Ozzy Osbourne: seu melhor trabalho desde o "Ozzmosis"

Resenha - Scream - Ozzy Osbourne

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Carlos Eduardo Garrido, Fonte: Café Com Ócio
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


É com grande ansiedade que os fãs esperavam pelo lançamento de “Scream”, novo álbum de Ozzy Osbourne. Tamanha expectativa criada tinha dois fatores principais. O primeiro era o fato de ser o disco de estreia do novo guitarrista, Gus G (FIREWIND, NIGHTRAGE, DREAM EVIL), que entrou no lugar de Zack Wylde, que estava há 22 anos na banda. E o segundo motivo era porque, se os últimos trabalhos de Ozzy não foram os melhores da carreira, pelos menos, vinham numa crescente. “Down to Earth”(01) foi fraco e “Black Rain” (07) é apenas mediano, mas já mostrou uma boa melhora. Então, se continuar nesse ritmo, é para “Scream” ser um, pelo menos, um bom álbum.
39 acessosOzzy Osbourne: Uma porrada em Zakk Wylde na divulgação de festival5000 acessosSeparados no nascimento: Paul Stanley e Ioná Magalhães

De fato, o novo disco do madman pode ser considerado seu melhor trabalho desde “Ozzmozis” (95), entretanto, ainda está aquém daquilo que o vocalista já produziu em seu auge nos anos 80 e começo de 90. Porém, “Scream” possui algo interessante a seu favor, é daqueles discos que quanto mais você ouve, mais você gosta. Então pode ser que daqui um tempo, ele se torne um dos meus preferidos.

A sonoridade de “Scream” remete aos últimos discos de OZZY, com guitarras pesadas e ritmo cadenciado, além de alguns efeitos modernosos tanto nos vocais quanto no instrumental, vez ou outra. Efeitos esses que não me agradam muito, mas que renderam bons frutos, como na forte “Let it Die”, que abre o disco muito bem. A sequencia com “Let Me Hear You Scream” e “Soul Sucker” mantém o peso em alta e dão a impressão de que este será um grande disco. A faixa seguinte, “Life Won’t Wait”, é uma semi-balada muito bem construída e mantém a sensação de que este álbum irá superar as expectativas. “Diggin’ Me Down” trás o peso de volta e em grande estilo, uma das melhores deste “Scream”.

Entretanto, daí em diante a qualidade cai e nenhuma das músicas seguintes deve figurar entre as preferidas dos fãs. Nisso já estamos na metade do disco. Não que elas sejam ruins, mas também não são nada demais. Uma pena para um álbum que começou tão bem. Mesmo assim está a frente dos lançamentos de 2000 para cá.

Quanto ao novo guitarrista, quem o conhece sabe do talento que ele possui. Em “Scream” ele faz uma boa participação. Entretanto, é bem provável que a maioria do material já estava escrito antes dele chegar. Já que as músicas são todas composições de Ozzy em parceria com o produtor Kevin Churko. Quero mesmo é ouvir as composições que vierem da dupla formada pelo príncipe das trevas e por Gus G. Afinal, a carreira solo de Ozzy é o que é hoje graças à seus fieis escudeiros das seis cordas. É esperar pra ver. Mas o começo parece promissor.

Ozzy Osbourne – Scream (Epic, 2010)

1."Let It Die"
2."Let Me Hear You Scream"
3."Soul Sucker"
4."Life Won't Wait"
5."Diggin’ Me Down"
6."Crucify"
7."Fearless"
8."Time"
9."I Want It More"
10."Latimer’s Mercy"
11."I Love You All"

Ozzy Osbourne - vocalista
Gus G. - guitarra
Rob Nicholson - baixo
Adam Wakeman - teclados
Tommy Clufetos - bateria, percussão

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Scream - Ozzy Osbourne

4468 acessosOzzy Osbourne: um álbum surpreendente, pesado e moderno4843 acessosOzzy Osbourne: o astro do rock'n'roll está em forma5000 acessosOzzy Osbourne: Metal cheio de personalidade e ainda atual5000 acessosOzzy Osbourne: mero aperitivo do que está por vir?

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Madman publica foto de ensaio com Zakk Wylde

39 acessosOzzy Osbourne: Uma porrada em Zakk Wylde na divulgação de festival1384 acessosLoudwire: em vídeo, os 10 maiores riffs de metal dos 80's0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Ozzy Osbourne"

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Fotos dos bastidores de "Bark at the moon"

Heavy MetalHeavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados no ano de 1983

Kelly OsbourneKelly Osbourne
Filha do Madman sofre a vingança do morcego

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Ozzy Osbourne"

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
Paul Stanley e Ioná Magalhães

RushRush
Alex Lifeson lista seus três melhores solos de guitarra

Thrash MetalThrash Metal
Dez novas promessas, incluindo uma brasileira

5000 acessosIron Maiden: uma releitura de "The Trooper" pelo Cine5000 acessosGuitar World: as 50 melhores canções de Rock de todos os tempos5000 acessosResenha - Sgt. Peppers - Beatles5000 acessosMáscaras: colecionador tem todas as do Ghost, Slipknot e mais4377 acessosIron Maiden: Blaze Bayley acredita que era odiado pelos fãs4164 acessosBlaze Bayley: problemas mentais e depressão atrapalharam sua carreira

Sobre Carlos Eduardo Garrido

Jornalista formado. Descobriu o Heavy Metal aos 15 anos de idade e desde então, não vive mais sem esse estilo de música. Suas bandas preferidas são Metallica, Iron Maiden, Savatage, Angra, Blind Guardian, dentre muitas outras. Através do jornalismo conseguiu unir suas duas paixões: escrita e música. Além de colaborar com o Whiplash, mantém o blog ociocomcafe.blogspot.com.

Mais matérias de Carlos Eduardo Garrido no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online