Panndora: Jovens paranaenses batalhadoras pelo Metal

Resenha - Heretic's Box - Panndora

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Jackson Wójcik Pinto
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Não há dúvida que uma banda brasileira de heavy metal formada por mulheres, por si só, já é motivo de orgulho a nós, roqueiros tupiniquins, mas aliado a isso toda a técnica, garra e competência das meninas da banda Panndora, da cidade paranaense de Maringá, é algo que merece um destaque em qualquer publicação séria que reporte-se a boa música, como é o caso deste conceituado veículo de imprensa.
5000 acessosÁlbuns ao vivo: 10 grandes registros da história do rock5000 acessosIron Maiden: Caipiras finlandeses fazem versão de "The Trooper"

Composta, única e exclusivamente por mulheres, bem na linha de bandas como Girlschool, Phantom Blue e Vixen, lá nos idos e gloriosos anos 80, foi formada em 2000, sendo inicialmente batizada como Wind of Fate, passando por várias mudanças em seu line up desde então e alterando também o nome para o atual e já tocou em vários estados brasileiros. Elas declaram-se muito influenciadas por bandas clássicas dos anos 80, como Kiss, Twisted Sister, Grave Digger, Wasp, Judas, Manowar, Quiet Riot, entre outros. Só por aí já dá pra ter uma ideia do que nos aguarda nesse seu segundo lançamento, que é o Heretic's Box.

Para a banda este é o seu debut álbum, entretanto não podemos esquecer os seus lançamentos anteriores, que foram o CD demo “Choose Your Side” (2003) e o disco intitulado apenas “Panndora”, de 2007. As músicas de seus registros anteriores aparecem aqui, com nova roupagem e interpretadas pela vocalista Rebeca Rastelli (que já saiu da banda sendo substituída por Renata Paschoa, mas essa é outra história, vou deter-me ao álbum em si).

Gravado no renomado estúdio Da Tribo em São Paulo, pelo experiente produtor Ciero, este registro vem com um total de onze faixas, sendo oito delas já nos são conhecidas pelos discos anteriores, só que regravadas com muito mais recursos e com os novos vocais, que causaram uma boa impressão, especialmente “Killing Yourself” e “Wild Battle”. A inédita e muito rápida “Prisioner” mostra o quanto elas evoluíram ao longo desses últimos dez anos de estrada, já que é muito coesa, rápida e pesada na dose certa, com a dupla de guitarristas Luana Bomb e Camila Castaño mandando ver com riffs sensacionais. O hard rock empolgante da também inédita “Devil's Man” vem com uma batida da baterista fundadora da banda, Adrismith muito precisa acompanhada do pulsante e bem marcado baixo da Taise Bijora, e para encerrar com chave de ouro este precioso lançamento, elas emendam um cover para a música “Prisioner Of Your Time” da verdadeira lenda alemã do heavy metal, o Running Wild.

Vale a pena conferir o trabalho dessas jovens paranaenses batalhadoras pelo heavy metal nacional.

http://www.panndora.net

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Panndora"

GaleriaGaleria
Mais musas do rock/metal nacional

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Panndora"

Álbuns ao vivoÁlbuns ao vivo
10 grandes registros da história do rock

Iron MaidenIron Maiden
Caipiras finlandeses fazem versão de "The Trooper"

Led ZeppelinLed Zeppelin
O que você sempre quis saber sobre "Stairway To Heaven"

5000 acessosLemmy Kilmister fala de Sharon e Iron Maiden5000 acessosCradle Of Filth: Dani Filth explica seu conceito de religião5000 acessosBlues Pills: conheça o novo Led Zeppelin5000 acessosAndreas Kisser: como foi escolher um novo vocalista5000 acessosLegião Urbana: semelhanças com faixas dos Ramones e Stooges?5000 acessosBruce Dickinson: Steve Harris e a banda odeiam punk rock

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Jackson Wójcik Pinto

Jackson é apresentador do programa de TV Rocktime, apreciador do bom e velho rock and roll em todas as suas vertentes, desde blues até metal extremo, com uma nítida queda por hard rock e heavy metal tradicional. Roqueiro inveterado há mais de 35 anos, escreve sobre rock para diversos blogs e tem muito orgulho de, ainda que eventualmente, colaborar também com o site Whiplash.

Mais matérias de Jackson Wójcik Pinto no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online