RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemA música de Raul Seixas que salvou a carreira de Chitãozinho e Xororó

imagemPor que Lemmy odiava tocar "Ace of Spades" nos shows do Motörhead

imagemA atitude punk da Legião Urbana que causou irritação e deu trabalho na gravação

imagemOmelete diz que heavy metal pertence agora à nova geração e não ao tiozão headbanger

imagemO conselho realista de John Petrucci para bandas que estão começando agora

imagemQuatro músicas de artistas brasileiros que citam Os Paralamas do Sucesso

imagemO hit dos Beatles que talvez seja sobre drogas e que "Jesus" acompanhou gravação

imagem"Quem não gosta de Beatles bom sujeito não é", diz João Gordo

imagemO brasileiro com a voz parecida com a de Axl Rose que viralizou no TikTok

imagemDeep Purple: David Coverdale revela quem quis como substituto de Ritchie Blackmore

imagem5 motivos para assistir ao novo RockGol 2023 que estreia em fevereiro

imagemProdutor da turnê de Paul Di'Anno explica problemas no primeiro show

imagemAndi Deris tem problemas de saúde e shows do Helloween são adiados

imagemClipe de "From The Ashes" ultrapassa 1 milhão de views e Fernanda Lira celebra

imagemO Raul Seixas não era nada daquilo que ele falava, diz ex-parceiro musical


Stamp

Alex Skolnick Trio: onze temas do mais puro refinado gosto

Resenha - Veritas - Alex Skolnick Trio

Por Leonardo M. Brauna
Postado em 25 de novembro de 2012

Nota: 8

A banda de Jazz Instrumental formada pelo guitarrista do TESTAMENT, ALEX SKOLNICK, lançou no dia 29 de março de 2011 pela "Palmetto Records" o seu mais recente álbum, "Veritas". O grupo chamado pelo seu líder de ALEX SKOLNICK TRIO ainda conta com NATHAN PECK (contra baixo) e MATT ZEBROSKI (bateria/percussão). O disco é composto por onze temas do mais puro refinado gosto, e entre elas, uma versão "charmosa" de "Fade to Black" (METALLICA) e um "remix" da faixa "Jam Bollywood" como bônus. Confira nos detalhes:

Abrindo o CD temos "Panna", uma introdução de curta duração que é mais um aquecimento dos instrumentos, leva apenas pouco mais de um minuto.

A faixa seguinte, "Bollywood Jam" tem um começo bem ritmado e com grande acompanhamento do baixo. O baterista também faz a sua parte com viradas sem economizar "açoites" de baquetas nos pratos.

Faixa três, "Song of the Open Road" representa uma bela viagem no acorde aplicado por ALEX, NATHAN que está presente no trio desde 2003 mostra muito do seu talento nessa música destacando as passagens de baixo que o estilo exige.

Chegamos a "Veritas", e o que impera nela é a suavidade das notas acompanhadas de uma bela cadência seguindo os passos do ritmo. Uma típica música para se tocar em clima ambiente nos intervalos de congressos, seminários por exemplo.

Um dos momentos especiais está no cover de "Fade to Black". O seu riff no formato "Jazz" nos leva a admirar ainda mais a capacidade desse guitarrista. A parte "agitada" da música aqui se transforma num show de batidas fortes, um solo perfeito de guitarra sem efeitos distorcidos, lógico, e o baixo segurando bem a "tormenta" dão o destaque na música. Criativo.

No sexto capítulo, "Alone in Brooklyn" volta aquele momento suave com sons de dedilhados extraídos de violão capaz de tranquilizar a sua alma. Esteja à vontade para viajar.

Seguindo, ouvimos '99-09', sua levada "Funky" nos revela um "Swing" na faixa que convida você a no mínimo estalar os dedos na mesa de um "Pub". Mais uma vez NATHAN PECK se supera com um "contagiante" solo de baixo.

Chegando a "Path of Least Resistance" percebemos a harmonia perfeita de um trio que varia os compassos mais agitados com os menos ritmados, utilizando até mesmo o arco no contra baixo. Um grande momento no CD.

"Reflection" pode-se definir como uma "balada Jazz" com toques singelos sem firulas ou coisa do tipo. Simples e agradável.

A última "The River Lethe" também traz uma entonação "Funk", porém mais discreta. Ótimo solo e perfeita sincronia entre bateria e baixo. É uma música perfeita para finalizar as apresentações da banda ao vivo.

A faixa bônus que é uma criação do produtor musical e D.J. JAY SUSTAIN com parceria de NIK CHINBOUKAS nada mais é que uma versão eletrônica e estendida de "Bollywood Jam". A roupagem ficou bem interessante, para quem aprecia esses recursos ficou ótima, no entanto eu prefiro a original.

Os Headbangers, principalmente fãs de TESTAMENT jamais devem julgar negativamente esse trabalho paralelo de ALEX SKOLNICK, aliás, se não tiver audição para o "Jazz" é melhor que nem o escute, pois essa é uma obra 100% fora do contexto "Metal" que tem como finalidade expor outras qualidades deste que foi um dos melhores alunos de JOE SATRIANI. Agradeço porque de quebra ainda consegue agradar ouvidos maduros como os meus. Este já é o quarto lançamento desse trio que se mantém sólido em seu comprometimento e que resta a nós desejarmos muito sucesso.

Track List:

01."Panna" 1:28
02."Bollywood Jam" 5:23
03."Song of the Open Road" 6:31
04."Veritas" 6:12
05."Fade To Black (Metallica cover)" 7:11
06."Alone In Brooklyn" 4:24
07."99/09" 4:34
08."Path Of Least Resistance" 9:09
09."Reflections" 5:10
10."The River Lethe" 4:56
11."Bollywood Jam - Club Remix Version" 5:42

[an error occurred while processing this directive]

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:
Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps



Slayer: a trágica e não revelada história do fim de Jeff Hanneman


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Leonardo M. Brauna

Leonardo M. Brauna é cearense de Maracanaú e desde adolescente vive a cultura do Rock/Metal. Além do Whiplash, o redator escreve para a revista Roadie Crew e é assessor de imprensa da Roadie Metal. A sua dedicação se define na busca constante por boas novidades e tesouros ainda obscuros.
Mais matérias de Leonardo M. Brauna.