Resenha - Deathless Beauty of the Silence - Clawn

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Christiano K.O.D.A., Fonte: Som Extremo
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Na época desse lançamento (que ainda está à venda, tanto diretamente com os integrantes, quanto na própria Black Hole Productions - http://www.blackholeprods.com/), a Clawn já chamou muito a atenção pelo som duríssimo, calcado no brutal Death Metal. Não faz tanto tempo assim, é verdade, mas o número de bandas extremas na época crescia de maneira espantosa. Em cada esquina, brotava um grupo barulhento. Só que esse trio, de Botucatu/SP, se destacou na cena e fez de "Deathless Beauty of the Silence" um álbum 'cult' no nosso underground.

AC/DC: "Chuck Berry foi o maior babaca que já vi na vida"King Diamond: O que significa ser Satanista?

Esse grande trabalho já abre com a música mais conhecida do conjunto (até o momento) - "Sexual Religious Dementia" (ver clipe no final). Mas a violência desenfreada de "Endless Suffering", "Suffocated" (ótima, com riffs à la Cannibal Corpse dos tempos do "The Bleeding"), "Slavery Mental State" (pig vocal maravilhoso) e a que fecha o CD - "Last Clear Sight" (com palhetadas que parecem marteladas) - mostra que o brutal Death está no sangue e nos ossos dos membros da banda.
É bom lembrar que durante todo o disco, perfazem um caminho recheado de violência, quase não dando um tempo para respiro.

Outro fato que despertou curiosidade foi o fato de a baterista ser uma mulher. Sim, Melissa Maitan (que não está mais no grupo) espanca seu kit com uma técnica fantástica, sendo bastante veloz e mudando o andamento das composições com facilidade.

Já Fabio Regina e Rodolfo Carrega continuam firmes até hoje na Clawn. Aliás, esse é um ótimo diferencial para a banda: eles se dividem entre vocais guturais e rasgados, muitíssimo bem cantados. Quando os berros saem dobrados, é uma aniquilação!

A produção, no geral, é boa, principalmente se contarmos que o trabalho foi feito "em partes", com diferentes sessões de gravação entre 2002, 2003 e 2004. Portanto, a qualidade das gravações varia perceptivelmente, mas nenhuma de fato compromete.

Agora, a capa é um espetáculo à parte. Ela passa um clima denso e ao mesmo tempo delicado. A interessante notar o contraponto entre a imagem angelical da figura sentada e os inúmeros crânios depositados em seus pés.

Com esse álbum de estreia, a Clawn garantiu sua vaga no underground. O que posso dizer é que "Deathless Beauty of the Silence" foi só o começo...

Clawn - Deathless Beauty of the Silence
Black Hole Productions - 2006 - Brasil

clawnbrutaldeath@gmail.com
http://www.myspace.com/clawnbrutaldeath

Tracklist
1. Sexual Religious Dementia 03:47
2. My Word Against Your Lies 03:22
3. Endless Suffering 03:08
4. Karmic Existence 03:34
5. Suffocated 02:04
6. The Essence Of Chaos 03:16
7. Slavery Mental State 01:09
8. Human Remains 02:23
9. Messages Of A Failed Messiah 03:30
10. Convict To Live In Pain 03:43
11. Bitter Taste Of Disillusionment 04:37
12. Last Clear Sight 01:55




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Clawn"


AC/DC: Chuck Berry foi o maior babaca que já vi na vidaAC/DC
"Chuck Berry foi o maior babaca que já vi na vida"

King Diamond: O que significa ser Satanista?King Diamond
O que significa ser Satanista?

Iron Maiden: curiosidades sobre o The Number Of The BeastIron Maiden
Curiosidades sobre o "The Number Of The Beast"

Megadeth: "Magia negra arruinou minha vida", diz MustaineStairway to Heaven: o maior hit do Led ZeppelinJimmy Page: "não ouçam Led Zeppelin em MP3"Dream Theater: o vacilo na capa de "A Dramatic Turn of Events"

Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.