Scrok: Thrash oitentista, veloz e com seções cadenciadas

Resenha - Devastation - Scrok

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Ver Acessos


A história do SCROK começa em Timom (MA) no distante 1993 e, ao longo dos anos, liberou as demos "First" e "Real Truth", que possibilitaram que tocassem ao lado de nomes como Hibria, Shaman, Krisium, Angra, etc. Após inúmeras trocas de músicos, em 2007 a banda deu uma parada em suas atividades e somente agora está retornando, devidamente reformulada.

Phil Anselmo: mandou um "White Power" mas nega ser racistaInstagram: as fotos mais legais do perfil de James Hetfield

O EP "Devastation" marca o regresso do Scrok ao cenário e também acabou se tornando uma espécie de marco em comemoração aos 18 anos desde sua fundação. São apenas três faixas orientadas pelo Thrash Metal oitentista, veloz e com algum espaço para seções mais cadenciadas, que primam pelo competente trabalho de guitarras e um senso para as melodias bastante marcante.

Independente de a timbragem das guitarras ser algo deficitária, as canções "Devastation", "Creeping Children Tales" e "Disgrace Online" cumprem o papel de reintroduzir o Scrok ao cenário underground e dão a indicação de que chegou a hora de marcar a estreia com um disco completo. Merece uma boa conferida, principalmente por parte dos thrashmaníacos!

Contato:
http://www.scrok.com.br
http://www.myspace.com/scrok

Formação:
Valter 'Índio' Reis - voz e baixo
Juliano Sousa - guitarra
Eduardo Macedo - guitarra
Félix Briano - bateria

Scrok - Devastation
(2011 / CD-Demo - nacional)

01. Devastation
02. Creeping Children Tales
03. Disgrace Online




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Scrok"


Phil Anselmo: mandou um White Power mas nega ser racistaPhil Anselmo
Mandou um "White Power" mas nega ser racista

Instagram: as fotos mais legais do perfil de James HetfieldInstagram
As fotos mais legais do perfil de James Hetfield

Rock In Rio: por que ladrões agem menos no dia do Metal?Rock In Rio
Por que ladrões agem menos no dia do Metal?

Frances Bean Cobain: assustada com tatuagem de fãFrances Bean Cobain
Assustada com tatuagem de fã

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1980Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1980

Guns: Incontinência de Slash ajudou na escolha de restauranteGuns
Incontinência de Slash ajudou na escolha de restaurante

Watchmojo: os 10 clipes mais ridículos dos 80'sWatchmojo
Os 10 clipes mais ridículos dos 80's


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336