Sodomizer: Um álbum fantástico do início ao fim!

Resenha - Jesus Is Not Here Today - Sodomizer

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

9


É, há muitas bandas por aí que estão conquistando seu espaço de forma consideravelmente discreta... E esse é o caso do Sodomizer, veterano do Rio de Janeiro na ativa desde 1999 e que está lançando agora seu terceiro álbum, "Jesus Is Not Here Today", através do selo japonês Deathrash Armageddon Records, e já com previsão de também chegar ao mercado no formato vinil e picture-disc através da dinamarquesa Horror Records.

Os cariocas sempre tiveram por objetivo elaborar um Heavy Metal com toda aquela configuração oitentista e repleta de influências do Power, Speed e Black Metal, inserindo toda uma temática típica das películas de terror (é o consagrado italiano Lucio Fulci, responsável pelos filmes gore "Zombie" e "The Beyond" quem está sendo homenageado na capa do disco), além de pornografia e ocultismo. Ou seja, os elementos com um perverso senso de diversão, mas que contestam atitudes e normas sociais a ponto de se tornarem ícones da cultura underground.

publicidade

É claro que, com este perfil, referências aos grandes mestres – Motorhead, Venom, King Diamond, Hellion, Dorsal Atlântica, Vulcano, etc, etc e etc – aparecem a todo instante. Mas, se comparado com os discos anteriores, em "Jesus Is Not Here Today" o Sodomizer explora os arranjos optando por seguir uma linha não tão veloz e mais tradicional, o que simplesmente adiciona maior apelo ao repertório, e de forma a não comprometer sua proposta, pois cada componente do estilo está novamente em seu devido lugar.

publicidade

E é realmente refrescante ouvir algo tão profundamente aninhado no som clássico do gênero... As músicas conseguem se distinguir entre si, mas nunca se afastando do quadro geral e oferecendo petardos como "Lucio Fulci", "When The Devils Order Is Better Obey" e a própria faixa-título, além de uma sensibilidade toda especial no bonito interlúdio acústico "The Ghost In The Graveyard Fog". Bom, a realidade é que este é um álbum fantástico do início ao fim!

publicidade

"Jesus Is Not Here Today" estava em dedicada gestação desde a primeira metade de 2008 e se revelou o melhor trabalho do Sodomizer até a presente data. Uma obra indispensável não somente ao headbanger da velha escola, mas também importantíssima para a nova geração compreender um pouco mais do atual estágio em que o Heavy Metal se encontra. Apesar de este ser mais um disco importado no próprio país de origem de seus criadores, os interessados podem adquirir seu exemplar através do e-mail [email protected] Tal aquisição dificilmente proporcionará arrependimentos!

publicidade

Contato: www.myspace.com/thetruesodomizer

Formação:
Warlock - voz e guitarra
Poison Hell - guitarra
Leatherface - baixo
Zombie - bateria

Sodomizer – Jesus Is Not Here Today
(2011 / Deathrash Armageddon Records - importado)

01. Lucio Fulci
02. The Ghost In The Graveyard Fog
03. Amityville
04. When The Devils Order Is Better Obey
05. Jesus Is Not Here Today
06. Let's Satan Take Your Soul
07. The Ceremony
08. Fighting With Zombies

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Vinil: quais são os dez discos mais valiosos do mundo?Vinil
Quais são os dez discos mais valiosos do mundo?

Eddie Van Halen: falando sobre o solo de Beat ItEddie Van Halen
Falando sobre o solo de "Beat It"


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin