Karybdis: banda não apresenta inovação, mas apresenta garra

Resenha - War For Land - Karybdis

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

9


Com base na Inglaterra, esta nova e 'multicultural' banda possui em sua formação músicos ingleses, franceses e indianos. Adotando o nome (que soa tão bizarro aos ouvidos) Karybdis, a famosa e mítica criatura marítima da 'Odisséia', de Homero, o pessoal iniciou suas atividades no finalzinho de 2008 e desde então vem lapidando seu estilo, cujo resultado pode ser conferido neste EP apropriadamente chamado "War For Land".

São apenas três canções relativamente longas – entre cinco e seis minutos – que encaram o chamado Death Metal Melódico, mas seguindo a ala realmente agressiva do estilo. Ainda que as faixas sejam de primeira, com vocalizações berradas e seção instrumental que mescla passagens bem velozes a outras cadenciadas, certamente o destaque recai sobre a própria faixa-título, que resume bem a proposta do Karybdis, mas com inserções de música oriental lhe garantindo considerável vantagem.

publicidade

Mas, como todo bom EP que se preze, seu maior defeito é a audição girando em torno de apenas míseros 17 minutinhos. Normal... Com uma produção de primeira, o Karybdis não apresenta inovação, mas apresenta garra. Muita garra. Tanto que, com "War For Land", o conjunto prova estar mais do que pronto para marcar sua estreia com um disco completo. Indicadíssimo!

publicidade

Contato:
http://www.karybdis.com
http://www.myspace.com/karybdisband

Formação:
Gil Renault - voz
Pierre Dujardim - guitarra
Harsha Dasari - guitarra
Jay Gladwin - baixo
Mitch McGugan - bateria

Karybdis - War For Land
(2010 / EP independente – importado)

publicidade

01. War For Land
02. Worth It
03. Strain




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Capas de disco: como seriam se fossem gifs animadosCapas de disco
Como seriam se fossem gifs animados

Metal contra o câncer: festival aceita cabelo como ingressoMetal contra o câncer
Festival aceita "cabelo" como ingresso


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin