiro registro oficial, o EP "The God Delusion", que resultou em um trabalho obscuro e de tendências pomposas que agradarão ao público afeiçoado pela faceta mais requintada do Heavy Metal Extremo.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Após o Dimmu Borgir e Cradle Of Filth elevarem o Black Metal a novos patamares, muitas bandas optaram em seguir a linha mais sinfônica do gênero. E assim é "The God Delusion", repleto de muitas orquestrações e ótimas linhas vocais masculinas e femininas. Nada é novo e as influências são latentes, mas possui boas canções, bem representadas pela beleza refinada e contundente da própria faixa-título e "Splendor War".

Ainda que "The Dark Ages" se revele uma faixa instrumental por demais longa e até compromete o que poderia ser uma abertura climática de impacto, este EP se mostra uma boa maneira de apresentar suas primeiras canções ao público. O áudio resultante da produção do uruguaio Sebastian Carsin, no Estúdio Hurricane, é perfeito para a proposta e a imagem visual da capa é muito bonita, mantendo sintonia com a música do Frost Despair.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Com a experiência adquirida com este "The God Delusion", o Frost Despair avisou que está preparando seu primeiro álbum completo, já batizado como "Surreal" e que promete ser ainda mais extremo e bombástico. Vamos ver o que virá pela frente... Enquanto isso, o leitor que aprecia Dimmu Borgir ou o brasileiro Mork pode ir conferindo este bom trabalho.

Contato:
http://www.myspace.com/frostdespair

Formação:
Odommok - voz
Flávia Schmith - mezzo soprano
Galamoth - guitarra
Lair Raupp - guitarra
Agammenomm - teclados e orquestrações
Anderson Riveiro - bateria

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Frost Despair – The God Delusion
(2012 / EP independente – nacional)

01. The Dark Ages (instrumental)
02. God Delusion
03. Damnation (instrumental)
04. Splendor War
05. Dark Bachiana
06. The Final Breath
07. At The Gates (instrumental)


Outras resenhas de God Delusion - Frost Despair

Resenha - God Delusion - Frost Despair

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Metallica: a letra que fez Hammett e Hetfield chorarem

Slash: por que ele usa óculos escuros o tempo todo?


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre

Mais matérias de Ben Ami Scopinho.