RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemA música de Raul Seixas que salvou a carreira de Chitãozinho e Xororó

imagemDeep Purple: David Coverdale revela quem quis como substituto de Ritchie Blackmore

imagemAndi Deris tem problemas de saúde e shows do Helloween são adiados

imagemO brasileiro com a voz parecida com a de Axl Rose que viralizou no TikTok

imagemProdutor da turnê de Paul Di'Anno explica problemas no primeiro show

imagemVocalista do Fleshgod Apocalypse é pedida em casamento durante show da banda

imagemO Raul Seixas não era nada daquilo que ele falava, diz ex-parceiro musical

imagemTony Iommi conta quais são os riffs preferidos que ele escreveu

imagemO motivo nada musical que fez Bruce Dickinson querer se juntar aos hippies

imagemZelador viraliza após incrível semelhança com voz de Steve Perry em "Don't Stop Believin'"

imagemEm disputa acirrada, fãs batem recorde e elegem melhores discos de metal de 2022

imagemEloy Casagrande repete o feito sendo eleito melhor baterista de metal do mundo

imagemO hit dos Beatles que talvez seja sobre drogas e que "Jesus" acompanhou gravação

imagemShane Hawkins, filho de Taylor Hawkins, ganha prêmio de melhor performance do ano

imagemOs 20 melhores álbuns lançados em 1993, segundo a Revolver Magazine


Stamp

Bonded By Blood: Thrash Metal muito mais trabalhado

Resenha - Aftermath - Bonded By Blood

Por Junior Frascá
Postado em 21 de agosto de 2012

Nota: 8

Os americanos do BONDED BY BLOOD, desde o começo de suas atividades, foram inclusos no grupo das boas novas bandas de "old school thrash metal" que surgiram na década passada, revivendo o som clássico dos anos 80. E depois de dois discos bem interessantes, a banda acabou tendo diversos problemas internos, que culminaram na saída de três integrantes, e totalmente reformulados, os caras retornam com esse seu terceiro e melhor disco até então.

E mesmo mantendo a pegada pesada característica da banda, é possível perceber uma tremenda evolução da sonoridade dos caras em "Aftermath". Sim, os elementos "old school" ainda estão presentes, mas o thrash metal praticado pelo (agora) quarteto está muito mais trabalhado, moderno e variado, com faixas maduras e muito bem estruturadas, embora agora contenha apenas um guitarrista, o líder Juan, que junto com o baterista Carlos, são os únicos remanescentes da formação original da banda.

Sobre os novos integrantes, o baixista Jessie Sanchez (que substitui Jerry Garcia) tem uma pegada bem interessante, aumentando ainda mais o peso das canções. Mas o grande destaque mesmo é o vocalista Mauro Gonzalez (ex MUTANTS OF WAR), que substitui o carismático Alladin (que deixou a banda por problemas pessoais e finaceiros), e tem uma voz bem mais agressiva, variada e diferenciada, e que trouxe maiores possibilidades à banda.

Logo na trinca de abertura, com as faixas "I Cant Hear You", "Shepherds of Rot" e "Aftermath", podemos perceber todo o poder de fogo da nova formação, com riffs precisos, cozinha técnica, e linhas vocais acima da média. E o disco segue nessa linha rápida e agressiva até o final, sem dar tempo para o ouvinte sequer respirar. Na versão especial há ainda uma interessante versão para "Killing in the Name", do RAGE AGAINST THE MACHINE, bem mais pesada que a original, embora sem muitas mudanças nos arranjos.

A qualidade de gravação também esta excelente, graças ao trabalho do experiente Logan Mader, que conseguiu deixar o som bem orgânico e violento.

Um disco para firmar de vez o nome do BONDED BY BLOOD entre as bandas mais interessantes do thrash metal da atualidade, "Aftermath" é um trabalho coeso do começo ao fim, e fará a alegria dos thrashers de plantão.

Aftermath – Bonded By Blood
(2012 – Erache Records– Importado)

1. I Can t Hear You
2. Shepherds of Rot
3. The Aftermath
4. Crawling in the Shadows
5. In a Wake
6. Repulsive
7. Among the Vultures
8. Show No Fear
9. Restless Mind
10. Left Behind
Bonus Track:
11. Killing in the Name (Rage Against The Machine Cover)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:
Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps




publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.
Mais matérias de Junior Frascá.