Matérias Mais Lidas

imagemFãs detonam produção do Knotfest após anúncio do Pantera

imagemTrês novas bandas serão anunciadas como atrações do Knotfest Brasil

imagemA música do Raul Seixas com erro gramatical que parece um plágio mas é uma homenagem

imagemA melhor música de heavy metal lançada a cada ano desde 1970, em lista do Loudwire

imagemDiretora de escola censurada por pais por foto com camisa do Iron Maiden se arrepende

imagemSamuel Rosa chama guitarrista do Pearl Jam de "menino mimado" por quebrar instrumentos

imagemO carinhoso jeito de Axl Rose se desculpar com sua equipe pelo seu jeito imprevisível

imagemPantera tocará no festival Knotfest Brasil, segundo jornalista

imagemOzzy diz que chamou Jimmy Page para novo álbum, mas guitarrista nunca respondeu

imagemO arrependimento que David Bowie carregava em relação a Elvis Presley

imagemDave Mustaine não queria usar as ideias de Ellefson, diz ex-baixista do Megadeth

imagemFrank Zappa surpreende ao eleger seus dez álbuns favoritos

imagemMúsico de Los Angeles compartilha foto recente de Alex Van Halen

imagemDave Mustaine revela que Megadeth gravou cover do Judas Priest para a Amazon

imagemAmy Lee surpreende ao escolher os melhores cantores (e cantoras) de todos os tempos


2022/08/18
Stamp

Device: ótimo Death mesclado a Thrash e pitadas de Grind

Resenha - Behold Darkness - Device

Por Ben Ami Scopinho
Em 26/01/10

Oriundo do Distrito Federal, o Device começou suas atividades em 2004 e três anos depois liberou o EP "Behold Darkness", contando com uma excelente produção de Caio Duarte (Dynahead), e cujas canções inclusive fazem parte da trilha sonora do filme independente "A Capital dos Mortos", o primeiro longa-metragem nacional do gênero zumbis.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Em 2009 "Behold Darkness" passou a ser distribuído na Europa através do selo Death Toll Records e se revela um excelente registro para ser conhecido pelos amantes da música extrema. A primeira canção, "Possessed", possui um início que consegue enganar os desavisados em função de suas melodias apuradas. Mas isso dura pouco tempo...

O que o Device apresenta é um ótimo Death Metal mesclado ao Thrash e pitadas de Grind, em arranjos que vão do veloz ao mais cadenciado. Os brasilienses possuem grande segurança em sua proposta – em especial em relação às linhas vocais ultra-guturais e à avalanche de riffs – garantindo um clima bastante atormentador ao longo dos quase 20 minutos de audição, tendo como destaques a mencionada "Possessed" e "Verme", a única cantada em português, mas que possui um impacto e tanto.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Vale mencionar que foi com "Behold Darkness" que os brasilienses atingiram o segundo lugar da seletiva regional do Centro-Oeste no concorridíssimo W:O:A Metal Battle Brasil de 2008. Calcado na velha escola, mas atento às sonoridades mais modernas, o Device merece uma cuidadosa atenção por parte do público que aprecia obras de mestres como Cannibal Corpse, Slayer, Deicide e Six Feet Under. Um excelente EP de uma banda que já demorou em liberar um álbum completo.

Contato: www.myspace.com/devicebrasil

Formação:
Italo Guardieiro - voz
Marco Di Vicenti - guitarra
Marco Mendes - guitarra
Daniel Gonçalves - baixo
Victor Del Duca - bateria

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Device – Behold Darkness
(2009 / independente - nacional)

01. Primatemaia Disseminata (Intro)
02. Possessed
03. Soul Of Maggots
04. Kill You
05. Verme


Outras resenhas de Behold Darkness - Device

Resenha - Behold Darkness - Device

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

2022/07/09


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Fotos de Infância: Gene Simmons, do Kiss

Marilyn Manson: ele removeu costelas para praticar autofelação?


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre

Mais matérias de Ben Ami Scopinho.