Split: Pankreatite Necro Hemorrágica e Lymphatic Phlegm

Resenha - Split - Pankreatite Necro Hemorrágica e Lymphatic Phlegm

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

Por Christiano K.O.D.A.
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Esse aqui é de emocionar, mesmo! Como é bom saber que alguns selos ainda investem em vinil! Mais espantoso é fazer isso com bandas do extremo underground. Isso é que é atitude! Mais do que isso: trata-se de amor verdadeiro à cena. Portanto, parabéns desde já à Sonoros e à Rotten Foetus pelo lançamento!

5000 acessosSlash: guitarrista fala sobre a origem da sua cartola5000 acessosAvenged Sevenfold: 10 músicas que podem fazer você mudar de idéia

Após enxugar as lágrimas, é hora de analisar. De acordo com a etiquetinha do play, o lado A abre o espetáculo de horrores (no bom sentido) com uma das mais tradicionais bandas nacionais do Goregrind, a Lymphatic Phlegm. Aliás, ela ultrapassa as barreiras brazucas: esse grupo é uma lenda internacional também, e continua na ativa, firme e forte, incrível!

O jeitão de fazer as composições continua intacto, apoiando-se no som bem ruidoso (produção suja ao extremo), de baixa afinação, no abuso da bateria programada e com aqueles vocais indecifráveis, quando parece que a pia está desentupindo.

Curiosamente, nem mesmo os integrantes do conjunto têm certeza sobre a origem das músicas e não as intitulam. Apenas afirmam que não foram lançadas, mas que provavelmente já foram regravadas em alguma oportunidade. Mas em resumo, é aquela sonzera de moedor de carne totalmente característica dos paranaenses.

Do lado B do disco, uma banda que vem se consagrando no quesito brutalidade, a Pankreatite Necro-Hemorrágica, numa linha Goregrind menos podre, mas tão insolente quanto a Lymphatic.

Aliás, merecem destaque pela boa produção (a gravação inclusive está com volume mais alto) e pelas boas composições. O baterista Tumor, quando engata no ‘blast beat’, parece desesperado em tocar o mais rápido possível! Mas tudo está conciso e os vocais de Abnormal Fucker e Zé Butcher, putridamente bem berrados. Totalmente incompreensíveis!

As seis composições do quarteto do interior de São Paulo (Piracicaba) são eficientes e passam toda a violência possível às orelhas do pobre ouvinte. Detalhe para a semelhança do início da faixa de abertura (bem no comecinho mesmo) – “Welcome to the Putrid Orgy” -, que remete a “Birth of Ignorance”, da Brutal Truth (“Extreme Conditions Demand Extreme Responses”).

A bolachinha soma dez minutos somente, mas a devastação compensa o curto tempo. E a capa da Lymphatic Phlegm é muito bonita. E doente.

O split é demolidor e deve ser adquirido urgentemente. Não é todo dia que sai um material tão bacana assim em vinil, né?

Pankreatite Necro-Hemorrágica/Lymphatic Phlegm – Gastro Intestinal Stromal Tumors/Late Pathological Findings – II (split 7’’ EP)

Sonoros Records/Rotten Foetus Records – 2012 – Brasil

Lymphatic Phlegm – rasilka@ig.com.br

Pankreatite Necro-Hemorrágica
http://www.myspace.com/pnhgoregrind
pancreatitenh@gmail.com
zerts69@gmail.com

Tracklist
1. Lymphatic Phlegm - Unknown
2. Lymphatic Phlegm - Unknown
3. Lymphatic Phlegm - Unknown
4. Lymphatic Phlegm - Unknown
5. Lymphatic Phlegm - Unknown
6. Lymphatic Phlegm – Unknown
7. Pankreatite Necro Hemorragica - Welcome to the Putrid Orgy
8. Pankreatite Necro Hemorragica - Frouner's Gangrene of the Scrotum
9. Pankreatite Necro Hemorragica - Surgical Removal of Clitoral Cyst
10. Pankreatite Necro Hemorragica - Infected With Gonorrhea Contracted Through Anal Penetration of a Dirty Slut Addicted to Amphetamines in the Bathroom of the Bar do Jegue
11. Pankreatite Necro Hemorragica - Total Uterine Prolapse
12. Pankreatite Necro Hemorragica - Colon Rectal Anal Fistula

Fonte: Som Extremo
http://somextremo.blogspot.com
@som_extremo

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Pankreatite Necro Hemorragica"0 acessosTodas as matérias sobre "Lymphatic Phlegm"


SlashSlash
Guitarrista fala sobre a origem da sua cartola... roubada

A7XA7X
Músicas que podem (ou não) fazer você mudar de idéia

Bon JoviBon Jovi
Freira italiana arrebenta em "Livin' On A Prayer"

5000 acessosRock: os 100 discos mais vendidos de todos os tempos nos EUA5000 acessosAjustes e consertos em baixos e guitarras5000 acessos7 bandas que vieram apenas uma vez ao Brasil5000 acessosHelloween: Andi Deris v.s. Michael Kiske5000 acessosMetallica: Lars mandou apagar baixo de Jason em AJFA, diz produtor2592 acessosPaul McCartney: "Me chamo Fabíola e você é fabuloso!"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.