Van Halen: as primeiras experiências com teclado

Resenha - 1984 - Van Halen

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Rogerio Hamam
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 10

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


A proximidade do lançamento do tão aguardado novo álbum do Van Halen com David Lee Roth nos vocais, traz uma excelente oportunidade de resgatarmos o último registro desta formação: o clássico “1984”, que vendeu mais de 10 milhões de cópias somente nos EUA, atingindo a posição de #2 no Top 100 da Billboard, onde permaneceu por 77 semanas.
5000 acessosTop 20: os discos e singles mais odiados do rock, segundo o UCR5000 acessosSasha Grey: sua real paixão pela música de atitude e sua coleção de vinil

“1984” é também um marco na história do grupo, apresentando claras tendências pop, acentuadas com a inédita presença de teclados nas composições. Pianista em sua iniciação musical, Eddie Van Halen foi quem assumiu a tarefa, mostrando praticamente a mesma intimidade que o consagrou como mestre das seis cordas. A introdução instrumental, que leva o nome do álbum, é uma viagem com pouco mais de um minuto de efeitos de sintetizador, utilizados como parte do solo de baixo de Michael Anthony durante as apresentações ao vivo da banda.

Este trecho de abertura também prepara o ouvinte para o mega hit “Jump”, música mundialmente conhecida, que teve seu vídeoclip exaustivamente repetido nos programas musicais da época. Destaque para o solo de guitarra que introduz o ainda mais magnífico solo de teclado, em um momento de rara genialidade. “Panama”, cuja letra menciona um carro e não o país da América Central, traz um riff marcante e mais alguns trechos de um Eddie Van Halen extremamente inspirado.

Outro vídeoclip inesquecível do início dos anos 80 foi “Hot For Teacher”, que desta vez destacou o desempenho do irmão mais velho, Alex Van Halen e a histórica introdução que explora todos os recursos de sua bateria. “I´ll Wait” é mais uma bela composição que foi bastante executada nas rádios e mostra alguns traços de AOR. Este direcionamento gerou conflitos internos entre os integrantes, motivando a futura troca de vocalistas.

As faixas “Drop Dead Legs” e “Girl Gone Bad” mantêm a sonoridade hard rock característica do quarteto, remetendo ao início da carreira. Destaques para “Top Jimmy” que homenageia uma banda de rhythm and blues de Los Angeles e “House Of Pain”, sem dúvida, a composição mais pesada do disco.

“1984”, que integra a lista dos 200 álbuns definitivos indicados pela equipe do Rock And Roll Hall Of Fame, é um item essencial na discografia do Van Halen e obrigatório na coleção de qualquer amante de rock com qualidade, neste caso, indiscutível!

1. 1984
2. Jump
3. Panama
4. Top Jimmy
5. Drop Dead Legs
6. Hot for Teacher
7. I'll Wait
8. Girl Gone Bad
9. House of Pain

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de 1984 - Van Halen

2017 acessosVan Halen: "1984" ainda é uma referência na discografia do grupo5000 acessosTradução - 1984 - Van Halen

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Top 20Top 20
Os discos e singles mais odiados do rock, segundo o UCR

434 acessosLoudwire: em vídeo, 10 maiores riffs de metal dos anos setenta0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Van Halen"

The MinionsThe Minions
Tocando "Eruption", do Van Halen

Van HalenVan Halen
David Lee Roth fez seguro de seu pênis

Van HalenVan Halen
Intestinos de Eddie literalmente explodiram

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Van Halen"

Sasha GreySasha Grey
Sua real paixão pela música de atitude e sua coleção de vinil

NickelbackNickelback
11 razões para respeitar - muito - a Chad Kroeger

Collectors RoomCollectors Room
Uma impressionante coleção de ítens do Iron Maiden

5000 acessosCapas de álbuns: 30 das piores artes da história5000 acessosDave Navarro: conheça a filha atriz pornô do músico5000 acessosMetallica: James Hetfield explica suas tatuagens preferidas5000 acessosIggy and the Stooges: Raw Power, a trilha sonora do fim do mundo5000 acessosMetal: 16 músicas dos anos 80 para se escutar durante o treino4171 acessosPink Floyd: "Animals foi mal gravado e podemos remixar"

Sobre Rogerio Hamam

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online